“Rio-2016 diz ser inegociável data para devolver Maracanã e frustra Fla-Flu”

O Comitê Rio-2016 diz que precisa de tempo para recuperar o Maracanã e por isso entende ser inegociável a data de devolução de 30 de outubro. Flamengo e Fluminense gostariam de ter a arena antes para realizar jogos do Brasileiro ainda no próximos mês.

A festa de encerramento dos Jogos Paraolímpicos é no dia 18 de setembro, sendo o último evento do comitê no Maracanã. Depois disso, o comitê prevê 42 dias para poder ajeitar o estádio, principalmente o gramado. Por isso, o contrato prevê a entrega só em 30 de outubro.

“Temos que recuperar o estádio e entregar nas mesmas condições que recebemos”, contou o diretor de comunicação do Rio-2016, Mario Andrada. “É inegociável que vamos cumprir a data do contrato. Lembramos que o comitê cedeu o estádio para as finais do Carioca.”

O presidente do Flamengo, Eduardo Bandeira de Mello, disse não ter a informação da data de entrega do Maracanã. “Confiamos em que o estádio será devolvido assim que seja possível”, afirmou. E disse que, caso seja inviável tecnicamente a antecipação, vai analisar o que o clube fará.

Andrada ressalta que, se fossem antecipados prazos, isso poderia causar prejuízo ao Flamengo por jogar em um gramado ruim. Serão realizadas quatro cerimônias de abertura e encerramento de Jogos Olímpicos e Paraolímpicos no Maracanã. Após a Copa do Mundo, o estádio foi devolvido em um prazo bem menor, assim como outras arenas do Mundial.

O Comitê informou que não há nenhuma negociação no momento para antecipar a entrega do Maracanã. “É público que o interesse do Flamengo e de sua torcida é receber o Maracanã o mais cedo possível”, ressaltou Bandeira.

Fonte: Rodrigo Mattos | UOL

Veja também

  • Larga esse maracanã, se ficarei demonstrando ansiedade, vão ficar na mão do Estado, vai por mim.

  • Só nos resta aguardar.
    Vamos lá, Tostes! É a sua vez!

  • Esse comitê olímpico é uma merda!!!

Comentários não são permitidos.