Fla se inspira no Atlético-MG em novo estádio e projeta lucro de R$ 500 mil por jogo

O Flamengo se inspirou no modelo adotado no Independência pelo Atlético-MG para fechar com o estádio Luso-Brasileiro, na Ilha do Governador. Embora muito diferentes em infraestrutura, o estádio traz ao rubro-negro o que precisavam para ficar menos reféns do Maracanã: um alternativa para jogar no Rio. O fator, acreditam, traz ao clube segurança nas negociações, além de ser uma opção de baixo custo esportivo, isto é, não desgasta os jogadores em viagens. Pelos cálculos dos dirigentes, o estádio vai gerar uma receita líquida de cerca de R$ 500 mil por partida.

A ideia dos rubro-negros é atuar no Luso até a fase de quartas-de-final da Libertadores (caso avancem) tendo em partidas de maior apelo uma ampliação da capacidade, de 15 mil lugares para pouco mais de 20 mil. Mas há também estudos que cogitam uma ampliação para até 40 mil lugares, usando todos os espaços do estádio com arquibancadas desmontáveis.

“Vamos ter um investimento inicial no gramado, nos vestiários, nas arquibancadas, mas isso se paga rápido. Num cenário mais conservador, a receita será algo em torno de R$ 500 a R$ 600 mil, mesmo que faturávamos em Cariacica, por exemplo”, disse o diretor-geral do clube, Fred Luz.

Maracanã perto dos franceses e longe do Fla

As negociações do Governo com a dupla Lagardere/BWA avançaram bastante na tarde desta segunda-feira. Um acordo está perto de ser selado com pagamento de cerca de R$ 100 milhões ao Estado e o velho modelo no pacote: construção de shoppings e lojas. O Flamengo não descarta ter o Maracanã como um local para partidas mais importantes, como finais de campeonato, mas vê este cenário como o menos provável no momento:

“Se for algo que atenda às nossas necessidades, podemos jogar lá, sim. Mas continuaremos com a perspectiva de atuar em Brasília, no Pacaembu, em todo o Brasil como fizemos este ano”, afirma Luz.

Fechar com o Independência, do América-MG, foi o grande ganho negocial do Atlético-MG em relação ao Mineirão. Eles jogam no estádio apenas quando lhes interessa, o que traz, sem dúvida, perdas significativas para a administradora, a Minas Arena. Pela mesma experiência passarão os franceses (Lagardere) aliados aos irmãos Balsimelli (BWA), acredita o Flamengo.

O clube também convidará clubes cariocas para atuarem no estádio, como Fluminense e Botafogo, no caso de algum impedimento no Engenhão. O estádio foi utilizado pelo alvinegro na temporada de 2015. A partir de 2016, será de uso exclusivo do rubro-negro, que dividirá com o próprio clube dono do estádio, a Portuguesa, da Ilha do Governador. O contrato firmado é de três anos, prorrogáveis.

Fonte: Gabriela Moreira

  • Será q dá pra fazer com pelo menos 35 mil lugares
    Ficaria excelente

  • Quem sabe o Flamengo não constrói uma parceria legal com a portuguesa e usa o clube como “Clube Escola” para os novatos se manterem ativos e mostrar serviço durante todo um ano…
    Poderiam colocar o Juan com o mesmo cargo do Mozer em nosso profissional.
    Gerente de Futebol nessa espécie de “Flamengo – B”
    Poderia investir em nossos novos jogadores da base com a camisa da portuguesa e disputando campeonatos profissionais de menor expressão a nível brasil e assim observar os jogadores como um Flamengo – B.
    Revitaliza o nome/marca Portuguesa e ainda funciona como time embrião para nosso profissional.
    Ao invés de gastar dinheiro com várias contratações “apostas dos outros”, investiria essa grana na formação e manutenção em conjunto com a Portuguesa desse novo projeto Rubro Negro.
    Talvez NUNCA mais gastássemos grana em apostas de outros clubes, criaríamos a máxima “Aposta o Flamengo faz em casa” !!!
    Que tal???
    Saudações!!!

  • And Bandeira calls the BLUFF!

  • Flamengo tinha que firmar com alguma patrocinadora para montar uma arquibancada de uns 50 mil lugares no estilo do estadio do boca Juniors a MRV podia se envolver nisso.

  • Isso tudo poderia ter sido feito na Gávea, há anos…Infelizmente se apegaram ao velho Maracanã e deixaram de lado nosso patrimônio. Ainda dá tempo de se fazer algo na sede…

    • Flamengo sonha com isso, mais na realidade nunca vai conseguir, graças associação de moradores e governo, que fica barrando. Levou 5 anos para liberar a construção da arena MC imagina um estádio.

  • Um estádio com pouco mais de 20 mil pessoas não é estádio pra jogar libertadores,se for possível jogar libertadores em outro estado sem ser o seu de origem,oque acho Que é, poderíamos mandar no Pacaembu que não teria tanto desgaste,gastar uma fortuna pra deixar esse estádio confortável pro time e pro torcedor, só faz sentido se em 2017 começamos a se mexer sobre o estádio próprio.

    • Jogos para vender 50 mil ingressos ou mais o Flamengo “aluga” para esse jogo o maraca.
      Aí financeiramente compensa até um aluguel pontual na pior das hipóteses.
      Flamengo e sua diretoria tiveram um curso intensivo esse ano de benefícios X perrengues de jogar fora do Rio e onde é mais ou menos viável financeira ou tecnicamente para o Flamengo algum deslocamento Off-Rio.
      Confio no bom senso dessa turma.
      Começaram mandando bem com o acordo da Lusa TOTALMENTE NA ENCOLHA, antecipando o nefasto movimento da FFERJ para ocupar o espaço antes da gente e nos sufocar no maraca.
      Ponto pro Mengão!!!
      Saudações!!!

      • Verdade, fase de grupos dar pra ser ae já que provávelmente não pegaremos nenhuma pedreira, mas eles tem que já ter solução pois não dar pra pegar um atlético nacional ae não.

  • O jeito é a torcida abraçar o estádio e tornar lo um caldeirão, já pensou a ampliação para 40k pessoas? Seria perfeito.

    • Não há HOJE espaço físico pra isso.

      • Reclama com a gabriela Moreira kkkk

        • ????????????????
          Gabriela Moreira ?????????????
          Vou ser mais claro…
          Não existe espaço físico no estádio da lusa para ampliação com segurança para esse número de público.
          No máximo ouvi algo em torno de 25 a 30 mil no máximo.

          • Sim, foi ela quem escreveu a matéria dizendo que há estudo de ampliação para 40k, por isso comentei que seria um caldeirão.

          • LOUCA VARRIDA !!!!
            Não tem ideia do que estava escrevendo…
            Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
            Grande abraço !!!!

          • Kkkkkkkk abçs

  • O Flamengo tem que fazer aquele negocio no gramado que quando chove muito nao fica alagado. Igual tem no maracanã.

    • Drenagem

    • Drenagem…
      Esse sistema o foguinho já preparou e fez quando reformou o estádio.
      Vamos levando vantagem nisso.

  • Investe um dinheiro no Luso, 25k de capacidade, busca parceria com uma empresa pra vender a comida do estádio, promoções pra st enfim faça uma administração de deixar os que querem o maracana com inveja.

    • MUITO provavelmente o farão e aprenderão com isso para nosso FUTURO de Longo prazo estádio próprio.

  • Vai construir o que aonde, se o entorno do Maracanã é todo tombado!?

    • Até concordo com você…. mas estamos no Brasil, o país onde o que é proibido hoje, pode ser votado pelo Legislativo e ficar permitido amanhã… isso de um dia para o outro…. só depende dos interesses e dinheiro envolvidos.

      SRN

    • quem falou em construir algo em volta do Maracanã?

      se estava no edital antigo é porque já teve liberação

      • “As negociações do Governo com a dupla Lagardere/BWA avançaram bastante na tarde desta segunda-feira. Um acordo está perto de ser selado com pagamento de cerca de R$ 100 milhões ao Estado e o velho modelo no pacote: construção de shoppings e lojas.”

        Estava no edital antigo mas não foi possivel derrubar o museu do jndio, a escola e o parque aquatico. Duvido que esse novo administrador consiga.

        • não foi possível porque a pressão popular em cima do governador foi muito grande e ele teve que voltar atrás no edital.. não foi por força de lei ou algo do tipo

  • “As negociações do Governo com a dupla Lagardere/BWA avançaram bastante na tarde desta segunda-feira.”

    Pelo visto a pressão não surtiu efeito. Mas se o Estado e a empresa(que vai se lascar) não voltaram atrás, não é o Fla que deve fazê-lo, aí seria ridículo, é preciso manter o pulso firme agora e acredito que a diretoria o fará com facilidade, afinal não seremos os grandes perdedores da história.

    “O clube também convidará clubes cariocas para atuarem no estádio, como Fluminense e Botafogo…”

    Kkkkk aí já é sacanagem com o botinha né diretoria!

    • Cara, o Maraca eh caso de Lava Jato! Vai ser elefante branco pior q o Mané Garrincha

    • É claro que não vão voltar atrás… o problema é que nunca sabemos ao certo o que esses mafiosos tramam… será que só querem o Maracanã? E se o Maracanã for apenas uma peça de um jogo de interesses muito maior?

      O que não pode é o Flamengo dar pra trás e voltar a ser o otário da vez… lotar estádio para essa corja mamar às custas do clube.

      SRN

      • O Maracanã vai virar uma grande boate, vão fazer diversos eventos lá. Mas nenhum dos times do rio tem calibre pra gerar lucro lá. O contrato que o Fluminense tem com o consórcio é absurdamente deficitário para o mesmo e se mantido vai continuar assim, o botafogo entupido em divida e com o Engenhão vai fazer o que no marcana se nao consegue colocar nem metade do seu próprio estádio, só falta o vasco que mal consegue subir montar um mega time galático ano que vem e lotar o marcana todo jogo, tood jogo não pq alguns eles jogam naquela favela que chamam de campo, convenhamos que é altamente improvável.

        Eu nao do nem um ano pra nego pedir arrego de vez!

        • Por isso que eu disse que o Flamengo não pode dar pra trás… sem Flamengo, não existe Maracanã lucrativo, a não ser que tenha mto mais coisa embaixo do tapete desses mafiosos (Pezão, PMDB, Cabral, Odebreth, Ferj, etc…)

          SRN

        • Talvez 2…

      • Apoiado

Comentários não são permitidos.