Pesquisa sobre torcidas mostra dados preocupantes

Pesquisa do Instituto Paraná mostra um dado preocupante para o mercado da bola. No Brasil, os que não têm time algum (19,5% da população) já superam a torcida do Flamengo, a maior do país, com 16,2%.

Com quase um a cada cinco brasileiros não se importando com o que acontece nos gramados, o Brasil fica distante do velho chavão de país do futebol.

Não é só isso. Há alguns anos, os grandes clubes europeus têm programado eventos no Brasil, com palestras de craques do passado, clínicas para jovens e ações de marketing. Por trás da iniciativa está a busca por expandir fronteiras e arregimentar fãs pelo planeta.

Reflexo disso, times como o Barcelona são campeões em fechar patrocínios regionais pelo mundo, incluindo no Brasil. Ou seja, o dinheiro que poderia ser investido em um clube local, é direcionado para uma equipe de fora.

Não é só isso. Nos últimos anos, quem frequenta estádio já percebeu a invasão feminina nas arquibancadas. A elas são destinados os esforços mundiais das grandes marcas de material esportivo.

No Brasil, esse público é solenemente ignorado pelo futebol. Desafio você, caro leitor, a apontar uma ação que seu time tenha feito para elas neste ano, sem ser no Dia da Mulher ou no Outubro Rosa.

Muito mais do que mostrar quem tem mais torcida, algo em que há pouca mudança de posição, a pesquisa mostra problemas que precisam ser superados.

Fonte: Máquina do Esporte

Veja também

  • Essa pesquisa é bem falaciosa.

  • Essa pesquisa só abordou em torno de 20 mil pessoas, e muitas dessas pessoas são mulheres… E os outros 200 milhões, como é que ficam ?
    Isso aqui é o país do futebol, acham mesmo que os sem time são mais numesos que a maior torcida do mundo ?
    Bando de palhaços !

  • A cada notícia de manipulação de resultados, ajuda aos times paulistas, guerra entre FERJ CBF e Flamengo, Mídia tendenciosa parcial, Presidente da CBF não pode viajar pra não ser preso… A Credibilidade do futebol brasileiro só faz cair e se perde torcedores… Flamengo indo na contra mao de tudo isso. Orgulho do mengao.

  • Num país gigante como o Brasil, com 200M de habitantes e diversos estados e cidades por aí, fazer uma pesquisa que abrange por volta de 200m à no máx 500m (não sei o nº ao certo, mas normalmente é isso em uma pesquisa com mt gente), onde só se computa votos de capitais e cidades muito grandes (ex: ABC paulista), sempre irá dar uma variada muito grande nos números entre pesquisas e nunca vai mostrar a real força do Flamengo, pois dominamos uns 60%~80% do interior do país, o que elevaria e muito nossos números, pois estes só representam o local no qual eles escolhem para a pesquisa, e somos muito maiores que isso, Flamengo ultrapassa barreiras divisas e fronteiras.

    SRN!

  • Não entendo… estão preocupados agora que está diminuindo? os Sem times na maioria das pesquisas eram mais de 20% (vi uma que chaga a 27%, ou seja mais de um quarto da população)…mas agora bate abaixo dos 20% e eles falam que é preocupante?

    • Sim, Elder. Matéria clickbait, mais uma. Desde que me entendo por torcedor, eu nunca vi uma pesquisa que colocasse o “tamanho do desinteresse” em número menor que qualquer outra torcida. SRN.

  • O instituto Paraná não possui qualquer credibilidade.

    • Você é que não possui qualquer credibilidade.

      • Esse tal instituto parana é igualzinho o tal instituto lula…kkkk
        E outra: esse tal instituto parana é igual um macaco com uma metralhadopra nas mãos

      • Acabou de falar um idiota da
        Brisa do Paraná…eu não critiquei seu Estado, débil mental, apenas um instituto de pesquisa sem credibilidade mercadológica. Aliás, o que um pobre coitado sem títulos está fazendo aqui em um fórum de notícias do Mengão? Os antis vêm de todos os lados, ficam loucas…kkkkk

  • Resumindo: estamos em um país em desenvolvimento, mas a mentalidade continua sendo a de 3o. mundo… &;-D

Comentários não são permitidos.