Samir: “Um dia espero voltar para o Fla. É a minha casa”

Samir apareceu para a Nação Rubro-Negra em 2013. Com um time limitado, devido a problemas financeiros, o técnico Jayme de Almeida recorreu ao jovem zagueiro. E não se arrependeu. Mesmo com 19 anos, o garoto demonstrava personalidade e maturidade. Rápido e canhoto, caiu nas graças da torcida após a conquista da Copa do Brasil.

Porém, como é normal da idade, a partir de 2014 passou a viver altos e baixos. Ora era titular, ora reserva. Foi vendido ao Udinese, da Itália, no final de 2015, por 4 milhões de euros (cerca de R$16 mi). Sem espaço, foi emprestado para o Hallas Verona, até o final da temporada 2015/2016. Voltou para Udinese, e na temporada passada foi titular absoluto. Foram 21 partidas como titular, muitas delas na lateral esquerda.

Mesmo estando bem e começando a construir sua história no Velho Continente, Samir, natural de São Gonçalo-RJ, não esquece suas origens rubro-negras

“Não só passei pelo Flamengo, fiz a minha história no clube. Lembro como se fosse hoje o professor Jayme (de Almeida) chegando no meu quarto e perguntando: ‘Seu momento chegou. Está pronto?’. Tive mais altos do que baixos, tive muitas lesões, poderia ter dado muito mais, peço até desculpas à Nação se cometi alguns erros, mas estava sempre tentando ajudar. Agradeço de coração por tudo o que fizeram por mim, fazem e ainda farão. Tudo que tenho e conquistei foi através do Flamengo. Um dia espero voltar, porque é a minha casa”, contou o zagueiro ao site LANCE!

Samir elogiou a gestão Eduardo Bandeira de Mello

Quando subiu para os profissionais, era o primeiro ano da gestão Eduardo Bandeira de Mello. Prometendo recuperar o clube financeiramente, o presidente resolveu não fazer grandes contratações. Com uma equipe barata, formada por jogadores jovens e apenas com Elias como grande nome, o Flamengo conquistou a Copa do Brasil. De lá para cá, não vieram outros grandes títulos, apenas os Campeonatos Cariocas de 2014 e 2017. Entretanto, Samir “tira o chapéu” para a diretoria atual.

“O Flamengo hoje é uma das maiores potências do futebol brasileiro economicamente. Em relação a clube e torcida, sempre foi. Adquiriu um poder econômico incrível. Tiro o chapéu para essa diretoria. Mas isso não é de hoje. Desde 2013 até eu sair, só tive o salário atrasado uma vez. Mesmo assim, a diretoria reuniu todos nós no vestiário e falou que na semana seguinte, no dia tal, estaria na conta. E não deu outra. O que o Flamengo é hoje é graças ao presidente e à diretoria que está lá. Entraram só visando o melhor para o clube. Olha quantos jogadores de peso chegaram: Guerrero, Diego, Everton Ribeiro, Juan de volta…”, prosseguiu o atleta.

Por fim, relembrou de quando foi treinado por Zé Ricardo ainda no Audax-RJ, e como torce pelo sucesso do comandante flamenguista.

“Eu o conheço desde quando era técnico do Audax. Fui jogador dele. O Zé está ali porque é merecedor, não chegou à toa e tem estrela. Trabalhou muito e chegou a oportunidade, mesmo tendo que tem que matar uns cinco leões por dia para provar sua capacidade. Dá para perceber que tem o grupo na mão. Só tenho a agradecer o que fez por mim e o que tem feito pelo nosso Mengão”, finalizou o zagueiro de 22 anos.

Veja também

  • Esse moleque com 25 anos por ai vai estar no auge!!!

  • sofreu pressão enorme da torcida, assim como Adriano, Egídio, Paulo Victor e atualmente o Matheus Sávio

  • Que tenha muito sucesso, jogou muito em 2013, a afobação fez sair na hora errada, tanto da parte dele como do Clube.

  • Esse se não volta tão cedo , avaliado em 50 milhões de reais . A tendência e progredir e logo estar no Milan , Juve , Napoli ou Inter .

  • O que a Nação faz com um cara que é só gratidão ao Flamengo? Torce pro sucesso do cara e espera o retorno de braços abertos.

  • Não concordei com sua saída na época pois sempre ví nele um grande zagueiro nível seleção, rápido, boa saída de bola, força, antecipação e bem nas bolas aéreas, hoje seria titular absoluto, mais tem sido bom para o seu desenvolvimento o futebol italiano que é dentro de suas características.

    • Sempre pensei o mesmo, só que o cara vivia se machucando

  • Com certeza vai demorar para voltar se continuar evoluindo na italia daqui a pouco vai para um grande na Europa

  • É titular na udinese, joga tanto de zagueiro quanto de lateral esquerdo e evoluiu muito com a escola italiana! Ta aí o zagueiro canhoto e rápido que nós precisamos para o elenco. Vaza VAZ!

    • cara… imagina uma zaga léo duarte e samir daqui a alguns anos?

      • só gostaria de ver mais atuações do léo duarte…

  • Se parar de se contundir e escorregar pode voltar é um bom jogador

  • Vem ..
    O Vaz precisa de um reserva…

  • Samito!

    • monstro salvou o flamengo várias vezes mesmo
      desde os tempos de chicão e wallace

Comentários não são permitidos.