Viu essa? Jogador do Flamengo ganha destaque entre grandes nomes do futebol europeu

Miguel Trauco vive um momento conturbado no Flamengo. O lateral, que iniciou bem, caiu na má fase e amarga o banco de reservas no elenco rubro-negro. Porém isso não acontece para uma das mídias mais prestigiadas do mundo: a revista France Football. A mídia francesa escolheu uma ‘seleção’ com os 11 ideais dos amistosos que aconteceu entre domingo (25) e quarta-feira (28).

Mas… O que o lateral-esquerdo fez para ficar tão notável pelo tabloide? Miguel Trauco foi responsável por influenciar dois dos três gols da seleção peruana contra a Islândia. O atleta é o único que atua na América do Sul na escalação da revista. Veja abaixo:


VEJA MAIS:


A equipe ideal da France Football é composta por: Allison; De Sciglio, Ramos, Van Dijk, Miguel Trauco; Thiago, Casemiro, Isco; Mbappe, Zuber, Lukaku.

Veja também

  • Que bom,quem sabe alguns desses times Europeus se animem e levem e nos livre dessa tralha de uma vez por toda.Ele so consegue jogar bem pela sua seleçao,pois no flamengo nao fez nada te hoje.tomara que caia fora do flamengo logo.

  • torcendo pra que vá bem na Copa e meta o pé do FLAMENGO

  • Ele é um monstro atacando. Mas defende mal. Acho justo colocar um volante pra fazer a cobertura dele. Hoje o Renê é um a menos.

  • Po coluna… “nos amistosos que aconteceu”??? Erro básico de concordância aí.

  • Não lembro da última vez que esse garoto teve chance. Ultimamente só leva pedrada aqui.
    E convenhamos, ser reserva de um pereba igual o Renê, que não joga merda nenhuma, mas merda nenhuma mesmo, deve ser muito triste.

  • Nesse 4-1-4-1 ele encaixaria bem na linha de 4 do meio. Tem recomposição razoável e bom passe.

    • Essa formação foi uma ilusão. Dá certo na fase de grupos do carioquinha, mas contra qualquer time médio não adianta.

      • Depende do encaixe dos jogadores e do técnico que treina isso. Funcionou no Corinthians com um time bom e funcionou também com um time razoável. Não vejo porque ser impossível.

        • Sim, não disse que é impossível. Disse que foi uma ilusão, exatamente pelos motivos que vc listou. Nosso técnico não treinou a formação decentemente, achando que todo mundo é o Nova Iguaçu, e nossos jogadores não “encaixaram”, especialmente os laterais e a segunda linha de quatro.

  • Tomara q faça uma boa Copa e apareça alguem pagando bem por ele.

    • Raciocínio de vascaíndo, deve fazer uma boa copa, recuperar o futebol que ele tem e ser um grande jogador para o Fla. Modinhas só pensam que o fla tem de ganhar dinheiro, não somos banco, temos de ganhar títulos, e o trauco em Boa forma é um excelente jogador, um dos melhor da América. Mas os modinhas pegam no pé no primeiro passe errado.

      • Na minha opinião, Trauco não é lateral para as pretenções do Flamengo. As opções são ele sair de graça ou conseguirmos ganhar algum dinheiro com ele após a Copa… E vc querendo ou não, dinheiro é um dos principais ingredientes para montar um time campeão… Sem dinheiro clubes se esgotam… Além disso, não preciso ser vascaíno, modinha ou vintage pra escrever o q vc não quer ler, basta apenas eu ter uma opinião diferente da sua… Por exemplo, pra mim vc não é mané pq gosta do futebol do Trauco, vc se mostrou ser mané por outros motivos.

    • Tomara mesmo.

  • em minha modesta opinião, o maior inimigo do Flamengo é de muitos bons jogadores que a diretoria tem contratado, é o amor de certos treinadores por certos jogadores, que preferem improvisar um que ele ama duque escalar um especialista na verdadeira posição,ou para satisfazer empresário ou o seu próprio ego

  • Trauco serve se jogar com alas. O que acontece no Brasil é que a xenofobia de jogadores e torcedor atrapalha. Preferimos manter as panelas que jogadores brasileiros adoram.

  • Melhor que improvisar o everton na lateral. Nota-se a má vontade do Everton pra jogar na posiçao e maracar. Basta ver o gol do Botafogo.

  • Se fosse para mudar o esquema colocando dois volantes para assim improvisar o Éverton, seria melhor fazer isso para jogar com Trauco.
    Ele tem passe e cruzamento muito melhores que o Éverton.

    • Concordo ele tem cruzamento e passes excelentes, só precisa armar um esquema onde o volante recomponha as suas subidas ao ataque

  • Trauco é muito bom jogador mas o esquema maluco do tecnico travava o time, com 2 volantes Trauco e Rodinei podem atacar a vontade.
    D.Alves;
    Rodinei, Juan, Rever e Trauco;
    Jonas, Cuellar, Diego e Paquetá;
    Vizeu e Everton Cardoso.

    O time é esse!

    • Jonas , Diego e Vizeu?

    • Concordo com a 1a. parte e com defesa.
      Do meio-campo pra frente: Cuellar, Éverton R, Diego, VJ, Dourado, Éverton.

      • paketa é o melhor do time não tem como ficar de fora

        • Sinceramente, o Paquetá ainda faz muita firula, atrasa o jogo. O VJ também ainda erra muito, mas põe terror na defesa adversária e na hora que acerta, é gol.

  • Se jogarmos com cuellar e jonas juntos,dá p ele jogar.esses dois não deixariam o time defensivo daria mais liberdades aos laterais e aos pontas.
    O Trauco bate muito bem na bola tem um ótimo passe chuta bem só é meio lento p lateral,tem que ter um esquema p ele jogar.

    • A porra do Muricy inventou essa merda de 4-3-3 aqui e ninguém Maia quer mudar

      • Não foi o Muricy que inventou. O Brasil ganhou 3 Copas do Mundo jogando num 4-3-3. Em 1958 a linha de 3 do meio campo era Zito, Didi e Zagalo. Em 1962 era a mesma, Zito, Didi e Zagalo. Em 1970 foi Clodoaldo, Gérson e Rivelino. Era um esquema revolucionário, que “recuava” o ponta esquerda (que sabia atacar, armar jogadas e defender) para ajudar na marcação e povoavam um meio campo cujo adversário só jogava com 2 jogadores, no antigo 4-2-4, que era o esquema utilizado por João Saldanha, em 1969. Isso dava uma vantagem enorme a quem jogava com 3 no meio campo. Foi Zagalo que, como jogador e treinador, consolidou o 4-3-3.
        Hj o futebol mudou, e a linha de meio campo joga com 4 ou até 5 / 6 jogadores, desses que sabem exercer múltiplas funções, como a Holanda de 1974, e não precisa ser muito inteligente pra perceber que o time que jogar com apenas 3 por ali vai levar desvantagem.
        Carpeggiani chegou a “achar” o esquema ideal, mas o espírito do Prof. Pardal atormenta ele há anos, e ele não consegue sossegar, e inventa quando não pode inventar. Assim fica difícil.

        • Me referi ao flamengo e no atual momento. Naquela época o futebol era lento e mais técnico, hoje o físico prevalece, não vejo esse esquema como ideal.

          • Eu tbm não. Concordo com vc.

      • O Mengão passou a jogar assim depois da passagem do Dorival Junior.

        • Mas o Muricy implantou essa filosofia de trabalho até nas categorias de base

          • Digamos então que o Dorival cagou e o Muricy institucionalizou a merda.

  • Todo mundo gosta desse maluco, inclusive no Peru é ídolo. Só nós flamenguistas não gostamos dele. Vai saber!!

    • O cara é excellente,já vimos isso mas atrapalha as estrelas o estrangeiro brilhar muito,acredito q até o Guerreiro não produz o suficiente por politicagem no grupo.

    • Porque no flamengo ele nao joga nada,e so na sua seleçao, so por isso

  • tomara q vendam !!! tomara !!!

  • Vai entender….

    • Na seleção o Trauco joga bem porque lá ele tem um esquema que favorece o jogo dele.

      • O nosso esquema é especial porque não favorece a nenhum dos jogadores do nosso plantel, especialmente os estrangeiros. Vide Cuellar e o próprio Trauco.

Comentários não são permitidos.