Fla reúne quase 100 estudantes e profissionais do marketing para desenvolver inovações no Programa ST e futebol de base

Nesta terça-feira (10), o Flamengo promoveu uma maratona de programação, conhecida no meio dos desenvolvedores como “Flackathon”, com o intuito de obter novas ideias e projetos para o clube. De acordo com matéria divulgada pelo jornal O Globo, o evento contou com 98 participantes, entre estudantes, profissionais da área e startups.

A programação foi desenvolvida em parceria com a Sports Match e a Universidade do Futebol, contando ainda com a presença do vice-presidente de marketing da equipe rubro-negra, Daniel Orlean. O dirigente falou ao jornal sobre a ideia do evento.

– O Flackathon é o primeiro passo para que o Flamengo crie um funil de inovação. Daremos novos passos em breve para aproximar o clube de startups que possam nos apresentar soluções –, disse Orlean.

Ainda segundo O Globo, haviam três pontos principais na proposta do clube: a participação e engajamento de torcedores que residem fora do estado do Rio de Janeiro, ponto bastante discutido para as melhorias do Programa Sócio-Torcedor; maior interação com as torcedoras, uma vez que a parcela de associadas ao Nação Rubro-Negra corresponde a menos de 10% do total de sócios; e o recrutamento de jovens atletas, que tem sido um dos focos do Fla nos últimos anos.

Ao todo, foram quatro horas de debate e formulação das propostas entre os participantes. Agora, os projetos desenvolvidos vão passar por revisão dos organizadores e serem publicados até o fim do mês. As ideias que vencerem podem ser implementadas na administração do clube.

Veja também

  • Ok, os profissionais de marketing para inovações, maior interação com o público, aumentar as vendas de produtos, novas ideais de como atrair mais torcedores, melhorar o plano dos sócio torcedores, etc está tudo certo. Mas o Marketing não tem que se meter com a parte esportiva de recrutamento de atletas, até porque dá essa ideia é estupidez pq todos os clubes fazem isso e essa parte cabe a outras áreas como análise de desempenho, educadores físicos, diretoria de futebol, etc.

  • Vou dar minha “ideia” e não cobrarei nada por isso. Cria uma bosta de um plano sem valor fixo, exclusivo para torcedores de fora do RJ, que não dê absolutamente nenhuma vantagem, desconto em cachaça, desconto na compra de produtos oficiais, viagens para conhecer o clube, NADA!!! AS DUAS ÚNICAS vantagem que teremos são: o prazer de poder ajudar o nosso FLAMENGO do jeito que pudermos e torná-lo cada vez mais forte.

  • Precisa de 100 cabeças pra isso?

    Mais do que títulos, se montassem um elenco aguerrido e cobrassem pelos resultados o st seria o maior da América Latina, mas essa diretoria acha que vai conseguir fidelizar alguém conduzindo o futebol desse jeito, não vai.

  • Grande idéia…

  • Fora de campo tudo muito bem encaminhado principalmente em relação a base e que continue assim

  • Fantástico! Esse tipo de iniciativa deve ser algo perpetuado no clube.

  • É isso que o Flamengo precisa ideias novas para implementar dentro dos sócio-torcedores e também de outros Estados e o Povão que é a sua obra-prima, o seu carro-chefe.

  • muito bom!

Comentários não são permitidos.