Dorival Júnior avalia primeiro mês como treinador do Flamengo

FOTO: CARLA ARAÚJO/ COLUNA DO FLAMENGO

Dorival Júnior chegou ao Flamengo, no dia 29 de setembro, cercado de desconfiança, tendo um índice de rejeição de 70% por parte da torcida. Porém, o que se viu foi uma melhora de rendimento da equipe, com três vitórias e dois empates, e o retorno de forma veemente à disputa pelo título brasileiro. Na coletiva de imprensa desta quinta-feira (01), o treinador avaliou seu primeiro mês de trabalho à frente do Mais Querido:

— Altamente positivo. A forma como o Flamengo tem sem comportado nas partidas. Acredito que todos tenham observado que estamos muito preocupados em melhorarmos cada dia mais. A equipe tem apresentado muita evolução, e fico feliz porque precisamos disso para que tenhamos um final de competição ideal.

Além da melhora técnica, Dorival barrou dois “medalhões” em seus primeiro mês: Diego Alves e Diego Ribas não voltaram ao time titular ao retornarem de lesão, como era o esperado. Inclusive, a decisão do comandante gerou polêmica envolvendo o goleiro, que se recusou a ficar no banco de reservas e passou a não ser mais relacionado.

Ainda sob seu comando, o Flamengo volta a campo no domingo (04), contra o São Paulo, em confronto direto pelo topo do Campeonato Brasileiro. O Rubro-Negro é o segundo colocado com 59 pontos, quatro a menos que o líder Palmeiras, já o tricolor, ocupa a quarta colocação com 56.

Veja também