Em último jogo da gestão Bandeira de Mello, Fla perde para o Atlético-PR diante de um Maracanã lotado

FOTO: GILVAN DE SOUZA / FLAMENGO

Um era de austeridade financeira traduzida em muitos títulos no futebol, no basquetebol e nos demais esportes olímpicos. Isto é o que consta em toda cartinha de Papai Noel da nação rubro-negra. Eduardo Bandeira de Mello fracassou em sua gestão de futebol, apesar de todo o investimento na infraestrutura. No sábado à noite, o Flamengo fracassou novamente e perdeu de virada para os reservas do Atlético-PR por 2 a 1. Lamentável! Confira abaixo os prêmios pagos, segundo o Oddsshark.com.

Prêmios pagos (segundo o Oddsshark.com):

Nada a comemorar em 2018, né? Perdemos pela sexta vez consecutiva o Estadual de remo, o futebol não levantou nenhuma taça e o basquete masculino só venceu o Estadual, que é um torneio de pouco valor.

Ontem, mesmo atuando sob a coluna um, pois éramos os mandantes, o Atlético-PR venceu, gerando um prêmio de R$ 4,75 / um.

Um dos maiores lucros, de acordo com as casas de apostas, foi para quem previu o placar cravado de 1 a 2: R$ 21,00 / um.

A “hipótese dupla” proporcionou R$ 2,05 / um para quem marcou “Atlético-PR ou empate” e R$ 1,33 / um para quem apostou em “Flamengo ou Atlético-PR”.

Já quem disse que o Mengão venceria o primeiro tempo, mas que sofreria a virada colocou no bolso R$ 41,00 / um.

Quem afirmou que teríamos mais de 2,5 gols na peleja, viu cair R$ 2,25 / um na conta. Já quem acreditou quem ambos os oponentes balançariam as redes, retirou R$ 2,00 / um.

Finalmente, o saldo de gols de um a favor dos paranaenses representou R$ 10,00 / um ao investidor.

Clique neste link do Oddsshark.com para mais informações.

Flamengo 1, Atlético-PR 2

Parecia que os flamenguistas comemoravam mais um título. A torcida esgotou os ingressos do Maracanã e o jogo que não valia nada teve o maior público do ano. A peleja também marcou a última vez que Lucas Paquetá vestiu o Manto Sagrado.

Rhodolfo abriu a contagem aos 22′ minutos. Diego cobrou escanteio e o zagueiro deu uma cabeçada certeira.

A virada começou aos 19′ minutos do segundo tempo. Fernando Uribe errou, o ataque paranaense trocou passes e Lucho González lançou Matheus Rossetto, que não vacilou.

Seis minutos depois, Rony deu números finais ao embate. Marcio Azevedo humilhou Berrío e passou para Lucho González, que lançou Rony. O atacante ajeitou a redonda e disparou uma bomba no ângulo de César.

Clique neste link do Oddsshark.com para mais informações.

Ficha técnica:

Flamengo: César; Pará (Rodinei), Rhodolfo, Léo Duarte e Renê; Piris da Motta (Vitinho), Willian Arão, Lucas Paquetá e Diego; Everton Ribeiro (Berrío) e Fernando Uribe. Técnico: Dorival Júnior.

Atlético-PR: Felipe Alves; Diego (Lucho González), Wanderson, José Ivaldo e Márcio Azevedo; Wellington, Camacho (Bruno Guimarães), Marcinho e Rossetto; Marcelo Cirino (Pablo) e Rony. Técnico: Thiago Nunes.

Local: Maracanã.

Árbitro: Flávio de Souza.

Público: 66.064 (62.994 pagantes).

Renda: R$ 697.255,00.

GolsRhodolfo, Rony e Rossetto.

Cartões Amarelos: Lucas Paquetá, Pará, Piris da Motta, Wellington e Willian Arão.

Cartões Vermelhos: Rony e Willian Arão.

38ª Rodada:

Sábado, 01 de dezembro:

Atlético-MG 1×0 Botafogo (R$ 1,44)

Flamengo 1×2 Atlético-PR (R$ 4,75)

Domingo, 02 de dezembro:

17h00: (R$ 2,30) Bahia x Cruzeiro (R$ 3,10) (Empate R$ 3,20)

17h00: (R$ 2,30) Ceará x Vasco da Gama (R$ 3,20) (Empate R$ 3,10)

17h00: (R$ 2,10) Chapecoense x São Paulo (R$ 3,50) (Empate R$ 3,30)

17h00: (R$ 1,90) Fluminense x América-MG (R$ 4,00) (Empate R$ 3,40)

17h00: (R$ 1,30) Grêmio x Corinthians (R$ 11,00) (Empate R$ 5,00)

17h00: (R$ 1,30) Palmeiras x Vitória (R$ 9,00) (Empate R$ 5,50)

17h00: (R$ 6,00) Paraná x Internacional (R$ 1,61) (Empate R$ 3,60)

17h00: (R$ 1,53) Sport x Santos (R$ 8,00) (Empate R$ 3,50)

Classificação:

1º Palmeiras – 77 – Campeão + Taça Libertadores (fase de grupos).
2º Flamengo – 72 – Taça Libertadores (fase de grupos).
3º Internacional – 68 – Taça Libertadores (fase de grupos).
4º Grêmio – 63 – Taça Libertadores (fase de grupos).
5º São Paulo – 63 – Taça Libertadores (fase preliminar).
6º Atlético-MG – 59 – Taça Libertadores (fase preliminar).
7º Atlético-PR – 57 – Copa Sul-Americana.
8º Cruzeiro – 52 – Taça Libertadores (fase de grupos).
9º Botafogo – 51 – Copa Sul-Americana.
10º Santos – 50 – Copa Sul-Americana.
11º Bahia – 47 – Copa Sul-Americana.
12º Corinthians – 44 – Copa Sul-Americana.
13º Ceará – 43 – Copa Sul-Americana.
14º Fluminense – 42
15º Vasco da Gama – 42
16º Chapecoense – 41
17º América-MG – 40 – Série B.
18º Sport – 39 – Série B.
19º Vitória – 37 – Série B.
20º Paraná – 22 – Série B.

Apostas futuras para o título (Outrights segundo o Oddsshark.com):

Em breve estará disponível a possibilidade de apostar no campeão brasileiro de 2019.

Veja também

  • Próximo técnico tem que dar a braçadeira de Capitão pro Cuellar e carta branca pra ele dar bronca no time quando precisar… Único nesse elenco com sangue quente, espírito rubro negro, e a raça que a torcida espera de todo time! Exemplo a ser seguido, precisamos de liderança forte fora de campo e dentro também, chega de Rever e Diego envergonhado a torcida!!!

    • Apoiado

  • Isso foi padrão esse ano, dos 10 maiores públicos do campeonato, 7 foram do Flamengo e o time só ganhou 1 jogo desses 7… Elenco sem sangue e sem vergonha nenhuma de perder diante da torcida!!! Se não entrar um vice de futebol linha dura e um técnico que impõe respeito 2019 vai ser pior, nem cheirinho vai ter!!!

Comentários não são permitidos.