Marcos Braz quer montar comissão técnica renovada no Flamengo, diz jornal

FOTO: FOTOBR

O Flamengo planeja a temporada de 2019 e está nas mãos de Marcos Braz, vice-presidente de futebol, as diretrizes que o clube vai tomar. Isso porque, de acordo com o jornal O Globo, o VP planeja montar uma comissão técnica permanente totalmente renovada para trabalhar com o treinador Abel Braga e seus auxiliares.

Não à toa, Rogério Maia, preparador de goleiros, foi demitido. Porém, a saída do profissional pode ter se dado devido à confusão na reta final da temporada deste ano com Diego Alves. Diogo Linhares, preparador físico, também saiu do Flamengo, por causa de uma proposta vantajosa do Kashima Antlers, do Japão. Com isso, as primeiras modificações foram feitas e outras peças podem ser trocadas.

Além disso, o jornal aponta ainda para uma grande expectativa para mudanças no Centro de Excelência em Performance (CEP) e no Centro de Inteligência e Mercado (CIM). Para o CEP, a chegada de José Luis Runco, que liderou o departamento médico do Flamengo durante anos, não é oficial, mas o Doutor conversou com a nova gestão e pode retornar ao Rubro-Negro.

Caso isso se concretize, Márcio Tannure dificilmente permaneceria no comando médico do Flamengo. Isso porque, a atual relação do Doutor com os novos profissionais do clube está estremecida. Além dele, os profissionais cujo Tannure levou ao Rubro-Negro também estão na berlinda e podem sair, segundo O Globo.

Agora, no CIM, o Flamengo contratou a consultoria de Eduardo Cecconi, ex-Grêmio, e as permanências dos atuais profissionais de análise de performance e desempenho ainda não estão confirmadas. Sendo assim, pode haver modificação neste setor também.

Já Abel Braga, que foi anunciado poucos dias após Rodolfo Landim vencer a eleição no Flamengo, chega ao clube com os auxiliares Leomir e Fabio Moreno. Para a preparação física, no entanto, ainda não há confirmação de quem assumirá o lugar de Diogo Linhares, mas Paulo Paixão é cotado e tem boa relação com o atual treinador.

Para o lugar de Rogério Maia, muito se falou de Robertinho, que atualmente está no Cruzeiro, mas o preparador não deve sair do clube mineiro, e Marquinhos Lopes, ex-Fluminense, é outro que virou opção. Marquinhos já trabalhou com Abel, assim como o Paixão. Com a manutenção dos diretores Bruno Spindel e Carlos Noval, o Fla trouxe ainda Paulo Pelaipe para gerente de futebol, todos respondendo a Marcos Braz.

Veja também

  • E o flamengo continua sem lateral esquerdo e direito, sem centroavante e sem o substituto do Paquetá. Sem falar que esse Rodrigo Caio é meia bomba.

  • Marcos Braz pelo jeito é quem vai comandar o Futebol, sinceramente macaco que muito mexe quer chumbo, parece que tudo que foi feito até aqui está sendo jogado fora .
    Flamengo precisa muito mais de um lateral direito.
    As decisões não mostram firmeza, muito amadoras.

Comentários não são permitidos.