Preocupados com imagem do Flamengo, Grandes Beneméritos marcam reunião, e Márcio Braga diz: “Também somos vítimas”

FOTO: VENÊ CASAGRANDE/COLUNA DO FLAMENGO

Por: Higor NevesVenê Casagrande

Desde o dia 08 de fevereiro, quando ocorreu o trágico incêndio no Ninho do Urubu, que tirou a vida de dez atletas das categorias de base do Flamengo, a diretoria do clube tem pregado o trabalho interno para solucionar os problemas, sem grandes pronunciamentos ou esclarecimentos públicos. Em meio a isso, os Beneméritos e Grandes Beneméritos demonstram preocupação com a imagem do Rubro-Negro e, na próxima segunda-feira (25), irão realizar reunião para tratar do assunto.

Ex-presidente do Flamengo e ainda envolvido internamente, Márcio Braga conversou com a reportagem e confirmou o encontro. Marcio afirmou que, assim como os garotos que morreram e as famílias das vítimas, o clube também é vítima da tragédia.

– Nós vamos fazer uma reunião no clube na segunda-feira para falar sobre esse tema. Eu acho que o clube o clube precisa, através de seus beneméritos, grandes beneméritos, vice-presidentes, conselhos… porque o Flamengo não deve nada. O clube tem 123 anos de história de sucesso. O Flamengo jamais deixou de pagar as suas dívidas, e vai pagar (as indenizações). Mas é preciso considerar que estão tratando o Flamengo como culpado. O clube não é culpado, também é vítima de uma ocorrência trágica. Os dez meninos que morreram são considerados como filhos nossos.

Em seguida, questionado sobre a participação de Rodrigo Dunshee (vice-presidente geral e jurídico) e de Rodolfo Landim (presidente) na reunião, ele garantiu que o mandatário está cumprindo suas obrigações, além de reforçar que a ideia é dar resposta aos ataques que o clube tem sofrido.

– O Rodrigo Dunshee eu não sei (se estará presente). O Landim está fazendo o papel dele, dentro dos parâmetros formais que tem o presidente do clube, é quem lida com as autoridades… nós, que somos a base do clube, temos que defender a instituição como um todo. Não pode ser atacada da forma que está sendo e não dar uma resposta. É isso que nós vamos fazer.

Apesar de já ter data marcada, o horário da reunião ainda não foi definido. O responsável por tal questão é Moyses Saul Akermam, presidente do Conselho dos Grandes Beneméritos. Vale destacar que existe interesse na participação de dirigentes que participaram da gestão anterior, comandada por Eduardo Bandeira de Mello. Entretanto, a presença desses ainda não é confirmada.

Veja também

  • Quem diria hein? O Bandeira era azarado, não ganhou títulos, mas a nova quadrilha, chegou gastando o que não se empenhou pra conseguir e ainda tem um pepino desses para descascar!! Tem que ganhar alguma coisa, mas com Abel na retranca tá difícil!! Que DEUS ajude o Flamengo como instituição, para que tudo se resolva!!!

  • QUE , OBVIAMENTE, ESTA SITUAÇÃO DAS VÍTIMAS DO INCÊNDIO, DEVAM E PRECISEM SER TRATADAS COM JUSTIÇA E DIGNIDADE, É PRECISO QUE O FLAMENGO SE COLOQUE COM FIRMEZA CONTRA A TV GLOBO, A PREFEITURA DO RIO, O MINISTÉRIO PÚBLICO, QUE TÊM FEITO ABSOLUTAMENTE TUDO PARA DESMORALIZAR E ACUAR O CLUBE, E DESCONFIO SINCERAMENTE DA BOA INTENÇÃO DESTAS TRÊS INSTITUIÇÕES. FORÇA, FLAMENGO !

  • Uma derrota para o AMERICANO não seria nenhuma zebra, nem novidade. Time sem raça, sem sangue, sem moral e sem vontade de vencer. Só pensam na conta bancária. Talvez essa diretoria slnta saudades do DORIVAL JÚNIOR. FORA ABEL retranqueiro e ultrapassado.

  • Parabens ao FLAMENGO pela conduta , tentando antecipar acordo com valores inéditos a casos semelhantes . Nota-se claramente , mas infelizmente , que os familiares das vítimas estão obcecados por uma independencia financeira . Não havendo acordo , nada melhor do que partir para a judicialização , local apropriado .Parte da Imprensa tem tratado o tema com muita hipocrisia e até incentivando o ódio. A frase em alta é , quanto vale uma vida….. Na verdade o que se discute é o valor da morte para os vivos . A vida , na grande maioria , não tem nenhum valor , quantas crianças estão sentenciadas á morte diariamente pelos mais diversos motivos. Existe jornalista que até mensura a qualidade de morte…….o caso do Flamengo não é igual aos demais . Claro que é , as vítimas de mariana , brumadinho , boate kiss também deixaram filhos sem pais , pais sem filhos e familias inteiras.Fala-se tão e somente no possível sucesso futuro dos meninos , dando a se entender que os outros meninos não tivessem o direito até de sonhar com futuro melhor. A maldade chega na citação , depois do caso ORURU , o corinthias passou a ser o time mais odiado , querendo fomentar o ódio. Entendo que os responsáveis sejam punidos , e para tanto temos leis .

    • FALA ABSOLUTAMENTE PERTINENTE E LÚCIDA. PRECISAMOS FAZER JUSTIÇA, MAS É PRECISO QUE O FLAMENGO SE LEVANTE CONTRA OS FALSOS ARAUTOS DA JUSTIÇA, EQUIDADE E MORALIDADE, QUAIS SEJAM MINISTÉRIO PÚBLICO, PREFEITURA DO RIO E TV GLOBO !

  • Duro d+ para nós.
    Urgente dar uma resposta concreta as famílias e calar os antes.
    Landin está burocrata e mal assessorado.

  • Eu acho engraçado os pais das vítimas falarem que a vida de seus filhos não tem preço más querem 2 milhões então tem preço sim,se para eles não tivesse preço eles aceitariam a proposta do flamengo e acabaria com esse triste fato.

  • Estão esculachando a instituição Flamengo. Deveriam cobrar dos dirigentes, pois fazem às cagadas e quem paga é o clube, a torcida, patrocinadores e sócios. Esse Landim se esconde mas do que minhoca.

    • Concordo, o clube não pensa, não age, não é vivo, não toma decisões. A culpa é dos dirigentes que fazem besteira, incluindo os da gestão anterior.

  • É isso mesmo, não pode deixar fazer o que quer do Flamengo mãos respeito pela instituição

  • Antes tarde do que nunca!!

  • Falou tudo Márcio Braga

  • Isto ai

Comentários não são permitidos.