Rei dos Clássicos e das participações em gols, Bruno Henrique ironiza torcida vascaína após título

FOTO: ALEXANDRE VIDAL/FLAMENGO

Das badaladas contratações do início de 2019, Bruno Henrique talvez tenha sido o que chegou com menos alarde. O ponta, ex-Santos, rendeu uma novela entre o Flamengo e o Alvinegro Praiano e fechou com o Rubro-Negro após as contratações de Arrascaeta e Gabigol. As atuações e a identificação trataram de transformá-lo logo em um dos jogadores mais queridos do elenco e é fácil entender a razão.

O camisa 27 foi o grande nome da primeira partida da decisão estadual. Já tendo marcado duas vezes contra Botafogo e Fluminense, Bruno Henrique se consolidou como Rei dos Clássicos e balançou a rede duas vezes contra o Vasco. Um cartão amarelo o tirou do jogo de volta, mas não impediu sua alegria com a conquista. Nos stories de sua conta pessoal no Instagram, o atacante postou vídeos fazendo uma verdadeira festa e comemorando os gols – sem economizar nos palavrões. Após a partida, postou uma foto com a mão no ouvido – e na legenda alfinetou um áudio vascaíno que viralizou no início de 2019 e chegou, inclusive, a ser postado como legenda em foto do atacante cruzmaltino, Maxi López. “Eu não vou ter pena. Foi isso mesmo que eu ouvi?”, questionou.

Reprodução/Instagram Stories

Bruno não é importante para o Flamengo só fora de campo. Além de Rei dos Clássicos, ele se firmou como um dos jogadores mais importantes do país. Atualmente, ele é o segundo atleta com mais participações em gol em todo o Brasil. Na estatística, que soma gols e assistências, o camisa 27 rubro-negro soma 16 participações (8 gols e 8 assistências) e fica atrás apenas de Fred, do Cruzeiro, que tem 15 gols e 4 assistências.

  • O Max Lopes deve estar arrependido, por ter mexido com quem não devia, vai ser o próximo a sair do vasquinho do Campello!!!

Comentários não são permitidos.