Bicampeão africano, mas sexto no campeonato local: veja o “Raio-X” do Espérance, possível adversário do Fla no Mundial

FOTO: DIVULGAÇÃO

Por: Paula Mattos

O Flamengo deu fim à sua participação no Campeonato Brasileiro no último domingo (08), porém, diferente das demais equipes nacionais, o Rubro-Negro ainda tem partidas a realizar no ano. Isso porque, campeão da Libertadores, o Fla disputará o Mundial Interclubes, em Doha, no Catar. Por ser da América do Sul, o Fla entra diretamente na fase de semifinal da competição. Enquanto isso, o adversário que vai encarar o Mais Querido será conhecido após o confronto entre Al Hilal, da Arábia Saudita, e Espérance, da Tunísia. Neste embate, que será realizado sábado (14), o time tunisiano tenta ser a zebra, e é necessário ficar esperto com suas armas.

CONFIRA ABAIXO O ‘RAIO-X’ DA EQUIPE:

Como se classificou para o Mundial?

O Esperánce disputou a final da Liga dos Campeões da África contra o Wydad Athletic Club, do Marrocos. Na ocasião, a equipe da Tunísia vencia a partida por 1×0 e os adversários tiveram um gol anulado por impedimento. Com o resultado parcial, os marroquinos abandonaram o campo, em protesto pelo não funcionamento do VAR. Depois do ocorrido, o WAC solicitou uma nova final, mas o pedido foi negado e o Espérance foi consagrado campeão.

Histórico na temporada

2018-2019

Vitórias: 28
Empates: 13
Derrotas: 5
Gols marcados: 69
Gols sofridos: 30
Títulos: 3

2019-2020

Vitórias: 9
Empates: 5
Derrotas: 0
Gols marcados: 23
Gols sofridos: 7
Títulos: –

O artilheiro

O argelino Youcef Belaili, artilheiro da equipe na conquista da Champions com três gols, não está mais no clube. No momento, os holofotes estão voltados para o francês naturalizado tunisiano Anice Badri. Aos 29 anos, é o goleador da equipe na temporada, com quatro gols. Já jogou no Lille e na Bélgica; costuma ser convocado para a seleção da Tunísia e disputou a Copa do Mundo da Rússia, em 2018.

Técnico

Mouine Chaabani, de 38 anos, é um treinador em início de carreira. Começou na equipe como auxiliar, em 2016, e foi efetivado no cargo em 2018, quando conquistou a Liga Tunisiana, a SuperCopa da Tunísia e a Liga dos Campeões da África. Antes de Mouine, outros três tunisianos comandaram o Espérance: Khaled Ben Yahia, Monher Kebaier e Faouzi Benzarti.

Um banco sem tarifas! Venha para o BS2, aqui cuidamos de seu dinheiro, e você ainda ajuda seu time do coração!

Curiosidades

Com a conquista da Liga dos Campeões da África, o possível adversário do Flamengo na semifinal é o atual bicampeão do continente e já levantou quatro taças da Champions, tendo triunfado nos anos de 1994, 2011, 2018 e 2019. Na Tunísia, o clube é detentor de 28 conquistas nacionais. No entanto, neste momento da temporada, está em sexto-lugar na tabela. O elenco é desconhecido de torcedores brasileiros.

Em 2015, o Espérance anunciou o jogador mais caro da história: o atacante Fakhreddine Ben Youssef, que pertencia ao Metz, da França, chegou à equipe tunisiana por 1,38 M €. O atleta, no entanto, não faz mais parte do elenco.