Após advertência por gritos de “time assassino”, advogado do Fluminense faz apelo à torcida antes do Fla-Flu

FOTO: THIAGO RIBEIRO / AGIF

O Fluminense recebeu apenas uma advertência do TJD-RJ (Tribunal de Justiça Desportiva do Rio de Janeiro) por conta dos gritos de “time assassino” proferidos por sua torcida no Fla-Flu, disputado no último dia 29, no Maracanã. As duas equipes se reencontram nesta quarta-feira (12), também no Maraca, e o advogado do clube, Rafael Pestana, fez um apelo aos tricolores.

Foi uma vitória importante, mas nossa torcida não pode repetir esse tipo de conduta pois, caso aconteça novamente, o Fluminense corre o risco de sofrer sanções severas. Todos têm que se conscientizar disso -, disse o advogado que representou o Fluminense no julgamento do TJD, em contato com o jornal “O Globo”.


Veja Flamengo x Del Valle, pela final da Recopa, onde você estiver, inteiramente de graça!


Além do lamentável fato, os dois clubes foram multados por atraso. O Flamengo em R$ 1 mil, e o Fluminense em R$ 2 mil. Expulso por reclamação no último Fla-Flu, o auxiliar técnico do time das Larenjeiras, Maurício Dulac, também foi advertido.

O clássico desta quarta-feira é válido pela semifinal da Taça Guanabara, primeiro turno do Campeonato Carioca. Como se classificou em primeiro no Grupo B, o Fluminense é quem terá a vantagem do empate. A bola rola para o Fla-Flu a partir das 20h30 (horário de Brasília).

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • É Oto patamá….