Clubes e entidades se movimentam, mas futuro do futebol segue sendo incógnita em meio à pandemia

FOTO: LUCAS FIGUEIREDO / CBF

Os Campeonatos Estaduais continuam? Teremos menos partidas na Copa do Brasil? O Campeonato Brasileiro terá uma fórmula de disputa diferente? A Taça Libertadores serão mantidas na íntegra? Temos muitas perguntas e as respostas só poderão vir quando a pandemia for controlada. Confira abaixo as últimas notícias, de acordo com o Oddsshark.com.

Como apostar?

Há duas formas básicas de se apostar em futebol. São os chamados investimentos a curto e a longo prazos.

A primeira opção é no que diz respeito ao próximo jogo. Flamengo x Botafogo.  Quem vence? Dá empate? Quem marca gols? Teremos mais de X gols na partida? Ambos os oponentes balançam as redes? O Flamengo vence por dois gols de diferença? Como termina o primeiro / segundo tempos? Empate anula aposta? Como você pode ver, são várias as opções e colocamos uma tabela mais abaixo mostrando algumas delas.

Já a longo prazo, você investe em quem será o campeão do Campeonato Brasileiro. Até este momento, as casas de apostas não divulgaram estas cotas. O rubro-negro seria facilmente o favorito ao título. Clique neste link do Oddsshark.com para mais informações.

Coronavirus parou o futebol com algumas exceções

A questão do calendário é fundamental para a FIFA, UEFA, CONMEBOL, CONCACAF e federações nacionais. Será que as temporadas 2019/20 terminam? No cenário brasileiro, teremos que concluir os Estaduais? Como fica o resto da temporada com menos datas disponíveis?

Estas questões são comuns ao mundo do velho esporte bretão. Há algumas exceções porém. Os campeonatos da Nicarágua, Belarus, Burundi e Tadjiquistão seguem em andamento como se não houvesse doença nova no planeta.

Através do Spin Sports estão disponíveis várias linhas de apostas para a Primera Liga e a Liga Sub-20 nicaraguenses, a Premier League e o certame de reservas de Belarus, a primeira divisão tadjique e de Burundi.

O Campeonato Carioca continua?

Teoricamente sim. Pelo menos isso foi acordado entre os dezesseis participantes da Série A e a federação. O problema é que muitos atletas, sobretudo dos times pequenos, ficaram sem contrato. É que estas agremiações assinam contratos que duram somente até a data planejada dos certames.

Outro problema, que interessa aos grandes clubes, é o estado físico dos atletas. Uma pré-temporada deverá ser necessária para os atletas entrarem em forma e ganharem entrosamento.

O Fluminense, líder da soma total te pontos do Estadual, fez uma exigência a mais. Segundo seus dirigentes, somente após autorização da OMS e a da FIFA é que o Tricolor voltará aos gramados.

Outra dúvida? Teremos torcida nas arquibancadas? Segundo o planejamento inicial da CBF, é provável que não.

Como será o Brasileirão?

A Confederação Brasileira mantém o planejamento acordado no final de 2019. Turno e returno em 38 rodadas para as Séries A e B. As Séries C e D seguem com 26 datas.

O problema é que não sabemos quando voltaremos a ter partidas de futebol no Brasil e apareceram algumas sugestões que por enquanto estão descartadas.

A primeira delas seria fazer a primeira divisão com turno único na primeira fase em 19 rodadas. A partir daí teríamos mata-mata em ida e volta até conhecermos o campeão.

Outra possibilidade seria adaptar o calendário nacional (finalmente) ao calendário da Europa. Isso evitaria o conflito de datas com os campeonatos internos, internacionais e também com os das seleções. Veja bem: por causa do clima brasileiro, é possível correr atrás da bola em qualquer época do ano, algo que é bem complicado em países nórdicos como Alemanha, Suécia e Rússia, onde o inverno é bastante rigoroso.

Aguardamos que os clubes e as federações decidam logo sobre isso, pois muita gente aguarda a publicação das cotas futuras para apostar no Spin Sports.

Como se posiciona a CONMEBOL?

A CONMEBOL chegou a dizer que a Taça Libertadores da América voltaria em 05 de maio com sua terceira rodada da fase de grupos. A Copa Sul-Americana ainda estaria sem datas, pois sua segunda fase depende do fim dos oito quadrangulares do torneio principal.

Como já estamos em 12 de abril e os campeonatos seguem interrompidos em todos os países da América do Sul, muito provavelmente a entidade continental terá que definir uma nova data. Recomeço em junho ou julho.

E o resto do mundo?

A Bundesliga se prepara para voltar em maio com estádios praticamente vazios. A decisão alemã vai contra a da maioria dos clubes da Bélgica e Holanda que optaram pelo fim da temporada.

A UEFA diz que os jogos podem acontecer no verão europeu mas belgas e holandeses preferem preservar e garantir a temporada 2020/21 e esquecer o que aconteceu este ano.

O Spin Sports ainda permite que você aposte nas finais da Copa da Alemanha, da França e da Chéquia, já que estas partidas seguem confirmadas, apesar de todos acharem que eles serão adiados.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *