Atacante do Racing testa positivo para Covid-19 e está fora do jogo contra o Flamengo, pela Libertadores

FOTO: RACING CLUB

Por: Guilherme Calvano

Se o Flamengo atravessa momento ruim na temporada, a história não é muito diferente no Racing, adversário do Rubro-Negro nas oitavas de final da Libertadores. Vindo de quatro derrotas seguidas, a equipe de Avellaneda (Argentina) ainda tem de lidar com diversas baixas no elenco. Neste sábado (21), Cristaldo testou positivo para o novo coronavírus e aumentou a lista de desfalques do clube para encarar o Mais Querido.

O atacante, ex-Palmeiras, está assintomático e já cumpre quarentena. Além de Cristaldo, o técnico do Racing, Sebastián Beccacece não poderá contar com Marcelo Díaz e Mauricio Martínez, lesionados no joelho. Augusto Solari, Darío Cvitanich e Lorenzo Melgarejo são dúvidas.


Saiba como se dar bem duplamente com vitórias do Flamengo!


Mesmo diante de tal cenário, Beccacece tem se mostrado confiante para o confronto contra o Flamengo. Em entrevistas coletivas recentes, o técnico tem ressaltado a oportunidade de enfrentar e tentar eliminar o atual campeão da América.

Vamos botar toda a energia no nosso objetivo principal, que é a Copa Libertadores. Vamos focar nisso e vermos como uma oportunidade para sair dessa situação angustiante. Temos que pensar no Flamengo.

Vencemos cinco jogos em seis da fase de grupos e sabemos que temos que produzir a façanha de eliminar o último campeão, por isso há motivos suficientes para ter incentivos para enfrentar o que está por vir.

Na próxima terça-feira (24), às 21h30 (horário de Brasília), Racing x Flamengo se enfrentarão no Estádio Presidente Perón, em Avellaneda, pelo jogo de ida das oitavas de final da Libertadores. Por ter terminado na primeira colocação de seu grupo (Grupo A), o Mais Querido decidirá a classificação no Maracanã, no dia 01 de dezembro.

 

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Quer encontrar uma mulher para uma noite? Bem – vindo ao — S︆︆e︆︆xc︆︆o︆︆n︆︆t︆︆.︆︆C︆︆o︆︆m