Flamengo é clube mais prejudicado na arrecadação de ingressos por conta da pandemia

FOTO: REPRODUÇÃO/MARACANÃ

A pandemia do novo coronavírus pegou o mundo todo de surpresa e prejudicou diversos clubes ao redor do mundo. Sem poder contar com sua maior herança, a torcida, o Flamengo viu as receitas caírem por conta dos efeitos causados pelo surto. Jogos com portões fechados passaram a ser o ‘novo normal’, e o Rubro-Negro foi o clube brasileiro mais prejudicado na arrecadação de ingressos em 2020.


Aproveite a boa fase do Flamengo para lucrar!


Em 2019, o Flamengo foi, de longe, o clube que mais lucrou com a presença do torcedor nas arquibancadas. Contudo, em 2020 a situação mudou radicalmente. Na última temporada, o Mais Querido obteve uma renda bruta de R$ 96,9 milhões e projetou arrecadar neste período cerca de R$ 108 milhões. De acordo com o balanço feito pelo Mais Querido, esse valor equivaleria a 15% de toda a receita do ano.

Contudo, o ‘efeito pandemia’ prejudicou diretamente o clube nesta categoria. Em 2020, o Flamengo acumulou R$ 22,2 milhões nos sete jogos disputados como mandante, antes do início do surto. Dessa forma, é possível analisar que houve uma queda de R$ 85,8 milhões na receita, de acordo com as contas feitas pelo Rubro-Negro, o que o torna o clube mais prejudicado na bilheteria por conta do rápido contágio do novo coronavírus. As informações foram divulgadas primeiramente pelo Globo Esporte. 

Mesmo com a vacina, o retorno do público aos estádios ainda não tem data confirmada. Isso porque, os números de contágio e de mortes por conta da doença ainda são elevados, o que dificulta uma possível liberação do governo ao torcedor para assistir às partidas.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *