“Todos conseguiram fazer o melhor”: Rodrigo Caio exalta sistema defensivo do Flamengo

FOTO: ALEXANDRE VIDAL/FLAMENGO

O Flamengo enfrenta o São Paulo nesta quinta-feira (25) pela última rodada do Campeonato Brasileiro. A equipe paulista, após a derrota para o Botafogo, precisa vencer o jogo para garantir uma vaga direta na fase de grupos da Copa Libertadores. Já o Mais Querido, precisa de uma vitória simples para se sagrar octacampeão nacional. O zagueiro Rodrigo Caio analisou as dificuldades no setor defensivo nesta temporada

— Eu acredito que não atrapalhou o rendimento e os resultados. Chegamos na última rodada como primeiro colocado, dois pontos na frente do segundo, estamos a uma vitória de ser campeão brasileiro. Eu acredito que tudo deu certo. Claro que o futebol não é uma ciência exata e essa temporada foi diferente em todos os sentidos. Tivemos que nos adaptar. Foi mais difícil do que imaginávamos. Nós perdemos o nosso 12º jogador, que é a torcida. Isso para nós era fundamental. Jogar em casa era decisivo para nós. E perdemos essa força. Acredito que todos os jogadores que entraram defensivamente conseguiram fazer o melhor, claro que em algum momento as coisas não deram certo.


Saiba como se dar bem duplamente com vitórias do Flamengo! 


O zagueiro também comentou sobre o nascimento de seu filho e acredita que ele possa ser um amuleto nessa partida final contra o tricolor paulista:

Sobre o nascimento do meu filho, não teria melhor momento. É uma alegria imensa, é inexplicável mesmo. Um amor que não tem medida. Nasceu no momento certo, ele pode se tornar campeão brasileiro. E para isso eu vou dar o meu melhor dentro de campo, para conquistar o título pela Nação e pelo meu filho.

O Flamengo entra em campo com 71 pontos conquistados e precisa de só uma vitória para se sagrar campeão. Caso não vença, dependerá de um tropeço do Internacional contra o Corinthians para sair com o título. Já o São Paulo está com 63 pontos e precisa vencer para independente do resultado entre Fluminense e Fortaleza se classificar para a fase de grupos da Libertadores.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *