Dirigente do Flamengo destrincha plano para assinar com possíveis patrocinadores

FOTO: DIVULGAÇÃO/FLAMENGO

Após temporada de altos e baixos em 2020, o Flamengo tenta acertar suas contas na nova jornada. No entanto, será uma tarefa bastante complicada, visto que segue sem rendas de bilheteria e com sócios em queda livre. Apesar disso, uma das soluções abordadas pelo financeiro do Mengo foi o acerto com patrocínios. Contudo, mesmo em boa fase no mercado, o Mais Querido teve problemas para fechar acordos neste início de 2021.

Vale destacar que, no momento, o uniforme rubro-negro ainda possui três espaços (manga, calção e costas). No entanto, em entrevista ao jornalista Rodrigo Mattos, do UOL, o vice de comunicação do Flamengo, Gustavo Oliveira, falou sobre possíveis negociações. Além disso, o dirigente revelou alguns valores, caso os vínculos sejam oficialmente firmados e determinou que a saúde financeira pode balançar na temporada.

Se fecha mais dois, dá mais R$ 20 milhões. Pensamos além da camisa. É vender na FlaTV, que agora tem contrato com Ambev, temos contrato do BRB, com Petz, com Cyrella. A FlaTV virou um lugar para patrocínio. Tem várias empresas de porte grande e outras menores que têm usado a FlaTV como uma mídia normal. Espero que sim [cumpra o orçamento] – disse, antes de completar:

Não posso garantir ainda. Uma empresa que estava para fechar a negociação e avisa que tem que fechar as lojas. Algumas empresas não conseguem fazer o produto pelas restrições da pandemia. O mercado está difícil com a pandemia. Esse ano parecia que andaria normalmente? Não tem ativação com torcida – completou.


Aproveite a boa fase do Flamengo para lucrar!


De olho em acordos lucrativos para o clube, a diretoria rubro-negra mantém o plano de preparação que visa oxigenar os cofres. Após temporada turbulenta em 2020, como mencionado, o Flamengo chegou a perder R$ 100 milhões por conta de bilheteria e sócios torcedores. Contudo, ainda há tempo de recuperar os valores, visto que o Mengo é uma das instituições mais lucrativas do futebol brasileiro.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *