Ainda sem ‘ok’ de Gerson, Olympique mantém desejo no volante e espera resposta positiva

FOTO: ALEXANDRE VIDAL/FLAMENGO

As conversas entre Flamengo e Olympique de Marselha continuam ativas, mas o futuro de Gerson ainda não foi decidido. Apesar da pressa e insistência do clube francês, nesta quinta-feira (20), o Mais Querido adiou o desfecho e só deve bater o martelo da negociação após a final do Campeonato Carioca, no próximo sábado (22). A informação foi divulgada primeiramente pelo GE.

A proposta do Olympique de Marselha, em torno de 25 milhões de euros, agradou a diretoria rubro-negra, que está próxima de acordo com os franceses. No entanto, após dias de negociações, Gerson repensou a saída do Flamengo, por ser muito identificado com o clube. Dessa forma, para a alegria da torcida, o imbróglio ainda pode ter reviravolta positiva.


Saiba como se dar bem duplamente com vitórias do Flamengo!


Em meio às negociações, Gerson entrou em campo como titular no empate contra a LDU. Em partida abaixo do esperado de toda a equipe, o Flamengo acabou garantindo a classificação antecipada às oitavas de final da Copa Libertadores, mesmo com resultado adverso. Agora, o Mengo vira a chave e se concentra na final do Campeonato Carioca.

Com Gerson à disposição, Ceni vai escalar o Flamengo com força máxima para encarar o Fluminense. O clássico derradeiro será realizado às 21h05 (horário de brasília, neste sábado (22), no Maracanã. Para o jogão, o Coluna do Fla traz a transmissão mais rubro-negra da internet, com a voz de Rafa Penido.

Veja também

  • Bom, no caso foi o Sampaoli, técnico do Olimpique, que quis o Gérson. Não é só um desejo da diretoria, o que complica o caso. Mas Gérson já deu mostras de que não quer sair. Ele é rubronegro de coração, está na terra dele, ganha muito bem, e parece não ver com bons olhos uma mudança de país em época de convocações pra Seleção, apesar de que o “paneleiro corintiano” só convoca pra jogar de verdade quem atua na Europa. Aqui ele está em evidência, ganha títulos, e um jogo ruim não o manda pro banco de reservas, como acontece por lá. É titular absoluto num clube campeão. Já jogou na Europa, isso já não faz a cabeça dele como faz a de quem nunca jogou lá. E o Flamengo tem um grupo de “renegados”, que se forem vendidos por atacado dão quase o valor que querem pagar pelo Gérson. Se faltar alguém, a base completa. E nem pensem em contratar a “maria faladeira gaúcha”. Já está de conversa com o Corínthians pra ver se o Flamengo vai atrás. É a velha tática dele. Se for pra trocar de treinador, que vão atrás do Mister. Esqueçam esse falador.

Comentários não são permitidos.