Rogério Ceni testa positivo para Covid-19 e não comanda Flamengo contra o Coritiba

FOTO: ALEXANDRE VIDAL/ FLAMENGO

O Flamengo se prepara para encarar o Coritiba, na estreia da Copa do Brasil. O duelo acontece nesta quinta-feira (10), no Estádio Couto Pereira, às 19h (horário de Brasília). Para este confronto, o Rubro-Negro não terá Rogério Ceni na beira do gramado. Na manhã desta terça (08), o Mais Querido informou que o treinador testou positivo para Covid-19 e foi afastado.

Após a folga, o Flamengo se reapresentou na segunda (07), no CT Ninho do Urubu e, como procedimento padrão, realizou a testagem para o novo coronavírus. O resultado saiu nesta terça (08) e Ceni foi diagnosticado com Covid-19 e, com isso, cumprirá quarentena. Sendo assim, fica fora das duas próximas partidas do Rubro-Negro, contra o Coritiba, na quinta (10), e América-MG, no domingo (13).

CONFIRA A PUBLICAÇÃO:

“Em teste realizado na última segunda-feira (07.06), o técnico Rogério Ceni foi diagnosticado com covid-19. O time será assumido nos próximos dois jogos pelo Maurício Souza, junto com o auxiliar Márcio Torres.”


Quem será o próximo a perder para o Mengão? Saiba como lucrar com previsões esportivas!


Vale destacar que, recentemente, o auxiliar de Ceni, Charles Hembert, também testou positivo para Covid-19 e, por isso, quem estará na beira do gramado nos próximos jogos é Mauricio Souza ao lado de outro ajudante do treinador: Márcio Torres. Além do técnico e do braço-direito, Nelson Junior, auxiliar, também foi diagnosticado com novo coronavírus e não pode ir a campo.

Com o positivo de Rogério Ceni, o Flamengo chega a sete casos positivos nos últimos dias. Arrascaeta, que está com a Seleção do Uruguai, foi diagnosticado com Covid na testagem antes do primeiro jogo das Eliminatórias e ainda não retornou ao Brasil. Além do camisa 14, o jovem meia Max foi outro jogador com teste positivo.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *