Do Brasil até a Espanha: Flamengo e Fluminense já se enfrentaram em 16 estádios fora do Rio

FOTO: IGO ESTRELA/METRÓPOLES

No embalo do clássico inédito na NeoQuímica Arena, em São Paulo, o Coluna do Fla fez o levantamento de quais outros estádios já receberam a dupla Flamengo e Fluminense fora do Rio de Janeiro. O Mané Garrincha, em Brasília, é, com sobras, o local que mais vezes foi palco para o Fla-Flu: foram cinco ao todo. Seguido pelo Pacaembu e Mário Heleno, em Minas, com dois confrontos cada.

O primeiro Flamengo e Fluminense disputado fora do Rio de Janeiro ocorreu em março de 1942. Na ocasião, a dupla carioca empatou em 0 a 0 no Pacaembu, em São Paulo, pelo Torneio Quinela de Ouro. Cinco anos depois, em 1947, o clássico mais charmoso do país foi jogado na Ilha do Retiro (PE), pelo Amistoso Nacional. O duelo terminou com igualdade em 1 a 1.

O Flamengo, contudo, só conquistou a primeira vitória diante do Fluminense – fora do Rio – em janeiro de 1949, quando foi até a Bahia pela Taça Câmara Municipal de Salvador. Na ocasião, o Mais Querido superou o rival por 5 a 0, com gols de Durval (2), Hélio (2) e Gringo (1).

Há, ainda, o clássico entre Flamengo e Fluminense disputado na Espanha, no Estádio Riazor. O duelo, válido pelo Troféu Teresa Herrera, foi vencido pelo Mais Querido por 3 a 1 nos pênaltis, após o empate em 0 a 0 no tempo regulamentar da partida.


Saiba como se dar bem duplamente com vitórias do Flamengo!


ESTÁDIOS QUE RECEBERAM O CLÁSSICO FLA-FLU

  1. Mané Garincha (DF): 5 jogos
  2. Pelezão (DF): 1 jogo
  3. Pedro Ludovico (GO): 1 jogo
  4. Pacaembu (SP): 2 jogos
  5. Arena Pantanal (MT): 1 jogo
  6. Kleber Andrade (ES): 1 jogo
  7. Arena das Dunas (RN): 1 jogo
  8. Ernani Satyro (PB): 1 jogo
  9. Mário Heleno (MG): 2 jogos
  10. Procópio Teixeira (MG): 1 jogo
  11. Riazor (ESP): 1 jogo
  12. Lourival Batista (SE): 1 jogo
  13. Montanha (RS): 1 jogo
  14. Graça (BA): 1 jogo
  15. Presidente Vargas (CE): 1 jogo
  16. Ilha do Retiro (PE): 1 jogo

No geral, o Rubro-Negro venceu sete dos 22 jogos disputados fora do Rio de Janeiro. Além disso, foram 11 empates e apenas quatro derrotas. Cabe pontuar, ainda, que no retrospecto geral das equipes, o Rubro-Negro também leva vantagem no número de triunfos diante do rival: são 160 contra 134 reveses e 140 igualdades no placar.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *