Bruno Spindel mantém otimismo por contratações e destrincha negociação de Rodrigo Muniz

FOTO: REPRODUÇÃO

O Flamengo embarcou na tarde desta terça-feira (10) rumo à Assunção, no Paraguai, onde enfrenta o Olimpia, pelo jogo de ida das quartas de final da Copa Libertadores. Na chegada da delegação rubro-negra ao Aeroporto Galeão, o diretor executivo do Mais Querido, Bruno Spindel, concedeu entrevista a jornalistas presentes no local. Dentre os assuntos abordados, o dirigente falou sobre o otimismo do Mengo nas negociações com jogadores que atuam no futebol europeu.


Saiba como se dar bem duplamente com vitórias do Flamengo!


Segundo Bruno Spindel, há uma “confiança grande” em relação a chegada de contratações para reforçar o elenco flamenguista. Vale lembrar que o Rubro-Negro negocia com Thiago Mendes, do Lyon, e Kenedy, do Chelsea.

Estamos focados no jogo (contra o Olimpia). As negociações que estão abertas estão andando. Estamos otimistas que até o final da janela a gente tenha sucesso naquilo que queremos. Não vou falar de nomes, mas confiamos que vamos colher os frutos que plantamos lá. O que posso dizer é que temos confiança grande -, disse o dirigente.

No último domingo (08), Spindel e o vice de futebol do Mais Querido, Marcos Braz, retornaram ao Rio de Janeiro após duas semanas na Europa. Durante o período no Velho Continente, a dupla não conseguiu fechar a contratação de nenhum jogador. Em contrapartida, conseguiram avançar para transferência do atacante Rodrigo Muniz ao Fulham, da Inglaterra: “Negociação está caminhando. Esperamos nos próximos dias um desfecho bom para todas as partes”, finalizou o diretor executivo.

Com Spindel e Braz de olho, o Mais Querido encara o compromisso mais importante da temporada nesta quarta-feira (11). A partir das 19h15 (horário de Brasília), a bola rola para Olimpia x Flamengo no Estádio Manuel Ferreira, em Assunção (Paraguai), pelo jogo de ida das quartas de final da Copa Libertadores.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • O vice-presidente diz hoje aqui na Coluna que a gestão no futebol não é para amadores. Então, minha esperança é que a Diretoria enxergue nossas verdadeiras necessidades. Não entendo essa ideia fixa em jogadores para posições não tão carentes, enquanto nossas derrotas, expliquem-se sempre pelas mesmas deficiências. Pagar altíssimos salários para quem não entrega na mesma proporção também não seria amadorismo? Enfim, mantenho o OTIMISMO para que esses caras acordem.

  • Continuam tratando a nação como eme. Continuam na maior cara de pau nos enganando.

  • Pois é, Ochíz. A única coisa que eles “destrincharam” é a falta de competência…

  • Negociações se fazem necessárias para suprir o caixa, mas contratações também….O que preocupa também são salários exorbitantes para jogadores sem certa regularidade e idade avançada,… Gustavo Henrique R$ 580.000,00 o Léo Pereira R$ 500.000,00…Idades avançadas Diego Ribas R$ 630.000,00 e Diego Alves 700.000,00……Acredito ser muita grana….Além do Vitinho R$ 1.000.000,00 (um milhão), que nunca mostrou realmente ser um jogador pelo valor que recebe. Pra mim um absurdo…..

  • Enquanto isso _ não sei pra que tanto volante _ outros clubes vão se reforçando .

  • Ochíz, esses jornalistas que escrevem nessa coluna estão todos dentro do PISA, onde o Brasil está em honroso lugar. São jornalistas de “Oto patama”. 😂😂

  • Isso! Fica com o Pedro descontente porque perdeu a chance de ser campeão olímpico, com o Gaboiola criador de casos, sem zagueiros e vende todas as promessas, principalmente o Muniz. Contrata um monte de bagulho para posicões que o Mengão já tem substituto e…continua com o Rodrigo Caio de chinelos, o Leo Peneira furada, o Gustavo Henrique que não joga nada, o tal de Bruno Viana que já jogou o suficiente pra mostrar que é um perna-de-pau e ficamos na dependência jogarmos contra algum time mediocre para ganhar. Pra que termos no plantel estes tres cabecas de bagre e um que joga 1 vez por mes? E ainda querem trazer mais? Não é possível!! Aí tem que ter truta!

  • PRECISAMOS DE ZAGUEIROS ” B O N S “

  • Destrinchar=verbo transitivo direto Esmiuçar; analisar ou dizer algo detalhadamente:
    destrinchava a charada. Resolver; buscar a resolução de: destrinchava a tarefa. [Informal]
    Despedaçar; separar em partes: destrinchou o frango.
    Não vi nenhuma informação na matéria que pudesse ser considerada como sendo algum
    dos significados da palavra acima.

  • PRECISAMOS DE ZAGUEIROS…