‘Perdendo’ apenas 25% de Rodrigo Muniz, Flamengo lucra R$ 33 milhões com venda ao Fulham

FOTO: DIVULGAÇÃO / FULHAM

Rodrigo Muniz se destacou consideravelmente nas categorias de base do Flamengo. Além disso, quando tivera chances no profissional, o atacante também chamou a atenção com boas atuações. Por isso, ele foi vendido por 8 milhões de euros (algo em torno de R$ 50,6 milhões na cotação atual) para o Fulham (ING), enchendo os cofres do Rubro-Negro por ‘somente‘ 25% dos direitos econômicos do atleta.

 

 

Rodrigo Muniz pertencia à base do Desportivo Brasil e foi contratado em janeiro de 2018 pelo Flamengo, quando o atacante tinha apenas 16 anos. Na época, o Rubro-Negro dividiu meio a meio os direitos econômicos do atleta, ou seja, 50% para cada. Contudo, para vender o centroavante, o Rubro-Negro negociou e repassou apenas 35% da venda ao clube paulista, sendo 2,8 milhões de euros (cerca de R$ 17,7 milhões na cotação atual).


Aproveite a boa fase do Flamengo para lucrar!


Curiosamente, o Flamengo negociou o jogador, mas manteve 25% dos direitos econômicos, mesmo vendendo, ao todo, 75%. Sendo assim, o Rubro-Negro receberá 5,2 milhões de euros (cerca de R$ 32,8 milhões) e perde somente 25% dos 50% que tinha. Por isso, internamente, a negociação é vista como muito boa. Até porque, caso Muniz seja vendido pelo Fulham, o Fla irá lucrar novamente com o atacante. As informações foram divulgadas pelo Canal Venê Casagrande.

Rodrigo Muniz foi anunciado pelo clube inglês nesta sexta-feira (20) e não deve demorar a estrear, tendo em vista que estava treinando e jogando pelo Flamengo ao longo desta temporada. Contudo, o atleta se recupera fisicamente da Covid-19, pois foi diagnosticado nas últimas semanas e só pôde viajar após o exame dar negativo para a doença. Pelo Rubro-Negro, o centroavante atuou em 32 jogos, marcou 10 gols e deu duas assistências.

Veja também

  • A explicação do Gabriel foi perfeita. O Flamengo ganhou como se o Muniz valesse 20 milhões de euros. Foi um negócio excelente. O ponto “negativo” é que o Muniz precisa ser vendido pelo Fulham por mais que 20 milhões de euros para que os 25% que o Flamengo manteve passem a valer a pena. E não é fácil ser vendido por esse valor, a menos que ele realmente estoure na Inglaterra.

  • Flamengo tinha 50% do atleta. Embolsou 5.2 mi de euros e ficou com 25%. Negócio excelente! Pela ótica do flamengo, é como se o muniz valesse 20.8 mi de euros

    O desportivo levou 2.8 mi de euros por 50% do passe do garoto. Imagino ter sido a condição que o flamengo impôs pra negociar. Na ótica do muniz, ele vale 10.2 mi de euros.

  • Não entendi: “Contudo, para vender o centroavante, o Rubro-Negro negociou e repassou apenas 35% da venda ao clube paulista”. Se o CR Flamengo tinha 50% e repassou 35%, como que ficou com 25%. Que conta é essa?

Comentários não são permitidos.