Flamengo prevê receita de R$ 1 bilhão na temporada 2021 depois de alcançar metas orçamentárias

FOTO: MARCELO CORTES / FLAMENGO

Para 2021, o Flamengo foi ousado nas projeções orçamentárias e, devido à pandemia, os números chegaram a ser preocupantes. No entanto, o Rubro-Negro bateu as metas de premiação, superou as receitas previstas pelo marketing, além da arrecadação com a venda dos atletas. Sendo assim, a receita desta temporada pode chegar a R$ 1 bilhão.


Camisas do Flamengo, acessórios e muito mais: compre e ganhe brindes na melhor loja online do Mengão!


Neste número, é importante destacar que cerca de R$ 100 milhões são referentes aos direitos de TV da temporada 2020 e, com isso, acabaram impulsionando a renda. Agora, na segunda-feira (04), uma nova votação definirá o novo orçamento. Por enquanto, a previsão é que tenha um acréscimo de R$ 30 milhões em relação ao calculado inicialmente (R$ 980 milhões).

No entanto, este montante não inclui a classificação à final da Libertadores, sendo que o Flamengo já possui, no mínimo, R$ 32 milhões referentes ao vice-campeonato. Com isso, o total da renda já vai superar a marca de R$ 1 bilhão. A informação foi inicialmente divulgada pelo UOL.

Em relação aos campeonatos, o Flamengo já cumpriu o orçamento referente a Copa do Brasil e a Libertadores. Isso porque, o Rubro-Negro previu a classificação às semifinais, o que já superou. Agora, para finalizar, o Fla precisa ser, pelo menos, o segundo colocado no Brasileirão. Entretanto, caso não cumpra, a diferença de premiação será de apenas R$ 1,6 milhão.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Este é o “Time de 1 bilhão de reais”? KKK

  • Isso, com estádios vazios, afetando também o sócio-torcedor, venda de camisas e acessórios que são usados principalmente pelos torcedores, quando vão aos estádios, além de contratos.

  • O Landim está com a cara do Megamente.

  • O Landim tá com a cara do Megamente.