Jornalista cobra atenção para preparação física e crê que lesões podem ‘tirar’ título do Brasileirão

FOTO: REPRODUÇÃO

O Flamengo tem sofrido com problemas físicos desde a chegada de Renato Gaúcho. São seguidas lesões musculares, como em Diego Ribas, Filipe Luís, David Luiz, Arrascaeta, Thiago Maia, entre outros. Por isso, o jornalista André Rocha, do Uol Esporte, acredita ser necessário rever os profissionais que cuidam da parte física dos atletas.

Embora alguns jogadores já tenham se recuperado e voltado a atuar, como é o caso de Thiago Maia, há quem tenha retornado e se lesionado novamente, como Arrascaeta. O meia voltou a sentir dores na coxa, quando atuava pela Seleção do Uruguai, nessa quinta-feira (07), e há preocupação no Fla com o atleta. Por isso, através do Twitter, André Rocha apontou dificuldade para o Mengão ganhar o Brasileirão.


Quem será o próximo a perder para o Mengão? Saiba como lucrar com previsões esportivas!


Considerando essa série inacreditável de lesões musculares, só resta mesmo ao Flamengo focar nas copas. Ladeira do Brasileiro está muito íngreme para tantos problemas físicos. Renato Gaúcho venceu. Que o clube, em 2022, reveja seus profissionais do Departamento Médico, preparação (física) e fisiologia“, escreveu o jornalista.

Além dos problemas físicos, o Flamengo convive com desfalques por conta das convocações: Maurício Isla (Chile), Arrascaeta (Uruguai), Everton Ribeiro (Brasil) e Gabriel Barbosa (Brasil) estão com as respectivas Seleções nas Eliminatórias. Eles serão ausências no duelo deste sábado (09), contra o Fortaleza, válido pela 25ª rodada do Campeonato Brasileiro. Esta partida terá início às 19h (horário de Brasília), na Arena Castelão.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • O chesea se livrou do salário astronômico desse bosta

  • 2 milhões por mês pra que ? Endividar o clube desnecessário

  • Depois de seguidos reveses por obra e graça do nosso técnico, esse brasileiro está cada vez mais distante. A gordura vem sendo queimada seguidamente, por insistência e teimosia. E não é por falta de elenco, mas por total incapacidade de fazer o time jogar quando não estão os titulares. Fica comprovado que Renato é fraco taticamente, claudica na leitura dos jogos e joga bem apenas no modo JJ.
    Está patente que a Diretoria não poderá renovar esse contrato, pois ele ainda não está a altura do elenco que o Flamengo montou.