Empresa vende pacotes para final da Libertadores e alega ter conseguido ingressos com diretoria do Flamengo; clube nega

FOTO: DIVULGAÇÃO – CONMEBOL

Por: Letícia Marques

A final da Libertadores será entre Flamengo e Palmeiras e está marcada para o dia 27 de novembro, no estádio Centenário, em Montevideo, no Uruguai. A venda dos ingressos para os setores dos clubes começou na última segunda-feira (01). Pelo lado do Rubro-Negro, os ingressos esgotaram em 48 horas, no entanto, as polêmicas acerca do assunto já se iniciaram. Isso porque, uma empresa de turismo alega ter conseguido os bilhetes junto à diretoria do Mais Querido. O clube, por sua vez, após contato da reportagem do Coluna do Fla, negou a informação.


As melhores ofertas para produtos do Flamengo: aproveite desconto e brindes!


Vale lembrar que, antes mesmo da final, agências já faziam a venda de passagem e hospedagem em Montevideo visando a final da Libertadores. Contudo, em algumas empresas, havia a comercialização de ingressos, como é o caso da ‘Potiguar Tour’. Uma fonte ligada à reportagem do Coluna do Fla fez a cotação de um pacote com esta agência, que garantiu o ingresso ‘Categoria 4’, ou seja, a carga que é destinada ao clube carioca. Ao ser questionada da procedência do bilhete, a empresa garantiu que a diretoria do Fla foi a responsável por disponibilizá-los.

CONFIRA OS PRINTS:

 

A comercialização dos ingressos gerou muitos questionamentos entre os torcedores, principalmente pelos valores. A ‘categoria 4’, destinadas aos clubes, possui o bilhete mais barato, que custará 200 dólares, ou seja, cerca de R$ 1.110 na cotação atual. Além disso, menos de 48 horas após a abertura das vendas pelo Flamengo, o clube divulgou uma nota informando que a carga disponível estava esgotada. A venda foi tão rápida que chegou somente a segunda categoria de prioridades entre os sócios-torcedores do Rubro-Negro.

Dominando o cenário do futebol continental, o duelo entre Flamengo e Palmeiras é visto como um ‘tira-teima’, visto que as equipes são as últimas campeãs da Libertadores. Além disso, o título de 2021 representará o tricampeonato para qualquer um dos clubes. Em meio a isso, a expectativa é de que os torcedores lotem o Centenário para assistir ao confronto.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • ATENÇÃO! Hoje não somos mais favoritos para a final da LIBERTADORES. Ou se toma alguma providência enérgica, ou esse ano de 2021 vai ser a antítese de 2019. Vai ser o ano em que um elenco multimilionário conseguiu PERDER TUDO.
    Tudo por falta de planejamento. Primeiro foi Domenec, um estagiário. Depois Rogerio Ceni, sem nenhum gabarito comprovado com clubes grandes e pior, mesmo sem ter merecido ser campeão brasileiro, foi agraciado com a renovação, pois era “a cara do Flamengo”, segundo o presidente. Depois, o tapa buraco Portaluppi, que não entende nada de tática e leitura de jogo. Hoje o time é uma grande incógnita, apesar da folha altíssima, consegue perder para elencos infinitamente inferiores, não tem nenhum padrão de jogo. Pra piorar não tem capacidade física para suportar mais que 45 minutos. o segundo tempo é sempre desesperador. Não tem força física para matar o jogo, nem tem força física para segurar resultado. Desse jeito o próximo insucesso já tem data marcada: 27 de novembro.