Dirigentes do Flamengo vão à casa de Jorge Jesus, diz jornal português

Marcos Braz e Bruno Spindel foram recebidos pelo treinador, mas não receberam a melhor das respostas


O Flamengo está sem treinador desde final de novembro, quando Renato Gaúcho entrou em acordo e saiu do clube carioca. No último final de semana, Marcos Braz, vice-presidente de futebol, e Bruno Spindel, diretor executivo da pasta, viajaram para Portugal e passaram a se reunir com diversos empresários e treinadores, em uma espécie de ‘entrevista de emprego‘. Nessa terça-feira (21), foi a vez de encontrar Jorge Jesus.

Os dirigentes do Flamengo viajaram até Cascais, onde mora Jorge Jesus, e conheceram a residência do treinador. Lá, eles conversaram sobre os mais diversos assuntos, mas o foco principal foi quanto ao interesse e a possibilidade do técnico em retornar para o Mengão. O Mister, no entanto, disse estar focado nos próximos compromissos do Benfica (POR).


Saiba como se dar bem duplamente com vitórias do Flamengo!


Jorge Jesus garantiu que só poderá se pronunciar ou dar uma resposta ao Flamengo depois dos dois clássicos com o Porto (POR), nos dias 23 e 30 de dezembro. A informação foi publicada pelo jornal Record, de Portugal. É importante frisar que a oferta do Fla já havia sido repassada ao agente Bruno Macedo, que sabe das condições do Rubro-Negro para repatriar o Mister.

O Flamengo só irá conseguir contratar o treinador, caso ele consiga liberação do time português. Porém, se os resultados forem negativos nos dois clássicos com o Porto, há chance de Jorge Jesus ser demitido, até pela pressão dos dirigentes portugueses e da torcida encarnada. Após o encontro na casa do comandante, o Fla já sabe que, para talvez contar com o Mister novamente, terá que ter paciência e torcer contra o Benfica.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *