“Quando ele foi lá também tinha contrato”: Braz detona críticas da imprensa portuguesa

Dirigente do Flamengo foi categórico ao mostrar a ‘hipocrisia’ de torcedores e jornalistas


Nesta segunda-feira (20), Marcos Braz e Bruno Spindel tiveram diversas reuniões com representantes de treinadores portugueses. Entre eles, Bruno Macedo, empresário de Jorge Jesus e Carlos Carvalhal, dois dos nomes mais cotados para assumir o comando do Flamengo. Sobre o Mister, o vice-presidente de futebol do Mais Querido concedeu entrevista à imprensa portuguesa. Nela, o dirigente detonou as críticas de ‘assédio’ do Mengão e citou exemplo de quanto JJ resolveu deixar o Rubro-Negro.

Em papo ao jornal ‘Record’, um dos mais conceituados de Portugal, Braz não poupou críticas às retóricas de adeptos do Benfica. Isso porque, desde que ficou comprovado o interesse do Flamengo em Jorge Jesus, os Encarcanados não vem em boa fase e alguns pedem a saída do treinador, mas apenas no fim do contrato. O Mengo, no entanto, quer que tudo seja diferente e, mesmo com as ponderações dos europeus, segue na busca pelo retorno do Mister.

Muito provavelmente vou tomar café com o Jorge Jesus até ir embora, tal como sempre tomei. O Jorge tem jogos importantes aqui e está focado, mas o Jorge está com a cabeça que tem contrato com o Benfica até maio do ano que vem, mas também não é problema porque quanto o presidente do Benfica foi lá atrás do Jesus e ele também tinha contrato connosco. Não estaria a fazer nenhuma indecência porque quando ele foi lá [Luís Filipe Vieira] ele também tinha contrato. Não é um contra-ataque, tenho carinho pelos adeptos do Benfica – disparou Braz.


Aproveite a boa fase do Flamengo para lucrar!


Além de Jesus e Carvalhal, a dupla de dirigentes do Flamengo já se reuniu com representantes de Rui Vitória. O treinador português, que tem um estilo um pouco diferente dos outros, também interesse ao Mais Querido. Vale destacar, também, os encontros com Paulo Sousa e Paulo Fonseca, os últimos dois nomes que mantêm contato com o Mengão.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *