Torcida organizada protesta contra diretoria e Departamento Médico do Flamengo em Fortaleza

Torcedores foram ao hotel para criticar os dirigentes rubro-negros


Neste sábado (14), o Flamengo encara o Ceará, em Fortaleza, pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro. Às vésperas do confronto, a torcida organizada do Mais Querido, ‘Raça Rubro-Negra’, levou cartazes para protestar contra o presidente Rodolfo Landim, os dirigentes Marcos Braz e Bruno Spindel, e o Departamento Médico do clube.

Nos cartazes, as seguintes frases foram estampadas: “14ª no Brasileiro é uma vergonha”, “Diretoria omissa e incompetente”, e “O Flamengo é do povo!”. Os protestos foram feitos por conta da má campanha do Flamengo no Campeonato Brasileiro, visto que o clube está apenas na 14 colocação. A informação foi dada pelo jornalista Rafla Mello.


Quem será o próximo a perder para o Mengão? Saiba como lucrar com previsões esportivas!


Além disso, o alto número de desfalques no elenco e a aprovação da emenda sobre a limitação de sócios contribuintes ‘Off-Rio’ para 1.000 pessoas, foram os principais fatores para a revolta dos torcedores. Desta forma, o Flamengo terá uma pressão maior para a partida deste sábado (14), contra o Ceará, visto que apenas uma vitória irá acalmar os ânimos rubro-negros.

A partida entre Flamengo e Ceará será realizada a partir das 16h30 (horário de Brasília), na Arena Castelão, pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro. Como de costume, o Coluna do Fla traz a transmissão mais rubro-negra da internet, via YouTube.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *