Bap deixa cargo no futebol do Flamengo

Decisão foi tomada nesta quinta-feira (23), após derrota na Copa do Brasil


A crise política no Flamengo aumentou após a sequência de derrotas para o Atlético-MG, pelo Brasileirão e Copa do Brasil. Nesta quinta-feira (23), Dekko Roisman e Luiz Eduardo Baptista, conhecido popularmente como ‘Bap’, deixaram o Conselho de Futebol do Mais Querido e não fazem mais parte do Departamento de Futebol do clube rubro-negro.

É importante destacar que o atual Conselho de Futebol do Flamengo, conhecido como Conselhinho, foi criado em 2019, ano na qual o presidente Rodolfo Landim assumiu o cargo máximo no Mais Querido. Na época, o grupo foi formado por apenas cinco integrantes: Marcos Braz, Luiz Eduardo Baptista, o ‘Bap’, Diogo Lemos, Fábio Palmer e Dekko Roisman. A informação foi dada primeiramente pelo Globo Esporte.


Quer comprar produtos do Flamengo pela internet? Conheça a loja mais rápida e segura!


No entanto, nas últimas duas semanas, o Conselho de Futebol do clube começou a passar por algumas mudanças. Isso porque, no dia 15 de junho, em nota divulgada nas redes sociais, Fábio Palmer pediu para sair do grupo de conselheiros, visto que não enxergava mais como um contribuinte para o Flamengo.

Portanto, com as saídas de Fábio Palmer, Luiz Eduardo Baptista, o ‘Bap’, e Dekko Roisman, apenas Marcos Braz e Diogo Lemos permanecem juntos no ‘Conselhinho’ do Flamengo. Desta forma, o vice-presidente de futebol do Mais Querido fica cada vez mais isolado dentro da política que envolve o Clube da Gávea, sofrendo críticas da torcida rubro-negra ao longo das partidas.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Graças a tudo que é de bo, um já foi. Faltando três: Landim, Brás e Spindel. A hora que essa que isso acontecer, o Flamengo começa a entrar nos trilhos.

  • Se falar que a culpa das seguidas quedas de patamar do Flamengo de 2020 pra cá tem muito a influência desse aí, não vai estar mentindo.
    Com a saída do JJ, o único que poderia manter um pouco de profissionalismo foi expulso.

  • Exatamente Walter , pelaipe era o cara.
    Um já foi, falta o Brás

  • Foi o BAP que mandou o Pelaipe embora.
    Pelaipe é conhecedor do mundo da bola, estava em 2019 e gostaria muito que ele fosse chamado novamente ao Mengão!!!!