De saída do Flamengo, Isla não viaja com a delegação para Belo Horizonte

Em processo de rescisão contratual, chileno não defende mais o Rubro-Negro


Dono de um dos principais elencos do Brasil, o Flamengo segue se movimentando no mercado de forma a rejuvenescer e potencializar o plantel. Para isso, o Rubro-Negro vem acertando contratações e saídas, e a novidade desta sexta-feira (17) é a rescisão de Maurício Isla.

Após perder espaço no Flamengo durante a passagem de Paulo Sousa, e continuar sendo banco de reservas nos dois jogos iniciais do técnico Dorival Junior, Maurício Isla, que já não teria contrato renovado, não faz mais parte do elenco. O lateral-direito, que já acerta a rescisão, sequer irá viajar com a delegação para Belo Horizonte, visando o duelo contra o Atlético-MG. A informação foi divulgada pelo GE e confirmada pela reportagem do Coluna do Fla.


Quer comprar produtos do Flamengo pela internet? Conheça a loja mais rápida e segura!


Maurício Isla foi contratado pelo Flamengo em 2020, para suprir a saída de Rafinha. No entanto, o jogador nunca foi unanimidade na posição, nem com os treinadores e, muito menos, com a torcida. Um dos atletas mais criticados do elenco, o lateral-direito está de saída para a Universidad Católica, do Chile.

A saída de Maurício Isla significará, também, um alívio na folha salarial do Rubro-Negro. Isso porque, os vencimentos do chileno chegam a R$ 500 mil/mês, quantia relacionada ao salário e também às luvas do jogador. Vale destacar que o lateral tinha contrato com o Flamengo até dezembro deste ano.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *