Dorival revela quais características para treinador ter sucesso no Flamengo

Comandante rubro-negro aponta quesitos “importantes” para dirigir o Fla


No começo de 2022, o Flamengo apostou em Paulo Sousa para recolocar o clube no caminho das vitórias. Para isso, a diretoria também cobrou do português uma reformulação na filosofia de jogo. Na visão dos dirigentes, os objetivos não foram alcançados e a boa fase não pairou na Gávea. Logo, o europeu foi demitido. Em seguida, Dorival Júnior foi contratado para “salvar o ano”. Com metodologia e características diferentes, o técnico brasileiro assumiu a equipe e detalhou, na última terça-feira (21), quais aspectos são importantes para um comandante.

— Um profissional tem que, necessariamente, ter algumas características importantes. O principal é uma leitura adequada de jogos, uma igualdade nas suas tomadas de posições, independentemente de o atleta ser um garoto mais jovem ou um jogador com um pouco mais de vivência. Essa lealdade deve ser mantida como, talvez, o fator principal em um processo de crescimento do profissional — disse Dorival, em entrevista à FlaTV.


As melhores ofertas para produtos do Flamengo: aproveite desconto e brindes!



Dorival Júnior tem a conciliação como uma de suas vertentes profissionais. Conhecido no futebol brasileiro por ter um tom “apaziguador” nos vestiários, o treinador foi chamado pela diretoria do Flamengo justamente para levar um ambiente “mais leve” ao elenco. O técnico também falou sobre essa questão na entrevista.

— Além disso, o principal, gerenciamento de pessoas, talvez seja o maior desafio de todos nós, e o que faz com que um treinador seja a todo momento testado. Então, para mim, a formatação de uma equipe e o gerenciamento de pessoas seja um dos maiores desafios de um profissional de futebol — concluiu o comandante.

O treinador assumiu o Flamengo logo após a derrota para o Red Bulll Bragantino. No primeiro jogo à frente do Mais Querido, perdeu de 3 a 1 para o Internacional. A vitória, na sequência, sobre o Cuiabá, por 2 a 0, ascendeu as esperanças por uma série de resultados positivos. O que não aconteceu. No último domingo (19), o Fla foi superado pelo Atlético-MG, por 2 a 0, de forma passiva no Mineirão.

Agora, o Flamengo de Dorival Júnior tem um novo desafio pela frente: o primeiro duelo das oitavas de final da Copa do Brasil, novamente diante do Atlético-MG. Os dois times se enfrentam nesta quarta-feira (22), às 21h30 (horário de Brasília), também no Mineirão. Você acompanha todos os lances, ao vivo, na transmissão do Coluna do Fla, no YouTube.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • belas palavras do Dorival, no discurso tudo bem. pelo que sei do mengão e lá se vão alguns
    anos, técnico pra se dar bem no flamengo tem de 1- fazer o time ser ofensivo 2 – fazer o time
    jogar bem, 3- fazer o time jogar com raça, os titulos são consequência. Se for verdade o que
    estão falando, que o time vai iniciar na retranca, a fritura do Dorival começa hoje, uma coisa
    que a torcida detesta é perder, agora se perder jogando atrás, de modo covarde, ai a bronca é
    em dobro. e se começar a baixar as calças pros medalhões, ai a coisa complica de vez.

  • As regras de ouro são 3 para os treinadores do Flamengo:
    1. Não inventar (cada qual na sua posição. Se for preciso, usar a base ao invés de inventar)
    2. Não aceitar panela (o treinador não pode ser refém de jogadores)
    3. Cobrança permanente de comprometimento (ou substituição do recalcitrante pela base)
    Basta aplicar isso.
    Caso contrário, essa diretoria amadora vai te vender na primeira oportunidade.