“Deveria ser expulso”, afirma ex-árbitro sobre comemoração de Gabigol contra o Santos

Paulo Cesar Oliveira afirma que o atacante merecia o segundo amarelo em comemoração

Um lance curioso no jogo entre Flamengo e Santos, no último sábado (02), rende debate entre os torcedores até hoje: Gabigol merecia o segundo amarelo pela comemoração do gol da vitória, quando quase tirou a camisa? De acordo com a Central do Apito, do canal por assinatura SporTV, a regra diz que o camisa 9 deveria ser punido.

No rigor da lei, um jogador deve ser advertido por um cartão amarelo, inclusive se o gol for anulado, se tirar a camisa ou cobrir a cabeça com a mesma. A regra do jogo diz que tem que dar o amarelo. No caso, segunda advertência, deveria ser expulso – disse o ex-árbitro Paulo Cesar Oliveira.

 

 

Relembre o lance

Aos 27 minutos do segundo tempo, Gabigol estufou as redes do Santos, após rebote do goleiro João Paulo, e saiu para festejar. Na comemoração, ameaçou tirar a camisa e cobriu o rosto. Alguns jogadores e parte da torcida do time da Vila Belmiro pediram o segundo cartão ao atacante, que havia sido advertido minutos antes após discussão com o meia Zanocelo.

O maior artilheiro do Flamengo na história da Libertadores é presença confirmada na partida desta quarta-feira (06), contra o Tolima (COL), jogo de volta das oitavas de final. Basta um empate para o Mengão avançar às quartas, onde enfrentará o vencedor de Boca Juniors e Corinthians.

Camisas do Flamengo, acessórios e muito mais: compre e ganhe brindes na melhor loja online do Mengão!

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Se o Gabriel deveria ser expulso, fico imaginando o que poderia acontecer com certos jogadores polêmicos (Kayser, Fred, Rossi) que peitam o árbitro, são desleais com os adversários, arrumam confusão, etc e que na prática não acontece nada (no máximo, um amarelo)!

  • Péssimo árbitro e horroroso comentarista. Uma verdadeira piada esse cara.

  • Esses caras são uns comédias, onde ele tirou a camisa ou cobriu a cabeça?

  • Ex árbitro tem é que ficar é calado, ele tinha que faltar é a respeito das coisas erradas feitas pelos colegas de arbitragem coisas ridículas que acontecem no campeonato brasileiros e não uma comemoração de um gol , se ele acha errado manda a torcida adversária sair do jogo , e voltar depois dessa comemoração, esse ex árbitro tem é que calar a boca, pois quer aparecer comenta o certo e não o que ele nunca terá essa alegria que é fazer um gol.

  • Este anjinho de pessoa palhaça não viu soube das agressões verbais que o Gabigol sofreu.