Lorran quebra recorde em estreia como titular e se torna jogador mais novo a marcar pelo Fla

Lorran entrou para a história do Flamengo, sendo o mais jovem a marcar pelo clube


Com uma equipe recheada de garotos, o Flamengo empatou em 1 a 1 com o Bangu, pela quarta rodada do Campeonato Carioca. O confronto desta terça-feira (24) será inesquecível na memória de Lorran, que marcou o primeiro gol pelos profissionais. Além disso, o tento também entrou para a história do Rubro-Negro: com 16 anos, seis meses e 20 dias, o meia é o mais jovem a balançar as redes pelo Mais Querido em todos os tempos.

Estou muito feliz por tudo que está acontecendo na minha vida. Feliz pelo gol, mas não satisfeito pelo resultado. Muito feliz, agora é trabalhar e focar. Que seja o primeiro de muitos gols. É um momento que vai ficar marcado na memória, na carreira —, disse Lorran, em entrevista para a Band, ainda no gramado do Estádio Raulino de Oliveira.

Com o gol marcado, Lorran superou Vinicius Júnior, detentor do antigo recorde. O atacante, hoje do Real Madrid (ESP), marcou com 17 anos e 29 dias, na goleada de 5 a 0 sobre o Palestino (CHI), pela Copa Sul-Americana, no estádio da Ilha do Governador. O confronto foi realizado no dia 09 de agosto de 2017.

O tento de Lorran veio aos 10 minutos do segundo tempo, quando o Bangu vencia por 1 a 0. Em uma saída errada de bola, Mateusão pressionou a defesa da equipe alvirrubra e se deu bem na jogada. A ‘pelota’ sobrou limpa para o garoto de 16 anos que, com o pé direito, estufou as redes da equipe da Zona Norte do Rio de Janeiro.

Com o resultado, ambas as equipes seguem invictas no Campeonato Carioca. O Flamengo com três vitórias e dois empates, e o Bangu com dois triunfos e duas igualdades. Agora, com a equipe principal, o Mais Querido mira o foco à primeira chance de título da temporada. No sábado (28), o Rubro-Negro enfrenta o Palmeiras, pela Supercopa do Brasil, no Estádio Mané Garrincha, em Brasília. A bola rola às 16h30 (horário de Brasília).

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Jogou muito. Não sabia que era tão jovem. Criou muitas chances de gol e não teve medo de partir para cima e chutar a gol. Se for bem trabalhado, vai longe.