Luxa amplia pré-temporada no Fla, e reclama da FERJ.

Campeão Estadual em 2014, o Flamengo pretende ampliar a pré-temporada dentro do Carioca, assim como foi feito pelo então técnico Jayme de Almeida, no ano passado. Entretanto, Luxemburgo não abriu mão de vencer a competição. O treinador, por sua vez, repudiou a atitude da Federação de Futebol do Rio de Janeiro, alegando que não terá como fazer experiências com alguns jovens das categorias de base.
– O campeonato está inserido no calendário, é importante, mas temos de saber que há uma temporada inteira pela frente. Acho que houve um processo ditatorial, como é o futebol brasileiro. As regras são determinadas e acabou, não se discute mais. Acho que esses 28 jogadores que colocaram como regra é equivocado. No meu clube, eu contrato quem eu quero. Ou seja, teremos que ter o planejamento que a federação determinou. Como que posso fazer experiência com jovem sem colocar para jogar? Não pode ser uma determinação da federação, mas os clubes aceitaram, né? Não concordo – disse Luxa, que ainda falou da importância dos amistosos que o time terá até a estreia no Carioca, contra o Macaé, no Macyrzão.
– São importantes para o início da pré-temporada, mas não definem nada. Não podemos tornar mais importantes do que são. Jogar contra Shakhtar, Vasco e São Paulo é muito bom, mas não muda nada. Estamos preocupados com o Carioca, Brasileiro e Copa do Brasil. Os jogos são para preparar para isso. De repente, antes podemos ter dois jogos contra equipes de menor expressão, da região. Estes jogos serão preparatórios para os jogos mais complicados.
O Rubro-Negro ficará em Atibia até o dia 17, onde viaja para Brasília, para o amistoso contra o Shakhtar Donetsk (UCR), no dia 18, no Mané Garrincha. Já no dia 19 segue para Manaus, para o triangular contra Vasco e São Paulo.

Fonte: Lancenet

Veja também