O Fla ainda tem o “Ás de ouros” como carta na manga!

Com a pré temporada ficamos com os nervos à flor da pele. Com tantas especulações, parece ser um jogo de futebol nos acréscimos com o time precisando de apenas mais um gol e a bola não entra. O que me deixa aliviado é a forma como a diretoria conduz todo esse processo. Com muita calma  e um bom raciocínio, os carecas não deixam a “peteca cair” e não saem da nova política adotada. Se fosse em outra gestão, como a de Patrícia  Amorim por exemplo, o Fla já teria fechado com Conca, cobriria o valor da multa rescisória e o levaria para a gávea assim como fez com R10, então mergulharíamos em mais uma dívida milionária.

Apesar da diretoria negar, parece que o Flamengo está deixando para usar todos os seus trunfos para contratar somente no segundo semestre, levando em consideração que não seria um bom “investimento” gastar milhões disputando um jogador em verdadeiros  leilões. Ainda mais que os outros times que vão participar da libertadores, estão dispostos a gastarem fortunas para tê-los em seus elencos. Também não seria agradável, contratar um craque e pagar um salário astronômico para jogar um campeonato falido que é o carioca.
A partir daí entra a polêmica. Será que agindo desta forma, os “blues” estão corretos???
Se formos pensar na área financeira sim, já que mesmo não usando todas as cartas da manga, o Flamengo está esperto no mercado, como foi o caso do Marcelo Cirino, um ótimo jogador, onde conseguimos uma boa negociação; acreditamos em promessas, como foi o caso do Arthur Maia, que mostrou que tem um talento já no último jogo; e aproveitamos também as oportunidades, com possibilidades de contratação,  como está sendo o caso do Montillo, que se mostrou estar insatisfeito na China e demonstrou interesse em jogar no Mais querido. Ainda temos nesse processo, a situação do Cícero que já aceitou a redução do salário, com a diretoria do Flamengo já tendo acertado com a antiga patrocinadora do nosso arquirrival Fluminense, faltando apenas uma resposta do clube das laranjeiras.
Em todas essas negociações, não há quem vá dizer que o Flamengo fez ou fará loucuras, são contratos e investimentos dentro da nova política da diretoria.  Aquele “Ás de ouros” ainda está guardado na manga e aí está o segredo para o marketing que a diretoria implementou para a adesão de mais  sócios torcedores. Aquela famosa frase que foi dita na apresentação do Marcelo Cirino: ” se chegarmos a 80 mil Sócios, iremos contratar outro craque do mesmo porte”. Por isso, dependemos também da colaboração da torcida para chegarmos a esse patamar.

Que torcedor “flanático” não ficaria empolgado com essa declaração, vendo o seu time com um elenco forte e podendo melhorar ainda mais???


Por: Thiago Gallo / Silvan Filho

Veja também