Rifa da torcida do Flamengo rende bancos para a Gávea.

A Sede do Flamengo ainda necessita de um Placar Eletrônico.

Através da ‘Super Rifa de Final de Ano’, o Flamengo da Nação conseguiu vender o número de 524 rifas, no valor de R$ 26,99 cada, arrecadando cerca de R$ 14 mil. Somando-se com o que o projeto já havia em caixa, o Clube conseguiu adquirir bancos de reservas para a Gávea, e uma parte para o futuro placar eletrônico.

Atualmente, as equipes juniores do Flamengo estão sem poder disputar suas partidas a nível nacional na Sede do Clube devido à falta destes componentes. Sendo assim, as equipes estão tendo que se deslocar e mandar seus jogos em Macaé, Volta Redonda ou Estádios do interior do Rio de Janeiro.
Um dos idealizadores do projeto, Túlio Rodrigues frisou a importância de não apenas participar das Rifas, mas de se manter o apoio ao Projeto.
– Eu queria agradecer ao pessoal que participou do projeto. Independente da rifa, o projeto do Flamengo da Nação está rolando e você pode doar a partir de R$ 5 pela Caixa, Bradesco, Pagseguro e Lotéricas. Nós vamos fazer ações o ano todo neste sentido, disse o fundador do Blog Ser Flamengo.
Sandro Rilho também agradeceu aos que puderam ajudar financeiramente, e pediu para aqueles que não puderam, a ajudarem na divulgação do projeto e de futuros sorteios.
– Eu quero deixar o meu muito obrigado a todos que participaram e a todos que têm nos ajudado. Assim como aqueles que não podem ajudar, mas que estão divulgando aos amigos, compartilhando a ideia… Isso é muito importante, divulgar o Projeto. Às vezes você não tem os R$ 5, não tem como comprar a rifa, mas nos ajuda divulgando essa ideia na sua rede social, falando para os amigos… Muito obrigado ao Fred Mourão que nos cedeu este espaço do Marketing para fazermos o sorteio, ao nosso amigo Túlio Rodrigues e ao André Tozzini. Muito obrigado a todos, e espero contar com esse apoio luxuoso de todos os amigos rubro-negros, estamos juntos!
Matéria escrita por Eduardo El Khouri
@EduardoElKhouri

Veja também