Brasília reduz de 15% para 5% sua taxa e receberá Flamengo novamente

Em mais um capítulo da ‘briga de taxas’ entre as arenas pelo País, o confronto entre Flamengo e Figueirense, em 9 de março, pela Primeira Liga, esteve próximo de mudar de casa, mas o Governo do Distrito Federal (GDF) cedeu e o estádio Mané Garrincha receberá a partida. O motivo da novela era a taxa de aluguel de 7% exigida pelas autoridades em Brasília para ceder o palco. Ele acabou fechando por 5%.

O martelo foi batido somente em reunião na tarde desta quinta-feira.

Em um ano, por causa do que classifica como ‘concorrência predadora’ de concorrentes, Brasília teve de reduzir a sua fatia sobre a renda bruta dos jogos de 15% para 5%.

Cuiabá, que receberia anteriormente o compromisso, havia combinado isenção de cobrança para a realização de Fla e Figueirense, mas foi barrada em virtude das condições precárias da Arena Pantanal. Juiz de Fora, em Minas Gerais, era a outra alternativa.

No Fla-Flu do último fim de semana, o GDF fechou por uma taxa de 7% e faturou R$ 151.956 da renda bruta de R$ 2.388.360. Os promotores da partida não ficaram satisfeitos com o tamanho da ‘mordida’ no dinheiro. Os times receberam, cada um, R$ 750 mil como cota pela venda do mando.

A empresa Feito Produções e Eventos está à frente da organização do jogo pela Primeira Liga desta vez e bateu o pé na redução do percentual.

A princípio, por decreto, Brasília teria de cobrar 15% sobre o faturamento total, mas uma brecha, através de artigo, permite negociar o valor com eventuais interessados.

Fonte: ESPN

Veja também

  • A organização dessa empresa foi péssima. No FlaxFlu Haviam apenas duas policiais para revistar um mundo de mulheres. Minha esposa ficou quase meia hora pra entrar. Não havia papel nem sabonete nos banheiros. Apenas dois portões abertos, aquela coisa de sempre…. Lucro acima do espetáculo. Amamos o Flamengo, mas somos consumidores e como tal, exigimos respeito.

  • “foi barrada em virtude das condições precárias da Arena Pantanal”. Lamentável… Nosso país não vai mudar nunca

  • Porque sempre tem um atravessador para lucrar em cima do Flamengo?, porque o clube nao aluga e realiza o evento? O que esse Fred Luz faz? Por que nao toma frente disso?

    • Também não consigo entender isso. Ao invés receberem 750 mil, poderiam dobrar o faturamento. E o pior é que eles mesmos já fizeram isso em 2013, me lembro que o Flamengo já lucrou mais de 2 milhões em uma partida. Acorda Eduardo Bandeira. SRN

Comentários não são permitidos.