Mauro Cezar Pereira: ‘Após projeções otimistas, Fla sofre para conseguir patrocínio’

Em novembro, quando o processo eleitoral fervia no Flamengo, a candidatura de situação, encabeçada pelo presidente Eduardo Bandeira de Melo, apresentou seu orçamento para 2016: 18% de crescimento da receita bruta e arrecadação na casa dos R$ 425 milhões. Mas a realidade tem sido bem diferente. As metas ficaram mais distantes com a chegada do novo ano e a saída de dois patrocinadores do uniforme do futebol, Viton 44/Guaraviton (pagava R$ 20 milhões/ano) e Jeep (R$ 4,5 milhões/ano).

Para contratar reforços, o departamento teria R$ 18 milhões a mais do que os R$ 12 milhões investidos em 2015. No entanto, o clube ainda corre para alcançar a meta projetada. “Hoje estamos descobertos em R$ 20 milhões no orçamento do ano”, contabiliza o vice-presidente de marketing, José Sabino. “O mercado está difícil para todos. Veja que as escolas de samba do Rio de Janeiro desfilaram no carnaval só com dinheiro da Liga e patrocínios estatais”, cita.

O Flamengo chegou a manter a Jeep na camisa no começo da temporada, tanto na Copa São Paulo de Juniores como nas apresentações de jogadores. Mas as negociações para estender o acordo estagnaram e o logo da fabricante de carros desapareceu após ocupar, inclusive, espaço mais nobre — saiu da área inferior ao número para a superior, onde em 2015 se lia Guaraviton.

Até aqui só renovou a Caixa Econômica Federal, pelos mesmos R$ 25 milhões anuais do anterior. A TIM, que expõe seu logo dentro dos números das camisas, discute a prorrogação do compromisso que se encerra no próximo mês. “Deve ser renovado”, diz o dirigente, acrescentando que a parceria com a empresa de telefonia inclui incentivos a modalidades olímpicas. Também no fim está o acordo com a operadora de televisão por assinatura Sky, que é a patrocinadora do time de basquete masculino campeão brasileiro e mundial. “Começamos a conversar”, conta.

O banco estatal ficou praticamente como patrocinador único com a saída do fabricante carioca de bebidas e da montadora americana de automóveis. A situação, obviamente, é desfavorável, e coloca em xeque as promessas de 2015, mas reproduz o sonho (hoje impossível) dos cartolas rubro-negros: ter apenas uma marca na camisa, como os grandes clubes europeus. “É um objetivo para 2017 ou 2018”, diz o vice de marketing que, contudo, admite ser praticamente inviável tal situação no cenário atual.

Com base nos R$ 55 milhões de faturamento com propaganda no uniforme em 2015, Sabino calcula que o espaço mais nobre absoluto no fardamento rubro-negro custaria em torno de R$ 50 milhões por ano. “É possível contar nos dedos de uma das mãos as empresas com orçamento para tanto”, destaca. Hoje a Caixa tem tal privilégio pagando metade dessa cifra pela frente da camisa, inferior aos R$ 30 milhões/ano que destina ao Corinthians, mas pelo peito e também costas.

Num mercado mais profissional e respeitado, ter sua marca como única a ser exibida numa camisa de grande clube é ótimo negócio. Da exposição, institucional, às ações comerciais e de marketing que podem ser feitas fora das quatro linhas. Além de eliminar poluição visual que caracteriza uniformes de times brasileiros, reduzido o destaque dos símbolos e nomes expostos.

A camisa como era, com Muricy, e como ficou antes da saída do logo da Jeep, que subiu e sumiuAcontece com os europeus. Para exibir, com exclusividade, o logo da Chevrolet no “manto” do Manchester United, a General Motors paga US$ 79,9 milhões (R$ 321,3 milhões) por ano. É quase seis vezes o que a Caixa paga a Flamengo e Corinthians. Já o Chelsea recebe da Yokohama Rubber US$ 61 milhões (R$ 245,3 milhões) anuais. Dá quatro vezes e meia quanto o banco pagará à dupla mais popular do Brasil em 2016.

Para o dirigente rubro-negro, os clubes sofrem para conseguir patrocínio por algumas razões, a partir da “falta de credibilidade” do esporte mais popular do país. “Ainda gera muita desconfiança. Há empresas que jamais investem no futebol, existem as que temem desagradar outras torcidas e colocam dinheiro na CBF, uma tolice, pois a rejeição é irrisória como as pesquisas comprovam. E também há as que topam patrocinar, mas esbarram no orçamento, no Conselho, na presidência”, enumera.

Numa estimativa otimista, no começo do Campeonato Brasileiro Sabino espera ter duas novas marcas ocupando os espaços deixados pelas que saíram. Fato é que apesar do discurso otimista do período eleitoral, a realidade tem sido bem mais complicada para a diretoria do Flamengo neste quesito. Enquanto isso o clube “realiza” o sonho do patrocinador único, mas da pior forma possível, contra a vontade e por metade do dinheiro que espera, um dia, receber por isso.

Fonte: Mauro Cezar Pereira

Veja também

  • Valeu dilma,luladraão,cbf…graças a vcs o futebol e a economia brasileira ta desvalorizada…brigadão mesmo bando de fdp

  • Todo clube grande precisa de patrocínios sim! Pois é uma renda certa!
    Os diretores do Mengão sabem o que fazem, enquanto o Corintias recebe 30mi por dois espaços em sua camisa, o Mengão recebe 25mi em apenas um unico espaço , o que preserva a Beleza da camisa, isso é algo que abre espçaço para outro grande patrocinador e mais ainda uns dois de medio porte!!

  • se a torcida abraçasse o clube e se associasse não precisaria corre atras de patrocínio.

    • Concordo. ST é a solução.

  • Bap fazendo falta…

    • Cadê o juiz, que não marca?

    • eu quis falar isso, mas sabia que ia ser taxado pelos Bandeiretes kkkk resolvi não postar kk..

    • Ninguém o mandou embora.

  • A Netflix na camisa do flamengo seria linda. Sem contar que seria otimo ver a sky filmando o nome da netflix

    • E a netflix poderia ficar em branco no uniforme 1 e em vermelho no 2. Sem poluir o manto. Eu hostava do patrocinio da petrobras, mas verde e amarelo e branco no manto fica tenso!

  • Não adianta lamentar, mas a verdade é que o ideal, ainda mais diante da crise econômica, é que verdes e azuis nunca tivessem existido, mas que continuassem uma coisa só, Bandeira, Wallim, Bap e os demais. Votei na Chapa Verde mas bem que poderia ter escolhido a Chapa de Bandeira, pois confio e respeito o cara. Acredito mesmo que a Diretoria vai saber enfrentar as dificuldades, mas depende muito da gente também. Sou sócio off-rio há mais de quatro anos e sócio-torcedor, colaborador na modalidade mais cara, sem desconto da mensalidade, além de já ter participado de um grupo de pagamento de darfs e da nação rubro-negra. Mesmo tendo minha chapa derrotada não deixo de contribuir, pois sei que as pessoas escolhidas pela maioria são sérias. Agora é hora do flamenguista com disponibilidade financeira carregar o Mengo nas costas.

    • boa, parabéns! SRN.

  • Camaradas, o lucro do Flamengo ano passado foi de 64 milhões. Ao meu ver, o corte de gastos empreendido pela chapa azul cobre essas oscilações de mercado. Como o time ainda está longe do déficit, não deveríamos falar cobras e lagartos da chapa azul nesse momento de crise, mas sim cobrar da diretoria a operação com lucro menor no longo prazo. Assim, sobraria mais dinheiro para o time ao longo do ano. Lucro alto pode ser sinal de carência de investimento, o que favorece a concorrência.

  • Há netflix sem dúvida uma otima parceira! Ano passado ouvi dizer que estavam negociando e agora sumiu… A netflix só tem a crescer no mengão!SRN

  • Ainda bem que o Flamengo não é administrado hoje em dia por derrotistas que por causa de uma única empresa que não renovou acham que o ano de 2016 acabou.
    E a crise já tem 2 anos, e em 3 pagaram metade da dívida. Que bom que o Mengão está na mão é dessas pessoas!

  • Tenho absoluta certeza que já no inicio do Brasileirão teremos estes dois patrocinadores estampados no manto. Anotem aí.

    OBS : Já ia me esquecendo >> MENGAO QUERIDAO 2 x 0 AMÉRICA-MG e os numeros da mega sena de hoje sorteados serão os seguintes > 09-18-44-48-51-65.
    Anotem aí.

    • 65?
      Kkkkkkk

      • kkkkk….Putz !!!
        É que hje é um sorteio especial …kkkk

      • Kkkkkk

  • Poderiam aproveitar e divulgar a Fla TV e o ST…

  • Acho que embora a crise seja grande, ainda não fechou com outros patrocinadores porque o Fla está jogando esse Carioqueta ridículo e a Globo não está transmitindo a 1ª Liga…

    Mas, para o brasileirão deve pintar alguma coisa boa para o Fla.

  • Toda pessoa lúcida sabia que seria dificil encontrar patrocinadores com o Brasil em crise no ano de 2016 em diante, essas noticias servi pra acordar aqueles que achavam que existe fila de patrocinadores para patrocinar o mengão não e assim que a banda toca não filho. dinheiro ta dificil, não da em arvore não ! E dizem quem essa crise dura alguns anos, ainda mais com o PT e outros no poder não sei quando vai parar de piorar.

    • Até que fim concordo com um comentário seu kkkk. Mais e isso mesmo a situação do país não está fácil e o pior está por vim e com isso todos estão se segurando.

    • A fila existe, mas os valores são bem abaixo do que o flamengo espera, disso tenho certeza

      • dirigentes dizem que não !

    • Tem nada a ver o PT com a crise..
      Essa “crise” seria muito pior se outro governo estivesse lá.
      Lembre-se que foi Lula que segurou a crise em 2008 pra ela não chegar devastadora aqui.
      Se a crise chegou agora é porque a Dilma preferiu adotar as políticas tucanas neoliberais que afundaram o país em três quebras na época do FHC.
      Mas vamos voltar a falar de futebol.
      A questão é que o EBM e seu marketing projetaram um cenário falso para se elegerem, agora estamos vendo que não existe “fila de patrocinadores”.
      Outra questão importante é que as empresas, malandras, usam a “crise” para barganhar valores menores, o que o Flamengo acertadamente não aceita, pra não desvalorizar a camisa.

      • Temos um Ptista aqui. puts, ptistas me enojam. e quando eu falei pt e outros me refiro ao psdb, pmdb etc.

        • Editou seu comentário né… Muito bem….
          Mas você está redondamente enganado, eu não sou petista.
          Mas também não sou otário pra entrar nessa campanha midiática de achar que o Brasil ficou uma merda nos últimos 10 anos.

    • Então não tem nenhuma pessoa lúcida na nossa diretoria, por que eles mesmos falaram que os patrocínios é quem viriam ao Flamengo! Dando a entender que não teriamos dificuldades, mas estamos tendo.

  • Tem alguns torcedores que o próprio urubu… Ficam torcendo para tudo virar carniça! Pra cabá!!!!

  • Antes do Campeonato Brasileiro vai ser muito difícil conseguir algum patrocinador. Campeonatos Estaduais e a ainda embrionária Liga, não são competições tão atraentes.

    Apesar de todo o jogo agressivo da Chapa Verde, que por um breve momento me coloquei à favor, parece que eles tinham razão; não existe uma fila de empresas na porta da Gávea querendo patrocinar o Flamengo. Como a Chapa Azul gostava de fazer parecer na campanha.

    A gente vai percebendo que a campanha da Chapa Azul exagerou um pouco nas promessas. Só falta o CT não ficar pronto no final do ano, acredito que isso pelo menos eles conseguirão cumprir. Caso contrário, serei um dos que vai cobrar firmemente essas promessas.

    O importante é perceber que o nível de exigência da torcida do Flamengo aumentou. Isso é um bem que a Chapa Azul original(2012) trouxe para o clube e veio para ficar.

  • O marketing do Flamengo está me decepcionando. Por que não aproveitam os espaços deixados na camisa e divulgam o programa ST do Mengão temporariamente?

  • Eu era azul por achar que eles não eram falastrões como os verdes, hoje vejo bem diferente as coisas. Vejo que as pessoas pelo poder são capazes de dizer e prometer bravatas. Uma pena

    • Ainda cai nessa?

    • Como se a economia do país estivesse a mil maravilhas. e muito bla bla bla nessa pagina

      • Ué, se nós que não somos especialistas SABÍAMOS da crise, porque a Diretoria que é Profissional não saberia ? Não tente aliviar as mentiras da Diretoria, veio cheio de promessas eleitoreiras e agora está se fodendo. Mas isso é bom para o pessoal que lambia o saco do EBM e não buscava analisar o que era melhor para o Flamengo. A verdade está vindo à tona e mostrando quem é quem e quem dizia a verdade, e o que tem mostrado até o momento é que a galera da Chapa Verde é 100.000% mais CAPAZ do que essa que está aí.

        • Problema do brasileiro é esse. Escolhe tudo como se fosse uma partida de futebol, se torna cego e começam a defender de maneira cega qualquer crítica a “seu time de futebol”.
          Se a chapa verde seria melhor eu não sei, mas que também eles também prometeram mundos e fundos também é verdade.
          Para o xiitas que não me entenderam eu vou ser mais objetivo. Na briga pelo poder vale tudo.

          • Cabe a nós buscarmos saber de todas as formas quem é quem, mas o povo brasileiro PREGUIÇOSO ( melhor não citar adjetivos com ofensas ) não sabe fazer isso, vide o governo que temos.
            É óbvio que ninguém é santo e totalmente confiável, mas que a Chapa Verde era e ainda é EXTREMAMENTE mais qualificada e preparada que essa Chapa Azul isso NÃO tem como negar.
            As pessoas escolheram uma figura como Herói e achou que por parecer bonzinho, ameno, educado e com fala mansa seria capaz de muito mais coisas sem uma equipe competente por trás. A resposta nem preciso dizer.
            Temos exemplos em nosso próprio Clube.
            Márcio Braga, Kléber Leite em seus primeiros mandatos foram ótimos. O Dinamite no primeiro mandato dele idem, assim como vários outros, mas depois sabemos o que ocorreu.
            O problema é que por não termos um parâmetro de boa Gestão em nosso Clube, acham que continuar assim está de bom tamanho, mas mal sabem que estamos estagnados e somos capazes de fazer bem MAIS que o que estamos fazendo hoje.

          • Não sei se vc comentou sobre a resposta dele ao meu comentário. O lance é que, embora os verdes formassem o esqueleto da chapa azul original e algumas ideias deles eu tenha defendido, é inegável que a administração foi boa. Eu não fiquei revoltado com os nossos resultados esportivos nos últimos 3 anos nem ficarei nos próximos 3, essa reconstrução do clube é complexa e demorada. Eu até acredito que existam opositores legítimos dentro do clube mas a maioria do movimento de oposição é basicamente gente querendo voltar o Fla ao que era. Se o BAP iria fazer melhor? Não sei, acho o EBM mais conciliador (vide a postura dos dois no caso Ferj), o que na maioria dos casos funciona melhor. Os verdes contratariam melhor? Dificilmente, ja que participaram de algumas negociacoes frustrantes também. São dois grupos administrativamente mais parecidos que diferentes e ambos conseguiriam bons resultados. Daqui a 3 anos, não haverá mais a carismática figura do EBM para encabeçar a chapa, então provavelmente veremos a mudança de cor e daí teremos como comparar.

        • Cara, a chapa verde prometeu o Sampaoli. Qual era a chance de eles conseguirem?

          • Não sabemos, mas tudo que está acontecendo aí foi dito pelo pessoal da Chapa Verde e eles foram tratados como mentirosos. A resposta está aí…
            Não defenda a pessoa porque vc gosta dela, defenda porque ela é melhor para o Flamengo. E o melhor para o Flamengo por mais que não queiram admitir, era o pessoal da Chapa Verde por ter MUITO mais CURRÍCULO que o pessoal da Chapa Azul ATUAL.

  • Não fui um “anti chapa azul” nas eleições, mas esse papo aí o Tostes já havia dado, e os HIPÓCRITAS diziam que era “papo de opositor…” Agora a verdade está aí.

    • Mas nem precisava ter um currículo como o do Tostes para prever isso. Verdade é que a briga entre as chapas causou muito mal às eleições do clube. Me decepcionei com os dois lados porque sei que tanto o grupo do Bandeira quanto (e principalmente) o grupo do Wallin eram capazes de criar uma disputa de alto nível, sadia e benéfica para o clube.

    • Quem não sabia que esse ano de 2016 seria uma porcaria, país em decadência e todos se segurando por que o pior está por vim.

    • Bruno, pois é. Só acho que se não fecharem os patrocinios durante o ano, precisam ao menos ser coerentes e emitir uma nota informando a Nação. POrque arrotaram muito e na verdade não me parecem tão preparados assim. Se o mercado nacional está ruim, precisam buscar no mercado Internacional, afinal a taxa do dólar ajuda e muito nessa situação, pois em dólar, a quota de patrocinio está muito mais em conta.

Comentários não são permitidos.