Diego, Damião e Guerrero estão satisfeitos no Fla

Vice-líder do Campeonato Brasileiro – 40 pontos – e com uma campanha de destaque, o Flamengo vive o melhor momento na temporada. Com vitórias importantes, o time mantém o bom aproveitamento fora de casa e tem três jogadores fundamentais para brigar pelo título da competição nacional.

Diego, Leandro Damião e Paolo Guerrero estão satisfeitos com o que acontece no Rubro-negro. Cada um à sua maneira, eles veem vitórias pessoais e diretamente ligadas ao processo de evolução do time no Brasileirão.

Depois de 12 anos na Europa, Diego surpreendeu nos dois primeiros jogos pelo Flamengo. Boas atuações, dois gols e triunfos sobre Grêmio e Chapecoense. Além disso, o camisa 35 cumpriu o papel para o qual foi contratado. Ele é o organizador do time e responsável direto pelo sucesso atual no Campeonato Brasileiro.

“A adaptação está sendo melhor do que eu esperava. Tenho me dedicado 100% e conto com a ajuda dos companheiros e da torcida para isso. Estou muito satisfeito até o momento”, afirmou Diego.

Já Paolo Guerrero elogiou a formação na qual tem Leandro Damião como apoio no setor ofensivo. Foi assim no segundo tempo da vitória sobre a Chapecoense. Quando Damião entrou, Paolo caiu pelos lados e até sofreu o pênalti convertido pelo companheiro. Jogar isolado na frente era algo que sempre o incomodava.

“Foi um triunfo muito importante. Me sinto à vontade. A presença do Damião ajuda a me movimentar e ter liberdade para jogar. Me sinto bem melhor assim”, disse o peruano.

Leandro Damião foi contratado pelo Flamengo para ser o reserva de Guerrero. Ele veio com o objetivo de dar a volta por cima na carreira. Até agora, o camisa 18 atuou 103 minutos e fez dois gols. Além disso, mostrou motivação e uma alegria que andava em falta nos últimos clubes.

“Todos estão de parabéns pelo que está acontecendo. Conseguimos um grande resultado diante da Chapecoense e brigamos pelas primeiras posições. Estamos concentrados em fazer o melhor pelo Flamengo”, encerrou o centroavante.

Fonte: UOL

Veja também

  • Poderia até ser o MA, Cuéllar, Diego, Guerrero, Damião, eo Everton q muitos colocariam o Mancu, mas ficaríamos sem jogadas pelas pontas e d velocidade, SRN

  • O Damião está realmente com vontade de recuperar seu espaço no futebol, tá demonstrando muita vontade, e eu que critiquei a contratação dele, até falava “já que é pra contratar ex-jogador, melhor trazer o Adriano, pelo menos é adorado pela torcida”, mas ele está surpreendendo.

  • Philip Pará Lahm é o cara do Flamengo

  • Mas o guerreiro vira e fala que prefere jogar assim, que rende melhor, aí ele volta da seleção do Peru e o burro do Zé vai colocar ele sozinho na frente tomando porrada exatamente onde ele disse nso jogar bem… Aí não dá pra criticar né, sejamos justos

    • O problema de por mais um atacante é que você perderá outro homem no meio-campo e dependendo do jogo, NEM SEMPRE será possível promover esta substituição. No entanto, é bom saber que este esquema funciona… &;-D

      • Realmente, concordo!

        • Sim, mas com Diego, Mancuello, Guerrero e Damião, o adversário manterá no mínimo 5 na defesa, ou vcs acham que seria prudente ficar no mano a mano com esses 4?

          Não estamos mais falando de cirino, Fernandinho e Gabriel.

    • O Burro está está no G4 em segundo c a melhor campanha fora de casa e sem Maracanã. Tudo isto c apenas 4 meses no profissional de um clube grande de imensa pressão. Então quem é inteligente p vc c tão pouco tempo de experiência ?

  • Estava ouvindo no rádio muitas críticas sobre a atuação do Guerrero, cheguei em casa pra assistir pela tv depois da entrada do Damião, Guerrero sofreu o penalti, participou do terceiro gol e estava marcando até lateral, acho q ele se sentiu mais a vontade em campo….

  • breve breve teremos ederson e ap no banco,que time é esse meus amigos?

  • O time é esse, e n me venha com essa história de que o time fica exposto n, pq eu sempre vejo mancuello, Damião e Diego no campo de defesa dando o combate

    • O time ficou um pouco exposto não pelos atacantes, e sim porque o Arão está mal. Se ele botar os 4 na frente, pode até colocar dois volantes pra ficarem mais presos cobrindo os laterais, tipo Cuéllae e Ronaldo.

      • Exatamente… Essa é a dupla que irá dar liberdade para o setor ofensivo…

      • Eu nunca gostei de jogar com 2 centroavantes, mas parece que esse esquema pode dar certo do Flamengo, só que os laterais precisam subir mais, ontem depois da entrada do Mancu e do Damião, teve um lance que o Guerrero estava com a bola de frente pra área da Chape, e não apareceu ninguém no lado do campo, o Guerrero até procurou, mas o Pará não subiu.

      • E tem mais, como falei com o ames ali em cima, qual adversário será louco de ficar no mano a mano com os 4?
        Então serão no mínimo 5 jogadores do outro time recuados, o que já mina bastante o poder ofensivo e facilita pra nos defendermos, roubar a bola e ligar o cobtrataque.
        Pq com esses caras todo ataque será perigo de gol.

  • Viu, não é que dá.ora jogar com dois atacantes? Parem de ciência. Com dois atacantes a defesa se divide na marcação. Com um só é fácil marcar o atacante, e aí gol não sai!! Chega de professor Pardal. O básico aí da funciona.

  • Tá aí Zé..O quarteto já está formado, Mancuello, Diego, L. Damião e Guerrero. Com esse quarteto na frente, dá até pra botar dois volantes mais marcadores, aproveitar que o Arão está mal, e colocar o Cuéllar ao lado do seu amado MA, ou do Ronaldo.

    • O quarteto fantástico, eles parecem entrosados, nunca tinha visto no Flamengo tantas tabelas pra entrar na área adversária. Eu era contra essa formação, mas depois desse jogo sou a favor dela, só precisa de mais alguns ajustes.

Comentários não são permitidos.