Resenha: “A novela da volta ao Maracanã”

Esta semana o Comitê Olímpico deu um banho de água fria na torcida rubro-negra ao declarar que só entregaria o Maracanã dia 30  de outubro, como contratado.

Havia uma expectativa muito grande para o Flamengo já voltar a jogar no Maraca dia 25 de setembro, contra o Cruzeiro, pelo Campeonato Brasileiro.

O presidente Bandeira veio a público e se manifestou, dizendo que “se for preciso, o Flamengo arcará com os custos para poder retornar logo à sua casa”.

O que você pensa sobre essa situação? Assista ao programa de hoje e deixe também a sua opinião!

SRN.

Veja também

  • Estádio Milton Santos, conhecido como Engenhão é público e não privado, é um estádio municipal cedido ao bostafogo até 2027. Ele é hoje o que, na teoria, o Maracanã seria para nós (dividindo com o florminense), uma casa emprestada por contrato por um período determinado….

    SRN

  • pelo amor de DEUS, o engenhão foi entregue para a prefeitura para a obra de cobertura, o botafogo so vai assumir em 2017, a pedido do botafogo, no blog do mauro ele explica isso, por isso que o fla e flu poderia jogar no engenhão.

  • esses caras do debate e pior que o debate do jogo aberto da band.

  • Acho que não e a hora de construir nossa casa, veja o exemplo do curica. Temos que assumir o Maraca mesmo, está pronto vamos pagar somente a manutenção. Agora quando a divida estiver menos de 100 milhões e poder pagar 1000 milhões por ano para pagar a divida do estádio ae sim.

    • to contigo, e isso ai, tem gente que pensa que construir estadio e como fazer um muro em uma semana, um estadio demora demais vamos contar uns 5 anos.

      • 5 anos? nem o porcú imundo levou mais de 1 ano, porque o nosso levaria 5?

        SRN

        • para construir um estadio leva mais ou menos 3 anos e meio, todos coloca 5 por um eventual problema, condições climáticas e outros empecilhos que pode acontecer, o estadio do palmeiras demorou 3 anos e 8 meses

          • 3… 3 e meio tudo bem, 5? não acho mesmo….

    • Nos termos que a empresa se propôs (veja o vídeo que “vazou”, tá no youtube), o estádio se pagará com a empresa utilizando o complexo que, aos poucos vai se tornando nosso.

      Eles investem, a gente lota a parada e depois de 30 anos com eles explorando passa a ser totalmente nosso, tanto o estádio, como o complexo…

      Assista o vídeo e verá que a questão financeira não será problema… Dá pra discutir localização viabilização e uma série de coisas, mas grana não é uma delas…

      SRN

Comentários não são permitidos.