Mauro Cézar: “E o ‘Cucabol’ supera o ‘Zébol'”

Seis pontos de vantagem tem o Palmeiras sobre o seu mais próximo perseguidor, a seis rodadas do final. As possibilidades de o Flamengo chegar ao título já cheiram às tais chances teóricas, matemáticas. Eficiente, bom de resultado mesmo quando o desempenho não é bom, Cuca parece marchar para o título que ainda não tem.

Essa tem sido a forma de jogar, com sucesso na tabela de classificação, mesmo que sofra em jogos como o de domingo. O Sport finalizou mais, teve posse de bola superior e reclama, com razão, um pênalti não assinalado. Como não foram boas as partidas contra Figueirense, Cruzeiro e o frágil América, Mas fez 10 pontos em12.

No mesmo período os rubro-negros somaram sete, cinco rodadas após a diferença dobrou. O Flamengo abriu mão da troca de passes, que arquitetou a virada sobre o Cruzeiro, pelo paupérrimo tentar ganhar de qualquer jeito. Foram inacreditáveis 41 cruzamentos nos 2 a 2 contra o Corinthians, num deles Guerrero, impedido, fez 1 a 1.

Zé Ricardo teve a semana livre para treinar, sem viagens, finalmente, mas não mudou a forma de jogar, o mesmo 4-2-3-1 de antes, só trocando nomes (Gabriel e Everton por Emerson e Mancuello). Pouco e nova atuação fraca, que a pressão do segundo tempo com um homem a mais não minimiza. Segue faltando futebol.

A preocupação flamenguista agora deve ser a manutenção de uma das três primeiras posições, para ir direto à fase de grupo da Libertadores. Pois se o Palmeiras está seis pontos à frente, o Atlético tem dois atrás e o Santos três. Ambos enfrentarão o time carioca, o Galo sábado em Belo Horizonte e os paulistas dia 27 de novembro, no Rio.

É evidente que o ainda novato treinador do Flamengo faz grande trabalho, em meio a tantas viagens, jogando como mandante na cidade do clube apenas na 32ª rodada, com atletas chegando no meio do certame e efetivado na função apenas às vésperas da 16ª. Trocar o “professor” seria tolice que, aparentemente, o clube não fará.

Zé Ricardo é técnico em formação — ganhou a Copa São Paulo de Juniores há nove meses. Cuca está na pista há 18 anos. Já sonhou com o título nacional, esteve perto em 2010 com o Cruzeiro, ganhou a Libertadores como atleticano, montou times de diferentes e se aproxima do triunfo na Série A. Com o sem o “bol” grudado ao nome.

Na vitória sobre o Sport, Moisés, o homem que cobra laterais na área, achou Dudu em ótimo passe, com os pés, para a marcação do primeiro gol. Bola rolando, mesmo na grama castigada do Allianz Parque. O mesmo meia arremessou para a área criando a já conhecida briga pela segunda bola que resultou no tento de Tchê Tchê.

Depois de tanta discussão sobre “Cucabol”, o Palmeiras fez menos gols assim: dois dos nove assinalados nos últimos cinco cotejos nasceram da luta pela sobra após uma jogada de bola parada, ambos do camisa 32. Já o Flamengo recorreu ao “Zébol”. De tanto cruzar, fez quatro de seus últimos cinco gols a partir de bola alçada.

Não é o melhor caminho, pelo elenco que tem, porque já mostrou ser capaz de mais. A bola cruzada é arma útil, importante até, mas quando uma equipe praticamente só dela depende, suas chances se reduzem. Na reta final, o time de Cuca cruzou menos (100 vezes nas cinco últimas pelejas contra 114 do Flamengo) e manteve o desempenho. Se nenhum dos dois mudar radicalmente de postura, o cheio verde só vai aumentar.

Fonte: ESPN

Veja também

  • Outro dia o Mauro estava elogiado o Zé sem parar, dizendo que tinha feito algo que outros não tinham competência…Agora já crítica como se o cenário atual já não estivesse pintando. Allan, Gabriel, Everton, MA, não conseguem manter o nível por muito tempo. É a terceira temporada que isso acontece. Ele deveria ter preparado melhor outros atletas do elenco. Mas o trabalho dele em minha humilde opinião é bom nem melhor nem pior. Tá na média do que tem por ai.

  • Se for pra lançar 42 bolas na area, melhor colocar Damião e Guerrero como centroavantes! Nao tem como jogar com 01 atacante apenas nesse modelo de jogo! Melhor seria jogar no 442 Classico com Diego e Mancuello como armadores e Guerrero e Emerson na frente! Nao adianta abrir emerson numa ponta e Mancuello na outra q nao vai funcionar! Ambos são lentos pra função e nao sabem driblar em espaço curto! Não vai sair nada dali! A dobradinha tem q ser Diego e mancuello no meio, E emerson e guerreiro na grande area revezando quem sai da area pra abrir espaço! Time do Palmeiras vai começar a perder pontos a partir de agora e temos q tirar essa diferença até. 37 rodada, pq se não, já era titulo…

  • Onde o Flamengo está hoje tem mérito do Zé, mas também não é pra tanto.
    É consenso que tanto o Flamengo, Palmeiras e Atlético-MG têm os 3 melhores elencos do país e que a tendência é que eles estivessem mesmo entre os 3 primeiros colocados, até aí nada de anormal.

    Eu diferencio um grande trabalho para um normal quando vejo o Cuca que é líder desde a 18ª rodada e abriu 6 pontos do segundo faltando 6 jogos(provavelmente será o campeão).
    O Marcelo Oliveira que ainda briga pelo título do brasileirão, além da chance real de ser campeão da Copa do Brasil.
    O Jair com um time medíocre e está colocando o Botafogo na libertadores.
    O Dorival que desde o ano passado com um elenco cheio de garotos consegue brigar lá em cima.

    O que o Zé está fazendo é simplesmente o básico do básico com um bom elenco que ele tem em mãos, sem contar que ele é refém de um esquema que está manjado e não consegue sair dele.
    Gostam tanto de criticar o Muricy com as suas eliminações, mas vale lembrar que o Zé conseguiu ser eliminado para o poderoso Palestino.
    O Zé tem potencial para ser um ótimo treinador, mas sinto que ele ainda está cru e precisa aprender muito mais para de fato levar o Flamengo aos títulos.

    • Ainda não é o momento dele e tem mais,com as contratações o muricy tbm encaixaria o time,e nessa hora o muricy nos pontos corridos colocaria todos os que vc citou no bolso..mancu e cuellar com ele eram titulares,ele montou o esquema com aquilo que tinha a diposição,chegaram Diego,damião,donatti rever vaz…não da pra dizer que ele não faria igual ou até melhor… a torcida supervaloriza o zé,que na minha opinião melhorou só o sistema defensivo,do mais manteve e não melhorou o que ja vinha fazendo o muricy..pra ano que vem tem que trazer outro pq a torcida vai cobrar titulo 2017 tem que ser o nosso ano,e não vejo zé ricardo como tecnico pra levar o flamengo a isso..

      • Concordo.

      • Concordo!
        O Muricy implorou por 1 zagueiro durante 5 meses e foi só ele sair que o Flamengo se reforçou ao se desfazer do Wallace e Cesar Martins e ainda contratando Rafael Vaz, Rever e Donatti. Sem contar no Diego que elevou demais a qualidade do time.
        É difícil afirmar se o time com Muricy hoje estaria melhor, igual ou pior, mas o Muricy sabia como ninguém a receita de como ganhar campeonato brasileiro.

        • Falam que o Zé achou a posição pro Arão que o Muricy não acertou mas esquecem que o motivo era ter uma opção ofensiva. Agora vemos o Fla como Arão recuado, sem penetrar a defesa e mesmo assim levando gols. A zaga, coitado do Muricy, com Wallace e César “Taffarel” Martins e meio campo com o preguiçoso Alan Cachaça precisava que o Mancuello ficasse de meia atacante, o que nunca foi a dele. Muricy com esse time poderia fazer mais, ou não. O fato é que não teve o time que deveria ter nas mãos.

          • Acho que o Arão só foi recuado para marcar por ele e pelo Márcio Araújo. Vale lembrar que o Márcio Araújo com o Muricy não jogava de jeito nenhum.
            Vendo o Flamengo com uma formação de jogo congelada, sem nenhuma variação, me dá uma preguiça do Zé Ricardo.

      • “Melhorou o sistema defensivo”. Exatamente ! O problema é que agora nem isso funciona, levamos seis gols nas ultimas 3 partidas(considerando o do Henrique). O ataque não mete medo em ninguém, vide o número de gols marcados. Dois pontas que só servem pra marcar, meias que quando chutam isolam, fora os gols de chance clara perdidos ao longo do campeonato mostram quão fraco é o nosso ataque. Com defesa vacilando e ataque fraco nem de 1×0 dá pra ganhar mais.

        • poisé sendo assim ele é fraco e não justifica sua permanncia num ano que teremos recursos e obrigação de ganhar ago

  • ZR tem dois problemas que a experiência na profissão irá corrigir: dificuldade em mudar o estilo de jogo e dificuldade em explorar a qualidade dos jogadores. Tem jogador que o ZR não sabe usar. Agora, me impressiona alguns torcedores pedirem a saída dele e quererem Roger ou Diniz.

    • vc tem razão,Diniz e Roger pra mim são mehores até que o zé,mas são apostas,tbm é fato que o flamengo é muito grande para que zé ricardo faça no profissional este estagio pra aprender o que um tecnico precisa ou seja “maturar” eu contrataria o Dorival jr,o flamengo precisa usar os garotos tbm,são nosso patrimonio,Leo Duarte,Adryan,Paquetá,vizeu e ronaldo e mateus sávio uns 3 desses ja deveriam ser titulares,o Adryan seria aproveitado em qualquer outro time,o garoto além de ser do clube e ter boa tecnica ja tem rodagem na europa onde taticamente se aprende muito mais que aqui…será que o gabriel tem mais conciencia tatica que ele? tecnica e visão de jogo eu ja respondo,não! e o paquetá?esse garoto é talentosissimo…pq não usam?

      • É decepcionante pra mim ver o Zé trair esses garotos. Verdade que o trabalho dele ajudou cada um a ser destaque na base e chegar ao profissional, mas também é verdade que esses garotos ajudaram ele a chegar onde está hoje.

  • Esse Zé Ricardo era para estar apenas como auxiliar.
    Fraco ainda tem muito que aprender, como exposto aqui técnico em formação!
    Esse é o exemplo de mais uma irresponsabilidade dessa gestão Bandeira com o futebol do Flamengo!
    Esse caras são ótimos administradores financeiros, porém não entendem nada de futebol!

    • Cara, concordo que o Zé Ricardo não está preparado e deva ser auxiliar técnico, mas pra esse campeonato não vi nenhum nome pra se trazer após a saída do Muricy. Entre escolher mais um medalhão ultrapassado e um técnico da casa campeão da copinha, eu prefiri e defendi a escolha do Zé Ricardo. Agora para o ano que vem tem que fazer uma limpa no elenco, demitir o Jaime e pôr o Zé Ricardo como auxiliar. Depois disso pensar em um bom nome pra técnico.

      • eu acho que ele não deva ser auxiliar e sim fazer um curso na europa depois retornar e ser auxiliar…parece que em Dezembro ele vai pra lá…enfim,eu fiquei esperançoso quando ele chegou pq achei que ele mudaria o esquema que ja era usado pelo muricy e principalmente bancaria os meninos da base…mas ele não fez isso do contrario execrou os meninos o Adryan..jogadores que são patrimonio do clube..enfim logo deixei de acreditar,mas ele tava vencendo(não convencendo)aí não da pra reclamar embora eu falasse aqui e sempre era xingado,enfim,longe de mim querer parecer o sabidão ou dono da verdade,só quero o melhor pro time e titulos..não quero mais folclore de tecnicos inventados quero um time forte com um tecnico de verdade.e que valorize tbm as aquisições do clube,coisa que ele tbm não fez..

        • Isso eu boto na conta da própria diretoria. Os caras gastaram muito pra trazer reforços, o técnico não escala e eles não estão nem aí. Sobre a base, Muricy também pouco utilizou eles. Poucos jogadores da base foram aproveitados nos últimos anos. Parece ser filosofia do clube. Quanto à Zé Ricardo fazer um curso na Europa e voltar como auxiliar seria uma boa, mas tem um porém: Jaime continuaria sendo auxiliar técnico. A diretoria não pode de maneira alguma continuar com esse incompetente lá dentro.

          • Jayme te que ser no m integrante do time de base.. e Gostaria muito de ver o Dorival jr no flamengo,faz o time jogar e usa a base

          • Não acho que ele fez muita coisa ao contrário do que muitos dizem dele de 2012, mas pelo que ele fez no Santos, como você bem citou, seria uma boa.

          • cara,em 2012 nosso time era pifio e ele fez um bom trabalho pena que era caro demais…hoje acho que seria muito bom,pq ele joga pra frente cara,MA com ele não teria vez,dorival monta time envolvente que busca o gol e valoriza posse de bola

        • O técnico infelizmente não é forte, mas o time muito menos. Entendo o elenco atual como muito fraco, porém com alguns bons jogadores, sendo que boa parte deles fica no banco. Tem muito enganador e pereba no Flamengo. Tem que fazer um limpa geral. Se a diretoria renovar com eles, eu perco as esperanças de um bom 2017.

          • vc falou bem,mas ainda assim com os que temos no banco estamos entre os 3 mais forte do Brasil,pena que o treineiro não coloca os caras pra jogar,quando coloca um ou outro é na posição errada

        • Outra coisa: parece que a ditetoria confirmou ele como técnico para o ano que vem. Tem que torcer pra que no curso ele aprenda a escalar bons jogadores, gringos e não escalar perebas se não a gnt tá fudido kkkkkkkk

    • mais era esse o técnico que tinha a disposição,os outros são piores que o Zé prova disso são as campanhas dos outros clubes.

      • cara não se pode basear por isso,será que um treinador mais experiente com os jogadores que o flamengo contratou não faria algo melhor? eu penso que sim..eu gosto do levir,do roger,do fernando diniz do vagner mancine do Dorival junior todos gostam de trabalhar jogadas com bola no chão..nosso time parece que não treina,pq não tem triangulação nem chute a gol.. sem falar nas escolhas dele,,cara gabriel jogou umas 20 partidas..isso é o cumulo

        • Eu gostaria que o flamengo contratasse Diego Aguirre ele é um bom treinador e também é experiente.

          Em 24/10/2016 12:52, “Disqus” escreveu:

          • eu tbm penso que chegou o momento de trazer alguem de fora,que seja alheio a toda emoção e oba oba e que preze pelo futebol jogadas trabalhadas enfim..aqui parece que aboliram o 442 o que é ridiculo pois é o esquema mais equilibrado e com possibilidades de variações que existe ..Diego Aguirre eu penso que seria um bom nome sim..

  • Não podemos esquecer que o Palmeiras além de possuir um elenco melhor que o nosso e um time montado a mais tempo e que não teve problemas com estadio, e sim muito valido o trabalho do Zé Ricardo e nenhum dos medalhões do mercado teria feito melhor, além do alto custo, nosso grande nome Diego chegou na metade do campeonato e iniciamos o mesmo com apenas três zagueiros, ficar na segunda ou terceira posição e natural pois Palmeiras e Atletico possuem times e elencos melhores.

    • Mano vc não pode falar que um medalhão não faria melhor…no aspecto tatico e variação na forma do time jogar eu acho que faria melhor sim…claro que o zé fez um bom trabalho,além daquilo que imaginávamos,porém na hora de ser um diferencial,mostrou-se limitado,vamos fechar o ano no g3 (espero) pra isso precisa mudar a forma de jogar,mas ano que vem,a pressão por titulo será maior e não vejo o zé ricardo como o tecnico pra conduzir o flamengo a isso..a Diretoria deveria revolucionar no zé para assumir o time no futuro manda fazer o tal curso la fora depois volta de auxiliar pra conhecer o grupo e em 4 anos no maximo assume o time,..isso é visão e planejamento,se manter zé ricardo ano que vem como treinador será igual carlinhos,andrade,jayme…ira se perder pois ainda não é treinador,tanto que se fosse demitido não teria mercado.

      • Colega, o Muricy com um time minimamente bom no início do ano deixou um trabalho pífio. O Zé mesmo com toda sua inexperiência nos manteve com regularidade no Topo da tabela!

  • Zébol algumas rodadas atrás. Agora é preguiçabol.

    • Kkkkkkk

  • Eu concordo que o time tá jogando muita bola na área e não tá conseguindo criar jogadas pelo chão, o problema é que eu não sei se nessa altura do campeonato, faltando um mês pra acabar o brasileirão, o treinador consegue fazer uma mudança tão radical de esquema de jogo.

    • Também acho que não consegue. Mas tem um problema maior: ele nem tenta.

      • Ele sabe que é o esquema, tanto que admite que mexeu errado quando o time não ganha. Que está perdido eu concordo, fica perdido pq não sabe fazer nada diferente. Jogar sem treino dá na mesma, não sabe mudar nada.

        • Ele só trocou as peças do 4-2-3-1, não mudou o esquema. Escalou AP nas últimas partidas e Mancuello na última de ponta. Ele pelo visto só sabe jogar nesse esquema. Como o esquema parou de funcionar completamente, acabou o Zé Ricardo e consequentemente, acabou o time do Flamengo.

  • Realmente o time parou de jogar futebol, não importa a fragilidade defensiva da bola aérea do adversário, não se coloca 41 bolas na area pra marcar 2 gols. Que porra é essa de Mancu como ponta ? ta de sacanagem ? O cara não muda o esquema, dentro desse esquema é melhor ter o Gabriel porque Mancu não vai marcar lateral, não vai fechar corredor, alias, Mancuello é homem vindo de trás, porra Zé ta querendo queimar o cara ?

    • tb acho. o time não tem jogada de ataque. é só chuveirinho na área. e isso há muito tempo mas vinhamos ganhando mesmo assim e ng reparava

      • Isso já acontecia no primeiro turno, mas quando vencia ninguém aceitava que se criticasse isso. Ali era momento de trabalhar variações, não aconteceu. Agora temos jogadores que poderiam mudar a cara do time, oferecer opções, mas totalmente sem ritmo; os que mais atuaram parecem não ter mais perna e o esquema se tornou previsível.

        • O grande problema agora e que estamos tomando gols, antes ganhavamos de 1×0

          • É isso aí. O esquema do Zé é pra isso mas agora não funciona mais. A defesa está sem foco e o adversário sabe como escapar dela. No ataque a bola cruzada tá manjada e não sabem fazer outra coisa. Esquema pra ganhar de 1×0 não vai rolar.

Comentários não são permitidos.