Acordo de R$ 69 milhões com a Globo faz ruir união entre clubes na Primeira Liga

Fundada em setembro de 2015 e constituída com intuito de organizar uma competição paralela aos estaduais, a Primeira Liga atravessa uma grave crise. Atlético-PR e Coritiba já ameaçaram abandonar a disputa, e esses são apenas os casos mais graves de times insatisfeitos com o modelo atual. O cerne dessa cisão entre os participantes é um contrato de R$ 69 milhões com a TV Globo.

O acordo diz respeito à cessão dos direitos de mídia da Primeira Liga durante os próximos três anos (2017, 2018 e 2019). A Globo, única emissora que apresentou proposta, pagará R$ 23 milhões por temporada de vigência do negócio, que é válido para TV fechada e tem possibilidade de exposição em rede aberta – neste ano, no debute do evento, a arrecadação foi de pouco mais de R$ 5 milhões. Originalmente, os dirigentes responsáveis pela competição estimavam vender essas propriedades por algo entre R$ 28 milhões e R$ 30 milhões por edição.

No último sábado (29), o UOL Esporte mostrou que Atlético-PR e Coritiba, insatisfeitos com o atual modelo de divisão de cotas, ameaçam não participar da Primeira Liga em 2017. Em menor escala, outros times também reprovaram o modelo adotado no novo acordo com a TV.

Existe até uma discussão sobre quem propôs o modelo de divisão de cotas da próxima temporada. Executivo ouvido pelo UOL Esporte disse que a Globo aproveitou o modelo usado com os clubes em estaduais e no Campeonato Brasileiro – quando surgiu, a Primeira Liga tinha como um de seus alicerces uma partilha mais equânime da receita de mídia.

Sem licitação, apenas a Globo investiu

A ideia inicial dos responsáveis pelo certame era promover uma licitação aberta para comercializar os direitos e mídia, com separação de TV aberta e fechada. Esporte Interativo e TV Globo foram os grupos que manifestaram interesse pelo conteúdo. Contudo, esse modelo de venda foi abandonado a pedido de clubes, a despeito de resistência na própria diretoria da liga.

Sem licitação, o Esporte Interativo desistiu de apresentar oferta. Dirigente da Primeira Liga ouvido pelo UOL Esporte admitiu que a falta de concorrência é um dos fatores para a venda não ter atingido o montante almejado inicialmente.

Um executivo que participou das negociações relatou que clubes priorizaram a Globo por razões políticas. Como já têm contratos com a emissora para estaduais e Campeonato Brasileiro, os times preferiram estender a parceria e ganhar poder de barganha nos outros produtos.

Em meio à negociação com a Globo, a Primeira Liga estipulou que a receita advinda da cessão de mídia será dividida em quatro categorias, em ordem de ganhos: uma com o Flamengo, uma segunda com Fluminense, Atlético-MG, Cruzeiro, Grêmio e Internacional, a terceira casta com Atlético-PR e Coritiba, e a última com o restante dos participantes. O modelo foi apresentado em assembleia realizada no dia 20 de outubro, em Belo Horizonte. O Atlético-PR, que não enviou representante, foi o único que não assinou documento de aprovação.

O Coritiba, que até a assembleia assentiu, mudou de posição depois. “O meu vice-presidente chegou a aceitar isso na reunião, mas assim que ele me comunicou eu disse que não toparia. Não vou concordar de maneira alguma. O patrocinador não pode pagar mais ou menos para um ou outro”, disse Rogério Bacellar, mandatário da equipe paranaense.

Fonte: UOL

Veja também

  • Saudações NAÇÃO, se
    o quê esses clubes arrecadam no 1º trimestre? Quase Nada! Quem lidera a audiência da mídia? Duvido se o Manchester United aceitaria divisão igual com o Leicester (campeão Inglês 2015) ? Corinthians com o Ituano (campeão Paulista 2014) ? Atlético MG com o América MG (campeão Mineiro 2016)? Algum desses times campeões passou a ganhar igual aos grandes? NÃO!!!
    SRN

  • Comunismo não funciona caro amigo do Coritiba

  • O Coritiba recebe a mesma cota que o JMalucelli, Toledo, PSTC e o Foz do Iguaçu para disputar o Campeonato Paranaense???

    Fala sério…. muita hipocrisia….

    SRN

  • A Globo paga mais para o São Bento de Sorocavba disputar o Paulista do que para o Flamengo na primeira liga (minusculo mesmo)……..

    Só nanicos!!!

    • Onde vc tirou essa informação????

      • Do Oco Profundo do VAGIbão dela.

        • kkkkkkkk. …eu me divirto….SRN

  • Tá brincadeira estes paranaenses . Tirem estes nanicos pra correr logo.

  • Sinceramente, o valor está muito baixo, e tô vendo só politicagem aí. Se o EI quisesse chegar forte levava. Mas ficam só de blablablá. Já que o Flamengo assinou isso, vai acabar assinando o Carioca também. Já estou até vendo… Espero que seja em condições muito melhores que as atuais..

  • Complexo esta questão, pois como forçar uma renovação aceitando assinar com a globo? E como não aceitar se a globo é a única gigante do Brasil nesse quesito? Acima de tudo os times brasileiro são hiper, mega, ultra inflacionados e superestimados, resumindo: precisam de dinheiro….

  • Sempre o Paraná…..

  • Quem não quiser sai. Por causa do orgulho vai ficar sem nada.

  • A verdade é que a divisão deve ser feita igual a da Premier League. 50% igualmente entre os vinte times, 25% pela classificação no campeonato anterior e 25% pela representatividade de audiência de cada um. O flamengo tem que ser mais forte com sua publicidade (marca) e com seus ST. Assim acaba o mimimi e continuaremos a passos largos para dominar o futebol nacional e continental.

    • Mas a divisão foi proposta dessa maneira… Se eu não me engano 40% por igual, 30% dependendo da classificação do time e 30% de acordo com a audiência… e ainda tem time reclamando…

      Ganhar igual sem oferecer a mesma coisa não dá.

  • Pow, somente seguir modelo Br no tocante capacidade de público renda exposição de marca onde exemplo: Flamengo Curintia,primeiro escalão e depois seguimos esse padrão ! Agora pq ajudou a formação da LIGA vai querer receber igual Flamengo,cruzeiro,CAM, FLÔRMINENC, não cabe né coxa, atlético PR fica difícil!

  • o eduardo bandeira deveria sair, esses clubes estão nesse campeonato lixo por causa do flamengo que arrasta multidões e a mídia, a torcida do coritiba so vai ao estadio contra um grande e ainda querem o que. pra mim so deveria ter brasileirão, copa do brasil, libertadores e sulamericana e ponto.

  • Quem é CUritiba? Tá se achando o quê pra ganhar igual os grandes? Se manca porra.

  • Nenhum dos dois vão sair, estão vendo um crescimento nas suas receitas e dificilmente vão abrir, estão tentando colocar uma pressão que não vai adiantar muito, caso saia não é time de grande porte mesmo.

  • Acho melhor isso melar mesmo. O risco de esse liga nacional sair disso e diminuir nosão recebimento de TV e real.

    • Não recebi menos, a “LIGA” é justamente para melhorar para os clubes o negócio chamado futebol ,o MENGÃO Sempre irá receber mais conforme o bolo for crescendo, você não acha que esse pessoal da diretoria do MENGÃO iria entrar em um negócio para perder renda e capitalização!

      • Além do mais, tem as questões políticas envolvendo os dirigentes da CBF e uma maior independência dos clubes… &;-D

        • Isso a liga para muitos que não entendem ainda nada mais é de tirar das mãos da CBF que nada agrega no futebol para as mãos que faça um negócio mais rentável onde os clubes participantes sejam melhor beneficiados!!!

Comentários não são permitidos.