Veja declaração do presidente Bandeira sobre ação do MP-RJ para torcida única

O presidente Eduardo Bandeira de Mello comentou sobre o pedido na Justiça para que os clássicos cariocas tenham torcida única.

Confira o que nosso presidente comentou sobre o assunto:

“Sou totalmente contrário a essa medida de torcida única. Eu acho que descaracteriza os espetáculos de futebol, e isso seria uma pá de cal no futebol carioca.

O ideal seria nós termos famílias compostas por pessoas que tem times diferentes e possam comparecer nos estádios e cada um torcer para o seu time como sempre foi. Essa é uma medida simplista e não resolve o problema, parte para uma ótica errada.

A as mortes provavelmente acontecerão longe dos estádios, como acontece quando esse grupos que se denominam torcedores marcam encontros para realizar seus conflitos.

O Flamengo sempre estará disponível para ajudar as autoridades, mas essa ótica está errada, criminoso não tem CNPJ, criminoso tem CPF.”

Você também concorda com o presidente Bandeira de Mello?
Deixe sua opinião nos comentários abaixo!

Veja também

  • Ferj é contra a medida,
    Flamengo é contra a medida,
    Fluminense lamenta a decisão
    Vasco não se manifestou ainda
    Adivinha quem apoiou a decisão?
    O time mais chorão…

  • Quando o estado e incompetente ele repassa o ônus ao cidadão…

  • O MP parece o marido que pegou a mulher transando com o vizinho no sofá da sala e resolveu jogar o sofá fora pra resolver o problema.

    O país não aguenta mais medidas oportunistas e populistas.

    Eu gostaria de ver o MP discutindo com os órgãos de segurança e clubes uma forma efetiva de afastar esses marginais que se dizem torcedores.
    Eu gostaria de ver o MP entrando com uma ação contra a Odebrecht obrigando-a a cuidar do Maracanã como deve.

    Vou esperar sentado.

  • No brasil vagabundo não tem medo de punição pq sabe que logo logo estará solto, a lei é branda, favorece ao bandido, agente vê o tempo todo isso, é indulto…

  • Aos administradores. O que aconteceu com o site da um tempo para cá, está consumindo dados (mb) a rodo. Muitos de nós acessamos o site pelo celular durante nossas viagens de ônibus. Por favor, reve o layout.

  • Se por um lado está correto no que fala, do outro está errado por apoiar as organizadas.

    • Nao acho que está errado em apoiar as organizadas.

      • Eu acho que está… ficar apoiando organizações criminosas só estimula a violência e afasta as famílias do estádio.

        • em que pedaço do texto ele está apoiando organizadas mesmo?

          • Dar ingresso é apoiar ou não ? Bancar viagem é apoiar ou não ?

          • aonde ele defende isso eu estou perguntando
            Vi várias vezes fazer reuniões para justamente falar do maleficio que brigas podem fazer a instituição.
            Nunca o vi defende-las, mas posso estar enganado

          • Eu não disse que ele defende.

            Eu disse que ele apóia com ingressos e viagens. Ou o flamengo cortou isso e eu não soube?

          • O Flamengo cortou isso e você não soube, desde 2013 cara

          • Eles ameaçaram cortar e depois voltaram atrás… foi isso que eu lembro.

  • A solução para 99% dos problemas no Brasil é uma só. Educação. O resto é só consequência.

    • De fato. não há campanha ou exemplo que mude este panorama, isto apenas arranha a superfície jamais tocará a raiz do problema, que se dá somente através da educação, afinal, este povo que briga e vandaliza não é nada mais do que fruto das enraizadas mazelas sociais que afligem a sociedade.

    • pena que as ultimas leis vão em direção contrária a isso.
      Ou seja, vai piorar e muito

  • Isso é culpa do poder publico mesmo. A Inglaterra fez uma coisa simples: pegou o cadastro de todas as torcidas organizadas de cada clube os indentificou, quem fizer besteira não entra no estádio e cadeia.

    • Madruguinha, na verdade a Margareth Tatcher foi muito além. Foi feito um plano de Governo que começou com a exclusão dos times ingleses de qualquer competição internacional por vários anos. Depois foi montada toda uma infra estrutura penal (fiscalização e punição) e organizacional para a criação de padrões e condições básicas de disputa.
      Agora temos de contextualizar também que a UEFA está anos luz à frente da Comenbol mesmo com a corrupção. Até porque corrupção existe em todo canto.
      SRN

      • Foi perfeito.

  • A solução está longe de acontecer. É fácil falar que tem que resolver, mas no Brasil se paga uma vergonha ao policial, já tem meia dúzia e direcionam varios para um jogo de 90min, fora o tempo que se leva extra jogo. Morreu um torcedor(agitador de briga por sinal) e quantos morreram durante essas horas?
    Jogo de torcida única seria horrível, mas que tal Ferj e os clubes se mobilizarem nesse sentido? Pela TV observei muitas famílias com crianças no jogo. Loucura! William Arão com toda grana pede pra mulher não ir à jogos…certíssimo!
    O duro é saber que cada um só pensa no seu umbigo…futebol move bilhões. Patrocinam arruaceiros, pagam advogado pros marginais (vide Corinthians), defendem a honra de um arruaceiro (vide Botafogo agora com a frescura do Twitter).
    Entendo a opinião do Bandeira assim como a do Ministério Público. Agora tem que chegar a um consenso que privilegie quem faz o espetáculo acontecer: nós torcedores! SRN

  • Ótima resposta.
    Governo e MP recebem uma fortuna justamente para achar soluções diferentes das que o tio bêbado dá no churrasco de domingo.

    • E eu achava que o MP ter duas férias (60 dias, cada qual com um abono) ao ano era absurdo;
      A coisa fica pior quando acham que estão trabalhando.

      • Realmente tem horas que aparentemente deixá-los mamar é menos prejudicial que quanto tentam ser “produtivos”.

        • Pois é, são mais úteis quando estão na Europa fazendo curso de gastronomia às custas do erário do que nas terças e quartas, os dois dias em que dão expediente.

Comentários não são permitidos.