Cofre cheio: Palmeiras é o líder em arrecadação com bilheteria em 2017

Se o São Paulo, mesmo com a campanha irregular que vem apresentando até o momento na temporada, ainda lidera a média de público do futebol brasileiro em 2017, com cerca de 32.500 espectadores por partida, no quesito renda quem está com motivos para sorrir é o Palmeiras. Afinal de contas, nenhum clube faturou mais que o atual campeão do Brasileiro. Na disputa pelos títulos da Taça Libertadores e do estadual, o Verdão já arrecadou R$ 15,4 milhões. Lembrando que nos dois levantamentos, o GloboEsporte.com leva em consideração os confrontos realizados como mandante pelas 60 equipes das Séries A, B e C da principal competição nacional.

Nas nove vezes que atuou em casa, o time comandado pelo técnico Eduardo Baptista teve renda bruta média de aproximadamente R$ 1,7 milhão por partida. O maior faturamento foi registrado no duelo contra o Peñarol (R$ 2,58 milhões), pelo torneio contimental, quando venceu por 3 a 2 no último minuto. Tal quantia é a terceira maior renda num único jogo em 2017, atrás apenas do Flamengo, que conseguiu R$ 3,6 milhões na goleada por 4 a 0 sobre o San Lorenzo e outros R$ 3,3 milhões, na vitória por 2 a 1 sobre o Atlético-PR, ambas pela mesma competição.

A segunda maior arrecadação do Palmeiras (R$ 2,56 milhões) também foi obtida na Libertadores, só que no difícil triunfo sobre o Jorge Wilstermann-BOL por 1 a 0. Na sequência aparece o clássico contra o São Paulo (R$ 2,3 milhões), pelo Paulistão. Na ocasião, o Verdão venceu por 3 a 0. Por outro lado, a sua pior receita (R$ 1,03 milhão) foi no jogo de volta contra o Novorizontino pelas quartas de final do estadual.

Depois do Palmeiras, o clube que mais ganhou dinheiro foi justamente o Rubro-Negro carioca. No total foram 11 partidas como mandante, o que gerou uma arrecadação de R$ 10,8 milhões. Além das partidas pela Libertadores citadas acima, vale destacar a renda (R$ 1,27 milhão) que conseguiu no empate por 2 a 2 com o Vasco pelo Carioca, em Brasília. O seu pior faturamento (R$ 27.440) foi no triunfo por 3 a 0 diante do Bangu, no Raulino de Oliveira, pelo estadual. Embora o preço médio do ingresso nos jogos do Fla (R$ 55) seja apenas três reais mais barato que nas partidas do Verdão (R$ 58), a diferença de arrecadação entre os dois clubes é de R$ 4,6 milhões. Um dos motivos é a presença mais constante dos palmeirenses desde que a sua Arena foi inagurada, em novembro de 2014.

Famoso pela sua fiel torcida, o Corinthians aparece na terceira colocação, com um total de R$ 9,55 milhões em nove confrontos disputados na sua Arena. A melhor renda (R$ 1,99 milhão) foi no clássico contra o Santos, quando venceu por 1 a 0, pela sétima rodada do Paulista. O pior (R$ 473.376) aconteceu na terceira rodada pela mesma competição, na vitória sobre o Novorizontino por 1 a 0.

Embora o preço médio (R$ 26) que o São Paulo cobra pela entrada nos jogos em casa seja bem menor que outros times, o Tricolor Paulista já soma R$ 8,66 milhões em 10 duelos, ocupando a quarta posição. Não é à toa que é o primeiro em média de público. Neste caso, a matémática é simples: com ingresso mais barato, a torcida tende a comparecer em maior número. Foi o que aconteceu no empate por 1 a 1 com o Corinthians – renda de R$ 1,35 milhão – e na vitória por 5 a 2 sobre a Ponte Preta – renda de R$ 1,31 milhão – ambos pela fase de classificação do estadual, quando mais de 50 mil pagantes foram ao Morumbi.

O Botafogo fecha o top 5, com R$ 6,51 milhões em receitas com bilheteria nos 10 jogos que teve o mando de campo. Destaque para os confrontos pela Libertadores, quando ganhou por 2 a 1 do Colo Colo (renda de R$ 1,89 milhão), e Estudiantes (renda de R$ 1,72 milhão), além do Olimpia por 1 a 0 (renda de 1,39 milhão). Nos três jogos, os torcedores encheram o Engenhão, apesar de o preço do bilhete ser mais caro que o cobrado no Carioca. Por sua vez, o Glorioso só faturou R$ 64.050 na vitória sobre o Macaé por 2 a 1, pelo estadual.

Entre os 10 primeiros clubes com maior arrecadação na atual temporada ainda temos Grêmio (R$ 6 milhões), Internacional (R$ 4,1 milhões), Atlético-PR (R$ 3,6 milhões), Cruzeiro (R$ 3,5 milhões) e Fluminense (R$ 3,4 milhões).

Reprodução: Globo Esporte

Veja também

  • Se o Flamengo tivesse estádio próprio, lideraria esse ranking anualmente e com folga.

  • Enquanto isso, vamos conhecendo nosso adversário no mundial em dezembro, a Juventus.

  • Falta de matéria? Brasileirão nem começou ainda, amador essa coluna viu…

  • Mas também o jogo do parmeira tem uma hora e meia cada tempo(ou até fazer o gol) , isso faz com que seu torcedor gaste mais e assim ter melhores lucros.

  • O Mengão é Gigante, mesmo não tendo um estádio próprio e jogando um campeonato falido (ferjão) a renda e imensa.

  • EXTRA EXTRA EXTRA
    SPORT GANHA TITULO ATRASADO. CALMA TURMA É UM TITULO PROTESTADO POR EQUIPE DIAS EMIRADOS ÁRABES NA FIFA E TERA DE PAGAR 10 MILHÕES DE EUROS POR HERNANDE KKKKKKK NAO QUERIA TITULO ANTIGO ENTÃO ESTA AI O TITULO SO QUE PROTESTADO
    Kkkkkkkkkkk

  • O Palmeiras só é líder em arrecadação com bilheteria graças ao dinheiro da Crefisa.
    A Crefisa investiu pesado -> contratou bons jogadores -> o Palmeiras deixou de cair para brigar por títulos -> a torcida começa a ir aos estádios.

  • Muitos falam à o Flamengo precisa do Maracanã ,e dizem q a ilha a n é digno para à grandeza do Flamengo.mais vejam bem , é por causa dessa de sempre espera pelo Maracanã q está passando por isso ,se acomodou cm essa de maraca é nosso ,nunca foi e nem será ,por causa desse Maracanã é q ano passado o Flamengo ficou rodando o Brasil inteiro pra jogar q talvez foi o q dificultou a conquista do brasileirão,,muitos questionam o posicionamento da diretoria de n qrer fazer acordo cm a largadere,poq dizem q pra construir um estádio vai demorar 5ou seis anos , mais ai é q vem a importância do estádio dá ilha, claro pode n ser digno dá grandeza do Flamengo ,. talvez o Flamengo se acostumou achar q o Maracanã era sua casa ,justo pq n ter condições d ter seu estádio próprio por culpa de ADM irresponsáveis ,e sendo assim se humilhava para jogar no Maracanã ,como n tendo outra casa mesmo ,a torcida sempre achou q o Maracanã é do Flamengo , mais agora q o Flamengo tá nos eixos ,a diretoria tem sim todo o direito de bater o pé e brigar pelos seus direitos ,n deixar q outros atravessadores lucrem as suas custas ,como era antes ,q se aproveitavam dá situação q o Flamengo passava , agora o q a diretoria tá qrendo passar pra nós torcedor é pra todos q pensam em ganhar as suas custas, é q a agora é outro Flamengo e tem q ser do seu jeito q n é qualquer um q vai se aproveitar n .Por isso temos que apoiar a ideia dá diretoria, mesmo q demore cinco ou seis anos pra construir um estádio próprio, mais q qd chegar esse ano vamos ter uma casa ,e a ilha é só pra n se obrigar à ficar refém de Maracanã até ter a nossa casa,.N adianta ir lá negociar cm a empresa e ficar acomodado ,ai depois vem outra reforma no estádio ou qualquer outra coisa ,ai o Flamengo ficar novamente sem lugar pra jogar igual um inquilino ,.Eu apoio a diretoria ,qm apoiar ?

  • Nada mal pra quem não tem um estádio, e olha como a libertadores é importante quase 70% de renda fator bilheteria…se fosse depender do carioca a coisa ia ficar feia.

  • A renda das peppas está confiscada pela Crefisa. O pior é que os vices nem aparecem na lista kkkk

    • KKK Vasquin vai arrecadar o que com o futebol ridículo que tá jogando e com aquele galinheiro que é o estádio deles!

  • E agradeça ao Maracanã por essa nossa arrecadação.
    Se tivéssemos jogado no estádio zumbi da ilha, estaríamos em 4º ou 5º da lista.

    Flamengo não pode ficar sem o Maracanã.
    Futebolisticamente falando, o melhor para o Flamengo é o Maracanã;
    Claro que um estádio próprio seria perfeito, mas não vai rolar para o momento, talvez daqui há uns 7 anos se começarmos a trabalhar hoje pra isso.
    Enquanto isso, a diretoria tem que negociar com a Lagardere. Torcedor acha que só vamos construir estádio se abandonarmos o Maraca. Se abandonar o maraca e jogar na ilha com 12mil pessoas, ai mesmo que não terá renda pra investir no estádio.

    • Todos sabem que o Flamengo precisa do Maracanã… mas ficar refém de terceiros é complicado… Se for pra ficar refém prefiro me f0der 10 anos até conseguir um estádio próprio, que f0der eternamente porque terceiros administram de forma obscura o Maracanã que de fato todos sabem disso!

      • O Maracanã é um estádio público, que existe porque a gente paga imposto.
        Maracanã não é da Lagardere e nem do Flamengo.

        Pra jogar no Maracanã, não é necessário ficar refém de nada, pois não tem nada pra fazer o Flamengo de refém.
        Negocia jogo a jogo, assim como os outros clubes vão fazer. Negociar jogo a jogo.

        Flamengo tem que jogar no Macaranã. Esses jogos da Libertadores, com o estádio lotado mostrou pra nós porque o melhor pro Flamengo é o Maracanã.

        • White seu vascaino declarado, queria saber como você ainda posta aqui, como ainda permitem que você que já postou aqui chacoteando o Mengão quando empatou com o Bacalhau Imundo, e continua aqui no mesmo lugar…Esse site permite tudo….uma veradeira bagunça…

  • Isso se chama “falta de estádio próprio”… se tivessemos um estádio regular próprio pra jogar em casa, isso seria fichinha pro Flamengo… Mas infelizmente todos sabem que nosso querido maior do mundo carece disso…

    Não me envergonho disso… não temos estádio e nosso mundo, clube ou futebol não vai acabar, mas que precisamos dar um passo logo para ter nosso “ninho próprio”, sim temos e o mais breve possível para continuar crescendo em ritmo acelerado!

  • FLAMENGO, que falta faz um Estádio, Próprio!!! SRN!!!
    ?⚫?%

Comentários não são permitidos.