De visual novo e na final do Carioca, Vaz espera retomar boa fase no Fla

Na vitória do Flamengo sobre o Botafogo por 2 a 1, na semifinal do Carioca, o zagueiro Rafael Vaz voltou ao time titular do Flamengo e atuação segura foi bastante elogiada. De cabelo novo, defensor espera que boa fase volte e briga por vaga no time titular com Donatti deve ser boa no clube.

– Só quis mudar um pouco, já estava há muito tempo com aquele cabelo, fazer uma coisa diferente. Chega de inventar. Espero que as coisas comecem agora a voltar para o seu lugar – disse.

Camisa 33 também revelou estar feliz por ter agradado e sabe que a pressão diária no Flamengo sempre vai existir.

– Muito feliz, bom saber que o professor confia em mim. Espero ter retribuído bem a confiança dele. Jogar no Flamengo é isso, pressão diária. Sei da minha qualidade e sei o que tenho que fazer aqui. A torcida tem o direito de cobrar, mas o mais importante é saber que o professor confia em mim para ajudar o Flamengo.

Rafael Vaz em treino do Flamengo

Quando perguntado se tinha mudado o estilo de jogar, Vaz afirmou que não. Segundo ele, gramado pesado era para redobrar a atenção e passar mais segurança para os companheiros.

– Não não (mudou o estilo de jogo), o campo estava pesado, choveu demais. Temos que passar mais segurança, foi isso que eu procurei fazer, já que o campo não estava ajudando muito.

Por fim, Rafael Vaz comentou sobre duelo contra o Furacão, onde pode ser titular mais uma vez, caso Donatti siga de fora do time.

– A equipe do Atlético é muito qualificada, nosso time tem que prestar atenção. O jogo aqui foi difícil, imprimimos um ritmo forte. Lá é muito difícil de jogar, temos que ter atenção para fazer uma grande partida.

Fonte: Lance

Veja também

  • Jogue sério, sem inventar de ser lançador, cobrador de faltas, camisa 10. Um pouco de humildade seria bom. Pedir desculpas depois não adianta.

  • Seriedade seria o correto. Tem bola, mas deve ter humildade, só andar de cabeça baixa não adianta. Se fizer o simples vai subir de patamar.
    Mas o titular é o DONATTI.

  • Será possível, esse bucho quebrado de cachaça dizendo que não vai mudar e Zé Ricardo continuar teimando nele.

  • Não tem como. Ai é o fim da picada. O Vaz diz que não vai mudar, logo, autocritica passa longe, então que mofe no banco. Donatti vem muito bem, e não tem a menor lógica ele ficar no banco de novo. Ai meu até os que defendem o Zé vão ter que admitir o absurdo disso. Já chega o “outro” que já está de volta.

  • Se isso acontecer, se ele voltar a titularidade, tá provado que o Zé Ricardo é um tremendo paneleiro, quem sabe até xenófobo.

    Pois não dá pra acreditar de depois de um milhão de falhas individuais esse Vaz tenha mais uma chance, enquanto o argentino passou NOVE MESES trabalhando pra conquistar a sua vaga, e só saiu pra ser poupado de um problema muscular.

    • Verdade Xará. Já chega o outro que já está de volta…SRN.

  • Dai a César o que é de César.

    No domingo jogou bem, parou de putaria, entrou com seriedade que a posição exige e não cometeu falhas.

    Errou uma inversão quando o jogo já estava 2 a 0, mas tudo bem, só de não vê-lo tentar mandar a bola para o Guerrero em todo lance me deixou mais feliz.

    Se continuar assim pode ser um bom zagueiro para disputar posição com Donatti.

Comentários não são permitidos.