Diego chega à 10ª final na carreira

Longe de sua melhor fase como jogador do Flamengo, o camisa 35 Diego Ribas chega à décima final de sua carreira, sendo sete vitórias e apenas duas derrotas.

Com uma trajetória vitoriosa, o meia, apesar de não viver seu ápice, pode decidir o jogo em uma bola, como aconteceu na semifinal da Copa do Brasil, contra o Botafogo. Apesar de não estar bem, marcou o gol da classificação.

Diego tem a possibilidade de ser “O cara” da partida e escrever seu nome como um dos ‘camisas 10’ na história do Flamengo. Além disso, apesar das nove outras decisões disputadas, Diego não conseguiu ser protagonista em nenhuma delas.

Veja o histórico de finais:
Santos x Corinthians – 2002
Santos x Boca Juniors – 2003
Porto x Benfica – 2004
Porto x Once Caldas – 2004
Werder Bremen x Bayer Leverkusen – 2009
Atlético de Madrid x Athletic de Bilbao – 2013
Copa Ouro 2003
Copa América 2004
Copa América 2007

*O meia não participou de nenhum dos dois jogos da final do Campeonato Carioca, pelo Flamengo, neste ano.

Flamengo e Cruzeiro jogam nesta quarta-feira (27), no Mineirão. O jogo é válida pela finalíssima da Copa do Brasil. O primeiro jogo terminou empatado e não há gol qualificado para essa decisão.

Veja também

  • Faltou afinal da champions contra o real em 2014

  • Ele tava no banco de reservas em na final da Champions 2014 (Real Madrid 4×1 Atlético de Madrid).

Comentários não são permitidos.