Guerrero chega para julgamento na Fifa enquanto torcedores gritam seu nome

Paolo Guerrero está em momento crucial de definição na sua carreira e ao chegar para ser julgado na sede da Fifa, em Zurique, nesta quinta-feira, o atacante do Flamengo foi recebido por torcedores. Cercaram o carro do jogador enquanto gritavam mensagens de apoio, mas rapidamente ele entrou no local acompanhado de seus advogados e não deu declarações.

A sessão é fechada, sem acesso de jornalistas, e começou por volta de 11h (de Brasília) e deve durar aproximadamente três horas. Enquanto isso, em frente à entrada principal, um grupo de 20 peruanos que vivem na Suíça estão enfrentando um frio com sensação térmica de -1°C para dar apoio ao ídolo.

Guerrero dará seu depoimento junto com testemunhas, mas, segundo a assessoria do jogador, é improvável que o resultado saia já. A expectativa é que até segunda-feira, dia que termina sua suspensão provisória, a Fifa já tenha decretado a sua decisão.

O atleta testou positivo para a substância benzoilecgonina, principal metabólito da cocaína. O exame em questão foi realizado após a partida entre Peru e Argentina no dia 5 de outubro, pela eliminatórias da Copa do Mundo, e o camisa 9 recebeu suspensão provisória de 30 dias a partir de 3 de novembro, quando o caso foi divulgado.

Veja também