Independiente está na final da Sul-Americana e aguarda Fla ou Barranquilla

O maior campeão da história da Libertadores, o Independiente está em mais uma final de competição continental. Na noite desta terça-feira (28), o time argentino venceu o Libertad por 3 a 1, conseguiu reverter o 1 a 0 sofrido na ida, e se classificou para a decisão. Agora, o “Rei de Copas” aguarda o vencedor de Flamengo x Junior Barranquilla.

Duelo que acontecerá nesta quinta-feira (30), às 22h30, em Barranquila, pela partida de volta da semifinal. No jogo de ida, no Maracanã, o Rubro-Negro venceu por 2 a 1, logo, tem a vantagem do empate.

Os gols de Independiente x Libertad foram marcados por Barco e Gigliotti, que fez dois. O tento do Libertad foi deixado por Lucena. O time da casa precisou de poucos minutos para abrir o marcador, mas quando fez, anotou logo dois, um atrás do outro, já deixando o adversário em situação crítica. Ao final do primeiro tempo, os donos da casa venciam por 3 a 1, resultado que bastou para conseguirem a classificação.

Veja também

  • Não podemos deixar de não levar o Guerrero ele adora o chazinho de lá kkkkkkk e podíamos dar esse bendito chazinho pro Muralha, Vaz, Gabriel, Conca, Matheus Sávio, Pará, Rômulo, Massaraujo e por fim pro Victor Hugo e Rodrigo Caetano…
    E afasta a patota toda kkkkkk

  • A camisa mais pesada da América do sul, vai ser complicado pra qualquer um que enfrentar.

  • Flamengo do Bandeira é arrogante mas só fica no cheirinho

  • Melhor perder hoje do que ser vice.
    Bandeira tirou a fama de vice so vasco e trouxs peo flamengo.
    Pior presidente

    • É isso, penso dessa mesma maneira

      • E gostar de mais do vice e do cheira cola

  • Se por um milagre, o Flamengo passar pelo Barranquilla, creio que vão se borrar no primeiro jogo na Argentina, esse time não tem DNA para competições sulamericanas

  • Se a gente conseguir passar do Junior, seremos campeões sim, pois o segundo jogo será no Maraca, aí niguem segura, 80 mil cantando o jogo todo, a torcida carrega o time nas costas

    • Tem que pelo menos não perder o primeiro jogo na Argentina. Igual em 2013 contra o Patético Paranaense

      • Isso aí, um empate na Argentina seria perfeito pra situação, facilitaria muito, alem de não ter mais o gol qualificado na final

    • Torcida ajuda, mas não decide, o time entregando partidas pra equipes fracas e sem brio, não há garantia nenhuma que o mesmo não aconteça novamente.

      • Sim, já fizemos tão feio, mas tão feio no maraca (lotado e com forte apoio da torcida) inúmeras vezes que hoje em dia, não duvido é de tomarmos um sacode violento dentro de casa. Que coisa!! Isso se passarmos do Barranquilha. Credibilidade praticamente zero.

Comentários não são permitidos.