Temporada de 2018 começa em marcha lenta para o Fla

Caros Rubro-Negros,

Após um último trimestre de 2017 tão complicado quanto o do Flamengo, eis que mais uma vez estou aqui para escrever uma coluna e me comunicar com vocês. Em dia de estreia no FERJÃO 2018 vamos dar toda a moral que o torneio merece e falar sobre algo muito importante: o começo de 2018 para o Fla visando competições de fato importantes.

A palavra que define o ano de 2017 para o torcedor Rubro Negro é Frustração. Não tem como negar. Entrou técnico e saiu técnico e o time não conseguiu evoluir no quesito futebol. Não conquistou nenhum título de expressão e não deu as alegrias que o torcedor esperava e merecia.

Dito isso, a expectativa é que o ano de 2018 tivesse um começo agitado, com contratações pontuais em posições carentes e com um planejamento de ponta feito por nosso técnico “salvador da pátria“, el Profe Rueda

Pois é. Depois da novela que culminou com a saída do colombiano (ou seria uma dessas famosas “triologias de quatro partes que Hollywood inventou recentemente?) Carpegiani foi escolhido como nosso novo “técnico efetivo-interino até alguma hora aí“. E como se não bastasse isso, as chegadas de reforços ainda não engrenaram.

Não se pode negar o reforço que significa a saída de jogadores que pouco teriam a acrescentar em 2018, seja por pouca capacidade técnica ou por birra da torcida mesmo. Contudo, mesmo crendo que o elenco do Flamengo seja bem forte, é notório que existem posições carentes que precisam de ajustes. Muito se fala em 1 atacante, 1 zagueiro mais rápido e 2 laterais como as maiores carências do nosso elenco. Dessas posições penso que a lateral-esquerda é a que precisa de maior atenção. Com o ponta-esquerda Marlos Moreno já confirmado, o noticiário fala no volante Walace, ex Grêmio, e o já conhecido da Nação, o atacante Vagner Love, como reforços pretendidos no momento.

Ainda que saibamos que o Mais Querido está longe de ter a condição de abrir os cofres e trazer o jogador que quiser para a posição que necessite, é necessário sim reforçar o elenco. Reforços pontuais e que cheguem para jogar. Nada de jogador para compor elenco. Para compor elenco a base deve ser utilizada. As contratações devem ser cirúrgicas. 

A verdade é que o Mengão necessita de títulos de expressão em 2018. Acredito que o trabalho feito na administração do clube nos trará glórias, e penso que 2018 é um ótimo ano para que isso de fato ocorra. Um ano que promete muitas emoções, mesmo tendo começado em ritmo bem lento na Gávea… A conferir o que o futuro nos reserva.

Opine, elogie, critique…Participe!! E se você ainda não é Sócio Torcedor… faça o seu imediatamente!!! O seu maior benefício é ver um Flamengo cada vez mais forte!!

Luiz Henrique Amorim

Golaço: EBM, Azuis, Verdes, Wallin, Bap, etc. Em ano de eleição tudo é motivo para problemas. Por isso faço questão de elogiar por inteiro o grupo que lá em meados de 2012 se organizou e assumiu um Flamengo em estado de insolvência e calamidade administrativa. Não consigo olhar para a situação dos nossos vizinhos menores de bairro e sem pensar que provavelmente estaríamos mais na lama do que eles caso uma guinada nos nosso rumos não tivesse acontecido.

Seção Gato Mestre: Flamengo 1×1 Volta Redonda. Prevejo um jogo duro de assistir. De um lado, um Flamengo apenas com jovens jogadores, uma vez que o elenco principal ainda esta longe de ter condições de jogo. Do outro, o Volta Redonda. E assim começa o Ferjão 2018! 

Veja também

  • Caro Luis, o grande mérito dessa gestão foi reduzir o gasto com futebol lá no inicio, dispensar medalhões como Vagner Love, para priorizar pagamento de dividas. Depois recebeu uma grande ajuda do Profut, do socio torcedor, e do grande aumento das receitas de TV, mas não considero isso mérito deles, foi um movimento geral no mercado que aconteceria com qualquer um. Porém de 2 anos para cá a gestão se perdeu com o gasto absurdo na contratação de Guerrero, e desperdicios como o de Conca. Por isso reconheço que eles fizeram bem ao Flamengo, mas achar que sem eles estariamos piores que os 3 rivais é desprezar o valor de uma torcida de 40 milhões de apaixonados. A riqueza vem da torcida, da proxima vez me faça o favor de elogiar o clube e a torcida, com sua historia centenária, ao inves de um pequeno grupo de políticos.

    • Eu acho que o Profut é mérito deles de alguma forma. Primeiro por se manter pagando, o que não é o mesmo que pode se dizer de vários times ai e que logo logo vai gerar consequências. E segundo pro que o Bandeira articulou muito sobre o assunto. Militou mesmo. Os aumentos de receita também tem mérito. Por que eles deram algo que eu jamais imaginei que o Flamengo teria: Credibilidade.

      A contratação do Guerrero foi cantado em prosa e verso por boa parte da torcida e da mídia. Foi uma contratação correta, apesar de supervalorizar o apenas bom jogador peruano.
      No mais, obviamente eles tem erros e acertos, isso não se discute.

      Eu não acho que estaríamos piores. Eu tenho convicção. Não é menosprezar a torcida. É falar de momento e gestão. Eu tenho certeza que, no ritmo que estávamos em 2012, certamente amargaríamos uma segundona. E estaríamos devendo salário, treinando em qualquer lugar alugado, etc, etc, como sempre foi até pouco tempo.

      Não é uma questão de elogiar políticos. É uma questão de elogiar um grupo que fez muito bem para o clube no assunto gestão. Diferente dos que passaram por ali na últimas décadas e só deixaram caos. basta lembrar a dívida do Fla… Que “era de uns 350 milhões” e depois de ser auditada, em 2013, se mostrou mais do que o dobro disso. Não tem história, torcida, paixão que resista a esses tipos de coisa… ia passar mal sim se continuasse como estava.

      Abraços

      • Perfeito ! Nas gestões passadas cometiam-se loucuras em contratações , não pagavam jogadores, funcionários, luz e água cortadas , fico feliz hoje em poder discutir com os amigos nossa situação na parte de cima da tabela, libertadores, Sulamericana
        Precisamos de ajustes, não precisamos de gente fazendo loucura , contratando e não pagando,na boa ;
        Nosso crescimento ” é de verdade” não existe uma Unimed ou Crefisa bancando, estamos no caminho certo , diminuindo gastos e aumentando receitas
        SRN em qualquer situação!!!

      • Então tudo bem, tentei te passar a impressão de quem fez MBA fora do Brasil, com foco em analise financeira, e que trabalhou na área. Alem de ser investidor e acompanhar relatorios financeiros trimestralmente. Opinião alinhada com muitos analistas de mercado…
        Eu não acho que houve milagre economico, nem que o Flamengo estaria um caos, porque acompanhei diversas gestões desde o final dos anos 70. Reconheço que houve um mérito na politica de austeridade lá no inicio, que “descolou” as despesas do clube do crescimento ja previsto nas receitas. Esse crescimento ocorreu exponencialmente em todo o mundo, não somente no Brasil. Mas me desculpe, não posso aceitar a ideia que houve um unico messias que salvou o time da falência ou de um rebaixamento. A história do Flamengo é centenária, não é apenas os ultimos 10 ou 20 anos. Abs

        • Agradeço pela discussão saudável. Talvez eu não tenha me expressado bem no sentido de que em momento algum quis passar a ideia de um Messias. Foi o trabalho de um grupo. Um grupo que, em linhas gerais, de fato não fez nada demais além de trazer para o Flamengo conceitos de mercado que já são de amplo conhecimento na gestão, como você sabe. Contudo, como sabemos que quando se fala de clubes de futebol as coisas são diferentes. Aquilo era um mundo aparte até recentemente. A, entre os clubes grandes, a impressão é que a situação do Flamengo só não era pior que a do Botafogo, e isso única e exclusivamente pelo tamanho da marca Flamengo e de sua imensa torcida.

          Agora, você, com o conhecimento que você tem de mercado, não acha que credibilidade é fundamental? Que a imagem que o Flamengo tinha em 2012 e a imagem que o Flamengo tem hoje não são completamente distintas?

          No mais, vou te dizer uma coisa: Acho que logo veremos outros times grandes no Brasil passando por situações iguais ou piores que a do Fluminense… e acredito fortemente que passaríamos muito mal caso os rumos do clube não fossem mudados em meados de 2013.

          O que não quer dizer que essa turma ( que se dividiu e da qual o EBM faz parte ) não erre. Erra. Mais do que eu gostaria que errasse, com certeza.

          Abraços e continue participando!

          • Sim claro amigo, credibilidade ajuda atrair uma carabao que paga 10-15 milhoes ao ano. Mas o contrato de TV, que é disparado a maior fonte de renda (mais de 200 milhões) não depende de credibilidade, e sim da audiência. O Flamengo sempre foi e sempre será o maior contrato de TV independente de quem estiver sentado na cadeira do presidente. O segundo maior contrato – Adidas, da mesma forma, inclusive foi assinado na gestão passada. Por isso insisto, valorizem mais a torcida, nossa riqueza vem da Nação! No dia que o presidente atrair uma empresa privada para injetar pelo menos uns 60 milhões em patrocinio eu direi que é mérito da credibilidade. Por enquanto continuamos dependendo da política e da Caixa. Abs

          • Concordo que as receitas de TV e de material esportivo não foram influenciadas por isso. Contudo, uma receita muito importante hoje no clube é a que vem do ST. E essa depende muito de credibilidade, além de diversos outros fatores.

            Aos poucos essa credibilidade vai atrair mais investidores, na medida que os outros clubes forem entrando em situações que o Flamengo conhece muito bem…

          • Positivo, agora concordo 100% contigo. Uma receita que é mérito total desse grupo, incluindo até o Bap que foi o idealizador como Diretor de Marketing. Mas que continuou crescendo depois que ele saiu, muito devido à credibilidade de EBM. Parabéns aos envolvidos! Também vejo que essa credibilidade atrai bons jogadores, que querem garantias de receber em dia. Sem duvida, outro mérito de EBM e sua turma. Espero que todos entendam que o meu ponto central é valorizar mais a torcida, toda nossa riqueza vem da grandeza da Nação. Não aguento mais ler nessa coluna os defensores dessa gestão tentar colocar os erros na conta da torcida. Que não podem criticar ou cobrar melhorias. Isso é uma grande falácia, o torcedor é quem mais pode e deve reclamar, pois gasta seu tempo e seu dinheiro, sem nada em troca além de uma paixão, para bancar todos que estão lá, de cartolas a jogadores. Chega de maltratar o torcedor, de dar banana, de sonegar informação, de preços abusivos de ingressos. Espero que a proxima gestão tenha mais respeito a todos torcedores. Obrigado pelo espaço e atenção para um òtimo dialogo. Abs

  • ferjão 2018 é para gastar a base, recuperar os que voltam de empréstimos, além dos encostados, nos clássicos dar ritmo de jogo aos titulares.

    • Também acho. Será que a torcida como um todo consegue ver isso ou em qualquer Revés já vão pedir a cabeça de todo mundo, do porteiro ao presidente?

      • Torcida bipolar é imprevisível.

        • De fato. Já comentei sobre isso em uma ou duas colunas.

          Na próxima coluna eu devo fazer mais um breve comentário sobre isso, relacionando a todas as certezas que “todo mundo” tinha que “saindo A, ou B” e ” qualquer técnico bota esse time pra jogar”, etc, etc e vimos no que deu.

          Futebol é mais complicado do que parece do nosso sofá…

          • verdade, acabaram alguns bodes expiatórios, EMBARCADOS:
            ZR
            Fernando Gonçalves
            Victor Hugo
            MA
            Gabriel
            Matheus Sávio
            Mancu
            fora outros que voltaram de empréstimo e já foram emprestados de novo e outros que acabaram o contrato….uma bela limpa foi feita… só sobrou para bode expiatório mureta e vaz.
            agora a culpa será deles, rsrsrsrs

          • Mas não adianta. É mais fácil achar bodes expiatórios do que tentar entender as coisas…. logo aparecem novos.

          • tem mais um, o “principal”, EBM, se não ganhar nada este ano, EBM, RC, Fred Luz e toda adm perderão a boquinha nas eleições, não faram os sucessores, sendo assim, o antigos larápios de sempre que se importam em ganhar títulos e ganhar muita grana ilícita para outros próprios bolsos voltaram com tudo para quebrar o clube novamente, até conseguirmos ser um bangu da vida, kkkkkk

          • Medo….

  • Pablo e V.Love não vem e Wallace as negociações estão emperradas pq o Hamburgo quer contratar um jogador pra posição antes de empresta-lo.

  • Nunca vi gente para reclamar tanto.
    Sério, eu entro na Coluna e sempre (sempre!) são artigos nesse sentido: “marcha lenta”, “decepção”, “ano perdido”…

    Mudaram o sentido da palavra “torcer” para “lamentar” e eu não fui avisado?

    • Isso aqui parece Reclameaqui.
      O próximo passo será trocar o canto de “vai pra cima deles Mengo” para “vc vai perder que eu sei Mengo”…
      Chato pra caramba.

      • Esse não é o meu perfil. Basta ver minhas colunas anteriores para

        isso. Contudo não dá para negar que 2017 ficou aquém das ( enormes )
        expectativas e que isso joga muita pressão no Flamengo em 2018. Assim como não dá para negar que, apesar de termos um elenco forte, alguns reforços pontuais são bem vindos. E quanto mais cedo eles chegarem, se ambientarem, melhor.

        No mais, sou totalmente contra esse tipo de torcida que só lamenta, só reclama e só critica. Contudo, acho que o equilíbrio é a chave. Criticar o que não está bom e elogiar o que é bem feito.

        Abraços!

    • E você quer o que? Elogios? Uma torcida de massa de manobra? Ainda bem que o torcedor está aprendendo a raciocinar, não aceitar a mediocridade do atual momento do Flamengo com essa desculpa de torcer

      • Mediocridade? Temos o segundo melhor elenco do país. Chegamos em duas finais, uma nacional e outra continental. E os dois títulos escaparam no detalhe, com dois erros bobos individuais, um de um jovem goleiro e outro de um pênalti infantil duvidoso. Se tivéssemos ganhado os dois títulos sua opinião seria a mesma? Estamos evoluindo a cada ano que passa, isso é inegável. Nosso elenco só melhorou a cada ano. Imediatismo não combina com futebol de alto nível, vide o tempo de permanência de treinadores nas equipes europeias. Planta-se agora para colher lá na frente
        Reclame menos é faça a sua parte.

        • As duas competições que você enche a boca pra dizer que a gente chegou as finais, são competições secundária, inclusive só disputamos a sul americana pelo vexame que a equipe protagonizou novamente na libertadores!
          As duas competições mais importantes do ano fracassamos miseravelmente, passamos vexame na libertadores e no campeonato brasileiro não disputamos o título, ficando em 6° lugar, quer me convencer que isso é normal?
          O “se” não existe, o que existe é a vergonha de perder duas finais!

          • Não acho que seja pra tanto…como disse acima…acho que o caminho que estamos trilhando é correto. Ajustes são necessários. Mas o caminho é esse.

            No mais, a evolução é nítida. Basta ver o que o Flamengo fez desde de 1993. Tirando um brilhareco aqui ou ali era sempre sofrimento. Até pelo nível de cobrança fica nitida a mudança de patamar. Se continuar fazendo o que tem feito de certo e acertas alguns detalhes logo teremos muito o que comemorar.

          • Vergonha de perder duas finais? Por acaso fomos goleados, ou completamente dominados? Não, vendemos caro as duas finais. Foram decididas em detalhes.
            Eu n acho q a gestão do futebol tem sido perfeita. Muitos erros foram cometidos. Mas eles vem diminuindo. Hj o Flamengo n perde jogador que se destaca. Estamos mantendo os bons jogadores que temos, e a cada ano nos reforçamos mais. Como falou o colunista, se a expectativa está tão alta é pq estamos no caminho certo. Os títulos virão. O maior erro que podemos cometer agora é achar que esta tudo errado e mudar a direção. Estamos no caminho certo. Com poucos ajustes alcançaremos o sucesso.
            Respondendo sua pergunta, não ganhar a libertadores e o brasileiro é absolutamente normal. Poderíamos ter sido mais competitivos, como fomos na copa br e sul-americana. A tendência é melhorar.

          • Ótimas respostas. Estamos com o mesmo pensamento.
            Tento entender porque tanta lamentação e frustração da massa.
            Artigos como este da página passam essa imagem chata e frustrante, quando temos diversos motivos para nos vangloriar e comemorar.
            Temos frustrações, claro. Mas reclamar que não ganhamos Libertadores como se fosse obrigação, como se estivéssemos jogando sozinhos não faz sentido.

            Por último, volto na pergunta que fez: se não tivéssemos perdido as duas finais (por erros individuais, infelizmente) teríamos um ano espetacular. Porque perdemos, está tudo errado?

          • Pra completar, vergonha eu sentia quando corríamos risco de cair, quando atrasavamos salários, quando jogadores não queriam vir pro Flamengo e optavam por ir jogar em times mais bem estruturados, quando tínhamos a maior dívida do país, quando o nome do clube estava frequentemente envolvido em matérias policiais.
            Éramos uma piada. Hoje somos fortes e temidos por todos, favoritos em qualquer competiçao que disputamos.
            Não, eu n sinto vergonha de ter ficado em sexto no Br é caído na fase de grupos da liberta, pq sei que em breve levantaremos essas taças. Pode n ser esse ano ou no próximo, mas se seguirmos o caminho que estamos trilhando chegaremos lá.
            Paciência amigo.
            SRN

          • Hipocrita, o trabalho do futebol é ruim, investimento alto com pouco retorno

          • Hipócrita? Vai lá no dicionário ver oq significa a palavra antes de utiliza-la. Além de mal educado é burro.

          • Vou bloquear, passar bem você e a sua mediocridade!

        • Eu concordo com boa parte desse raciocínio.

        • Exatamente!!

      • Não acho que seja para tanto também…

        Acho que estamos no caminho correto. Alguns ajustes são necessários… Mas estamos num bom caminho.

        Abraços!

        • Novidade nenhuma pra mim, se o Bandeira peidar, voces falam que tem cheiro de rosas

          • Isso não está correto. Sou de uma linha simples: Acertou? Elogia. Errou: Crítica. Simples. Fácil. Honesto.

            Como exemplo, fui muito crítico a postura do EBM transmitida em certas situações e declarações.

          • E você acha que estamos no caminho certo no futebol? Que o trabalho é algo interessante? Investimos nos dois anos anteriores cerca de 78 milhões, tivemos sempre entre as folhas salariais mais altas do país, e vencemos absolutamente nada! Demos vexames nesse dois anos!

          • Acho que o caminho do clube como um todo está no rumo certo. Ajuste tem que ser feitos. E sobre os investimentos e contratações…futebol não é ciência exata. E parte desse investimento ainda está no clube e eu ainda creio que vai render bastante…

            E sobre vexames…sinceramente eu reservo essa palavra para outros eventos, que inclusive já vimos no Flamengo em diversas ocasiões.

            Com os devidos ajustes e um pouco de tranquilidade eu acredito que chegaremos lá.

          • O clube caminha certo nas finanças, no Marketing, na estrutura, no futebol é medíocre, triste e deprimente.
            Futebol tem que ser separado das outras áreas, não confunda, e ser eliminado na fase do grupo parou de ser vexame? MDS

    • Caro Breno, esse não é o meu perfil. Basta ver minhas colunas anteriores para isso. Contudo não dá para negar que 2017 ficou aquém das ( enormes ) expectativas e que isso joga muita pressão no Flamengo em 2018. Assim como não dá para negar que, apesar de termos um elenco forte, alguns reforços pontuais são bem vindos. E quanto mais cedo eles chegarem, se ambientarem, melhor.

      No mais, sou totalmente contra esse tipo de torcida que só lamenta, só reclama e só critica. Contudo, acho que o equilíbrio é a chave. Criticar o que não está bom e elogiar o que é bem feito.

      Abraços!

      • Concordo que é um equilíbrio. E é o que eu não tenho encontrado aqui na Coluna e nem nos comentários.
        Tivemos um 2017 muito bom. Fomos campeões do estadual, estivemos em 3 finais, conquistamos vaga na Liberta, contratamos jogadores importantes e nos consolidamos ainda mais como o clube melhor estruturado do Brasil.

        Sobre o elenco, temos um elenco muito mais forte que o do Grêmio, que foi campeão da Liberta.

        Na boa, precisamos apoiar.

    • ..

    • Pelo visto voce quer mudar o sentido de torcer, para se conformar! Se não gosta de torcida, mude pro Botafogo.

      • Em termos de elenco temos o melhor time dos últimos anos.
        Formos à final de 3 competições em 2017, sendo que ganhamos uma delas.
        Conquistamos uma vaga na Libertadores por mais um ano consecutivo.
        Não temos notícias de briguinhas, salários atrasados, perdas de jogadores, problemas financeiros, etc.
        Se vc chama isso de “se conformar”, então estou bem conformado.

        • Não senhor, estou satisfeito com as melhoras e espero que continuem no caminho certo para ser campeão esse ano. O que chamo de se conformar, é achar que ser Vice e se classificar na sorte para a Libertadores (no ultimo minuto com um penalty maluco) já está bom, e atacar torcedores que querem ser campeões. Basta de culpar torcedor pelos erros da gestão, e pelos insucessos de jogadores supervalorizados. Chega de dar banana a torcida, de preços abusivos de ingressos, de esconder informações de como gastam o dinheiro, para proteger jogadores e seus empresários das comissões milhonárias. Meu ponto não é criticar pessoas nem muito menos fazer política. O meu ponto é de mais respeito à Nação. Sem os torcedores que voces tanto criticam, e em suas proprias palavras não podem “se lamentar”, o Flamengo não seria o gigante que é, mesmo se EBM tivesse mandato vitalício. Voce tem todo o direito de estar satisfeito com os Vices, mas respeite o lamento de quem quer mais, quem quer ser campeão. Vamos acordar e respeitar o torcedor que gasta muito dinheiro e tempo para bancar todos que lá estão! Respondido?

          • Realmente temos pontos diferentes.
            – “esconder informações de como gastam”: isso é exatamente o oposto da prática desta gestão. O Flamengo é um dos poucos que ganharam prêmios de transparência na prestação de contas. Afirmar isso é ir contra à realidade e diversos especialistas de finanças – minha área de formação, inclusive.

            – “estar satisfeito com vices”: vc anda caindo na pilha dos vascaínos, aposto. Claro que todos torcem para ser campeões, mas somente um time será e, infelizmente, fomos apenas 1 vez em 3 finais que disputamos no último ano.
            Mas, fico feliz de o Fla ter feito parte da final. É muito melhor ser 2o lugar do que ter sido eliminado nas semis, quartas ou oitavas. Das 3 principais competições mata-mata (Liberta, CdB e Sula) nós fomos à duas finais. Espetacular!
            Seria melhor sermos campeões, óbvio. Mas, isso não tira o brilho de estar sempre nas finais.

          • Então somos de escolas diferentes amigo, também estou na area de analise financeira, acompanhando relatórios de várias empresas trimestralmente. Os relatórios do Flamengo tem contas que são verdadeiras caixas pretas. Cadê o detalhamento dos serviços de terceiros? Porque salario de jogador não pode ser informação publica, já que é assim em quase todos os mercados desenvolvidos? Porque o presidente toma palavra em coletiva para dizer que a situação contratual de Guerrero não pode ser esclarecida? E nem o destino da verba da venda de VJ e suas comissões? As notas técnicas são simples, sem detalhes, porque não temos uma planilha que lista o que pagamos de luvas a cada jogador? Reconheço que está melhor que antes, mas a partir do momento que se faz promessas de transparência e começa um programa de socio-torcedor, tem que haver mais respeito ao dinheiro alheio. Tem que se comportar como empresa privada, dando satisfação aos seus investidores e shareholders (torcedores). Abs

  • A lateral esquerda pode ser resolvida com Ewerton.

    • Também acho, em 2009 ele atuou muito bem, era um garoto, agora está mais experiente

    • Até onde eu sei o everton é titular na ponta esquerda e um dos motivos de sua titularidade é por que o mesmo consegue ajudar na marcação e subir pro ataque. Se o Everton jogando ali mesmo que seja como ponta, mas ajuda a marcar e tudo o lado esquerdo tem problemas, por que voce acha que so com ele estaria resolvido ???

    • Será? Até que isso não ocorreu em 2017, mas em outros anos o Everton tinha um problema enorme para terminar as partidas. Não sei se ele consegue ser lateral assim.

      Além disso eu tenho a impressão que o Everton não termina 2018 no Flamengo…

Comentários não são permitidos.